Nossos Vídeos

segunda-feira, 15 de março de 2010

RODAGEM representa 6% dos CUSTOS de TRANSPORTE URBANO

Os pneus representam o quarto insumo mais importante na produção do serviço, antecedido por: mão-de-obra, combustível e veículos.


Marcos Bicalho dos Santos, diretor superintendente da NTU


Tendo em vista o impacto provocado pelo consumo de pneus em uma empresa de transporte urbano e todos os fatores que influenciam no desgaste e investimentos, o diretor superintendente da NTU - Associação Nacional das Empresas de Transportes Urbano, Marcos Bicalho dos Santos, destaca que “na hora de reformar ou optar pela compra de nova safra de pneus, cada empresa desenvolve seus próprios critérios para decidir sobre o momento certo de realizar as reformas”, e acrescenta que “deve-se levar em conta a marca do pneu e as condições do piso onde os veículos circulam”.
Ele ainda explica que os custos de rodagem chegam a representar, em média, cerca de 6% dos custos totais das empresas de transportes urbanos por ônibus. Mas o impacto provocado pelo consumo de pneu no custoxbenefício de uma empresa de transporte não pára por aí. “Os pneus representam o quarto insumo mais importante na produção do serviço, antecedido por: mão-de-obra, combustível e veículos”, reforça.
As empresas, de uma forma geral, dedicam especial atenção aos processos de aquisição, controle de uso e recapagem dos pneus com vistas a reduzir o impacto dos custos desse insumo na produção de transporte. Mas Bicalho adverte que “a relação custoxbenefício é, sem dúvida, o principal critério utilizado na decisão de compra de pneus pelas empresas”.
Outro fator importante a ser considerado é a segurança. “As boas condições dos pneus são fundamentais para garantir a segurança da circulação dos veículos e, portanto, da equipagem e dos usuários. Quando se transporta vidas humanas, a questão é fundamental e prioritária”, diz.
E para garantir a segurança do transporte, sob o ponto de vista dos pneus empregados na frota, Bicalho garante que “só mesmo se utilizar pneus de qualidade, realizar as reformas nos momentos adequados e manter um controle contínuo do desgaste da banda de rodagem e das condições da carcaça”.
Segundo ele, a difusão e troca de informações também são fundamentais para que as empresas otimizem cada vez mais seus processos internos. “Acredito que exposições sobre novidades tecnológicas na produção e reforma de pneus e sobre processo de controle de uso seriam de grande utilidade para empresas de transporte em geral”, opina.
Uma das mais importantes feiras do setor – a 9ª edição da PneuShow/ Recaufair 2010 - Feira e Convenção Internacional de Pneus e Equipamentos - Reforma, Reciclagem, Comércio e Serviços – acontece de 13 a 16 de Abril de 2010, no Expo Center Norte. A feira reúne convenção com temas de grande importância, cursos técnicos, reuniões setoriais, missões internacionais e uma exposição dirigida especificamente para negócios.


SERVIÇO

PNEUSHOW- RECAUFAIR 2010 – 9a Feira e Convenção Internacional de Pneus - Reforma, Reciclagem, Comércio e Serviços
Local: Expo Center Norte – Pavilhão Vermelho
São Paulo – Brasil
Data: 13 a 16 de abril de 2010
Promoção: Francal Feiras
Realização: ARESP – Associação das Empresas Reformadoras de Pneus do Estado de São Paulo, ABR – Associação Brasileira do Segmento de Reforma de Pneus e AREBOP - Associação Nacional das Empresas de Reciclagem de Pneus e Artefatos de Borrachas.
Apoio: FETCESP – Federação das Empresas de Transporte do Estado de S.Paulo; ANIP – Associação Nacional da Indústria de Pneumáticos, ABRAPNEUS - Associação Brasileira dos Revendedores de Pneus, INMETRO – Instituto Nacional de Metrologia, Normalização e Qualidade Industrial, SETCEPAR - das Empresas de Transportes de Cargas no Estado do Paraná, SETPESP – Sindicato das Empresas de Transportes de Passageiros do Estado de São Paulo e SETRERJ – Sindicato das Empresas de Transportes Rodoviários do Estado do Rio de Janeiro.
Apoio Internacional: TIA – Tyre Industry Association, Federación Argentina del Neumático, e ARAN - Asociación de Reconstrutores Argentinos de Neumáticos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.