Nossos Vídeos

quinta-feira, 8 de julho de 2010

FINEP destina R$ 75,5 milhões para pesquisas em fármacos e medicamentos

FINEP destina R$ 75,5 milhões para pesquisas em fármacos e medicamentos

Chamada pública vai selecionar projetos desenvolvidos por ICTs e empresas


A FINEP acaba de lançar uma chamada pública, no valor de R$ 75,5 milhões, para apoio a projetos estratégicos na área de fármacos e medicamentos. Serão selecionadas propostas, em duas linhas temáticas, a serem desenvolvidas de forma cooperativa por instituições de pesquisa científica e tecnológica e empresas do setor.
Na área de fármacos (linha A), serão contemplados projetos de desenvolvimento de produtos com atividade antiretroviral para o tratamento da AIDS, como o efavirenz, tenofovir, ritonavir, lopinavir e atazanavir, obtidos a partir de síntese química e que busquem a verticalização do processo de produção, da síntese ao escalonamento.
A linha B engloba outros fármacos, biofármacos e fitomedicamentos, cujos desenvolvimentos contemplem inovações em rotas de produção ou processos de formulação. Os fitomedicamentos deverão ser desenvolvidos com utilização de princípios ativos encontrados na biodiversidade brasileira. Nesta linha serão priorizados projetos que estejam nas etapas finais de desenvolvimento de medicamentos (formulação e testes clínicos). O valor mínimo a ser solicitado por projeto é R$1 milhão, podendo chegar a R$ 8 milhões.
Do total de recursos, R$ 41,5 milhões são do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FNDCT) e R$ 34 milhões do Fundo Nacional de Saúde - FNS. O formulário para apresentação das propostas estará disponível no site da FINEP no dia 19 de julho. O prazo final para o envio eletrônico das propostas é 8 de setembro, assim como o resultado final está previsto para o dia 4 de novembro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.