Nossos Vídeos

segunda-feira, 9 de maio de 2011

Subprefeitura de Guaianases remove famílias de área de risco

Segundo relatório do IPT, as casas foram construídas em área de risco muito alto



Subprefeitura de Guaianases desfaz moradia em área de risco - Demolição garante segurança dos moradores

A Subprefeitura de Guaianases, nos dias 4 e 5 de maio, deu continuidade à remoção de 46 famílias que construíram suas casas irregularmente em uma área de alto risco, sujeita à deslizamentos, na rua Teotônio Pavão, Jd. São Paulo II. A ação, iniciada nos dias 18 e 19 de abril, visa principalmente preservar a vida dos moradores e o meio ambiente. Para as despesas com novas moradias, após cadastro socioeconômico, cada família recebeu da Secretaria de Habitação (SEHAB) o auxílio aluguel no valor de R$ 300,00 mensais.

A operação foi organizada pela Coordenadoria de Planejamento e Desenvolvimento Urbano (CPDU) e comandada pelo Supervisor de Fiscalização, Moacir Vilalva Junior, contou com a participação da Supervisora de Habitação, Neice Cristina Warangon e com o total apoio da Guarda Civil Metropolitana, Polícia Militar, Guarda Ambiental, Defesa Civil, Sabesp e Eletropaulo.

A ação, além de garantir a segurança das famílias, atende à legislação municipal, que proíbe esse tipo de edificação em áreas públicas e particulares. Após o desfazimento, começa o trabalho de limpeza do local, que apresenta grande quantidade de entulho.

Para evitar nova ocupação, a Unidade de Áreas Verdes da Subprefeitura de Guaianases revitalizou uma área pública vizinha ao terreno ocupado. A área revitalizada na rua Pedro de Seabra foi equipada com brinquedos para as crianças, bancos e mesas para os idosos e muitas árvores para todos os moradores. Antes a área servia de depósito de lixo e entulho.

Foram identificadas 407 áreas de risco na cidade. E, para evitar tragédias causadas pela ocupação desordenada, a Prefeitura está fazendo a remoção dos moradores, sendo esta uma de suas principais bandeiras.

Revitalização de praça no 150º aniversário de Guaianases

Revitalização de praça e plantação de mudas, abrem as comemorações do 150º aniversário de Guaianases


No último domingo, 01/05, a Subprefeitura de Guaianases abriu as comemorações dos 150 anos do bairro de aniversário inaugurando a revitalização da Praça Pedro de Seabra, que estava abandonada servindo de depósito de entulho e lixo, causando sérios danos à comunidade e aos alunos da creche Juscelino Kubitschek, que está situada ao lado da praça.

A Praça Pedro de Seabra foi completamente limpa e totalmente reformada. Agora conta com árvores, gramas, bancos novos e brinquedos para as crianças, se divertirem, como escorregador, gangorra e balanço. Para tornar-se num espaço mais agradável ainda, a Subprefeitura fez uma parceria com a ONG "O Seu Táxi", e, no primeiro dia dos festejos, foram plantadas dez mudas de Pau-brasil, que originou o nome do nosso país.

A praça revitaliza situa-se próxima a uma das áreas de risco identificadas pelo IPT - Instituto de Pesquisas Tecnológicas, e que está sendo desocupada pela Prefeitura. Os moradores que moram em área regular, em especial as crianças, passaram a manhã inteira satisfeitas, participando ativamente da festa de abertura.

O chefe de gabinete, Saint Clair da Rocha Coutinho Sobrinho, representando o subprefeito Robert Eder, plantou e regou as mudas, além de apreciar a roda de capoeira que fez uma apresentação ao ar livre para a comunidade. No total, a entidade já plantou 172 árvores distribuídas entre Guaianases e Itaquera. De acordo com o presidente da entidade da ONG, João Batista, a plantação do Pau-Brasil diminui a eliminação do CO2 no ar, sendo que seis a dez mudas da planta equivalem a 600 KG de CO2 absorvidos por dia.

As crianças, por sua vez, se divertiram nos novos brinquedos, e com a ajuda de monitores, colocaram a criatividade em prática, desenhando, pintando e construindo um varal com os trabalhos realizados. Elas chegaram a fazer fila para terem rostos e braços pintados pelos agentes públicos.

O pedido de melhoria da praça foi encaminhada, em 28/3/11, pelo presidente da Associação dos Moradores do Conjunto Jardim São Paulo II, ao Subprefeito de Guaianases, Robert Eder Neto, que rapidamente atendeu a reivindicação. O final da inauguração foi marcada pelo gingado de um grupo de capoeira da região.

A programação segue por todo o mês de maio. Nos dias 6, 7 e 8 de maio O CEU Jambeiro apresenta a peça de teatro "Ensina-me viver", com a atriz Glória Menezes. Já no dia 8/5, tem Circuito Corrida e Caminhada, com entrega de rosas, exames de diabetes e pressão arterial. Este último evento acontece a partir das 7h, na avenida José Borges , s/n (Nova Radial Leste, em frente a o CEU Jambeiro, que fica na avenida José Pinheiro Borges s/nº, no Jardim Moreno, em Guaianases.

Subprefeitura de Guaianases opera três ações de fiscalização

Retirada de Lambe-Lambes de caixas telefônicas


 
Posto de gasolina sem Cadan
A Subprefeitura de Guaianases, por meio da Supervisão de Fiscalização, da Coordenadoria de Planejamento e Desenvolvimento Urbano (CPDU), realiza por três dias seguidos, ações voltadas ao cumprimento da Lei Cidade Limpa (14.223/06), que dispõe sobre a ordenação dos elementos que compõem a paisagem urbana da cidade de São Paulo.
Fiscal mostra a falta de CADAN em anúncio indicativo

Na quarta-feira, 27/4, os agentes vistores, acompanhados pela Guarda Civil Metropoltitana, autuaram e multaram três estabelecimentos que tiveram seus pedidos de Cadastro de Anúncios (CADAN) indeferidos. A legislação vigente determina que o número do Cadastro de Anúncios (CADAN) esteja devidamente à mostra nos anúncios indicativos na parte externa dos comércios.

Fiscal autua e multa HSBC por falta de Cadan
Nesta operação, foram flagrados: um posto de gasolina, localizado na avenida Nordestina; uma agência bancária do HSBC, situada na avenida Salvador Gianetti; e uma loja de móveis, da rede Marabraz, que fica na rua Otelo Augusto Ribeiro. Cada um dos estabelecimentos recebeu uma multa de 10 mil reais, além de intimação para que regularizem a situação. A solicitação de licença para anúncio indicativo, pode ser feito pela internet, por meio do link "licenciamento de anúncio".
Na quinta-feira, 28/4, funcionários da Supervisão de Fiscalização, recolheram vários materiais de propaganda irregulares. Na rua Cruz do Espírito Santo foram apreendidos dois banners, três cavaletes - com propaganda e exposição de CDs piratas -, além de uma faixa. Já na Estrada de Poá, foram retirados quatro banners, expostos irregularmente na parede de estabelecimentos que já foram autuados e multados devido ao descumprimento da lei. Mais uma faixa e dois banners foram recolhidos nas ruas Cabral de Ataíde e João da Silva Aguiar, respectivamente.

Agencia bancária sem Cadan
Ainda na quinta, 28/4, funcionários da Supervisão de Limpeza Pública, em conjunto com a Fiscalização, promoveram a retirada de lambe-lambes de 60 postes, entre a Estrada de Itaquera-Guaianases, altura do nº 2565, até a nova estação de trem de Guaianases. A operação limpeza continua na sexta-feira, 29/4, da estação até o começo da Estrada de Poá.

Todas essas infrações são alvos de penalidades. Conforme a legislação, anúncio é qualquer veículo de comunicação visual presente na paisagem visível do logradouro público, composto de área de exposição e estrutura.

150º Aniversário de Guaianases



Durante o mês de maio Guaianases terá muitas atividades lúdicas, shows, campeonatos de futebol, entre outras atrações. Tudo para homenagear o bairro que neste ano de 2011 completa 150 anos de muita história. Por falar em história, vejamos um pouco do que o bairro tem para contar.

O bairro de Guaianases foi desenvolvido ao redor da Igreja Santa Cruz do Lajeado, e sua estrutura original é mantida até os dias de hoje. O local cresceu lentamente com as instalações de diversas olarias nas imediações e com a chegada dos trilhos da Estrada de Ferro Norte.

Em 24 de dezembro de 1948, o bairro recebeu o nome oficial de Guaianases, uma homenagem a tribo indígena que o habitava, chamada Guaianas. Na década de 50, a população de Guaianases já ultrapassava 10.000 habitantes, e em razão da falta de desenvolvimento na indústria e o comércio, foi se configurando como um bairro-dormitório.

Mercado Municipal de Guaianases
O crescimento desordenado do bairro - alavancado sobretudo a partir de 1940, com a intensificação das migrações permitiu a ocupação de áreas de manancial e de regiões sujeitas a enchentes e de alto risco para o estabelecimento de moradias, um dos problemas enfrentados até hoje. Mas em contrapartida, o bairro tem desenvolvido sua cidadania e sua cultura, que até então estavam escondidas. De uns tempos para cá, os jovens têm se manifestado por meio de grupos culturais, que discutem suas culturas, suas tribos e seus costumes. Hoje, o bairro com aproximadamente 291, 193, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) caracteriza-se por pessoas que buscam a melhoria de suas vidas por meio do desenvolvimento de seu bairro.

Curiosidades

Para nos contar as histórias curiosas de Guaianases nada mais justo do que falar com quem acompanhou parte desta "transformação" e desenvolvimento do bairro. Algumas conquistas em política, saúde e transporte são contadas por Francisco Jairo Pereira, mais conhecido como Profº Jairo mora em Guaianases há 55 anos, e pelo o barbeiro Amadeu Simão Nunes, um dos mais antigos barbeiro da região.

Parque Lajeado de Guaianases
Em 1952 foi instalada em Guaianases a primeira loja de móveis, denominada móveis São João, e na mesma década chegava o primeiro banco Irmãos Guimarães. No ano seguinte em 1960 estava sendo construída a Igreja São Benedito, para que fosse descentralizada da Igreja Santa Cruz, a mais antiga no bairro fundado em 1879, quando o bairro ainda se chamava Lajeado Velho.

Uma das conquistas do bairro foi à chegada do trem elétrico, antes o meio de transporte eram a Maria Fumaça e os trens a diesel, a partir da década de 60 muitas novidades transitavam em Guaianases, e uma perspectiva de melhora para o bairro.

Assim, com a chegada do trem facilitou a locomoção dos munícipes, e a partir de então começaram a chegar as grandes lojas, posto de saúde, centros telefônicos e finalmente em 1989 o Mercado Municipal Leonor Quadros, que nos serve até hoje.


Mercado Municipal
O Mercado Municipal de Guaianases foi inaugurado no dia 5 de maio de 1989 e recebeu o nome de Leonor Quadros. Antigamente, no local onde era o mercado, a Praça Presidente Getulio Vargas s/n°, acontecia uma feira livre. Com o tempo, a prefeitura na gestão de Jânio Quadros construiu este espaço para abastecer Guaianases, Lajeado e Cidade Tiradentes.
No ano que foi fundado não existiam concorrências, por este motivo o mercado era muito frequentado, sendo o assunto da população Guaianasense. Outro facilitador para a alta de vendas era o acesso: a estação de Guaianases ao lado do "mercadão", como é mais conhecido.
Até hoje, o espaço Leonor Quadros continua sendo um ponto de referência para o bairro de Guaianases, pois prima por excelência no atendimento e oferece alimentos de qualidade espalhados em 48 boxes, cada um com 25 metros quadrados. Há quitandas, açougues, avícolas, peixaria, empórios/ mercearias, lacticínios, utilidades domésticas, floricultura, lanchonete e rotisserie.
Recentemente, o Mercado Municipal também abriu espaço para os artistas plásticos, um grande diferencial que possibilita aos munícipes conhecer os talentos de Guaianases. Atualmente, há a exposição de Silvio da Silva Junior, que apresenta seu trabalho com muita simpatia e amor. O Mercado Municipal de Guaianases funciona terça a sábado: 08h30 às 19h30 e Domingo: 08h00 às 13h00.

Parque Lajeado - Isaura Pereira de Souza Franzolin


Neste ano que Guaianases completa 150 anos, o Parque Lajeado - Isaura Pereira de Souza Franzolin está completando um ano de existência. O parque foi inaugurado no dia 6 de março de 2010, sendo mais uma opção de lazer para os moradores do bairro.

Antes este terreno era uma chácara que estava abandonada há uns 06 anos, sua proprietária chamava-se Izaura Pereira de Souza Franzolin, sendo hoje o nome do parque, uma homenagem para a antiga proprietária.

As instalações do parque contam com playground, áreas de estar com bancos, mesas para jogos, bebedouros, um Centro de Educação Ambiental (onde serão realizados cursos e oficinas) e sete banheiros, sendo dois com acessibilidade universal, tudo para transformar o parque num agradável espaço de convivência.

Em uma área de 36 mil m², são diversas árvores frutíferas existentes, tais como: jabuticabeira, jaqueiras, bananeiras, amoreiras, abacateiros, cafeeiros, jatobás, mangueiras, caquizeiros entre outros.

Para os freqüentadores, são oferecidas aulas praticas orientais como o tai chi pai lin, todas as manhãs. O Parque Lajeado está localizado na Rua Antonio Thadeo s/nº, em Guaianases, e fica aberta ao público de segunda-feira a domingo, das 06h00 às 18h00.



Programação do 150º Aniversário de Guaianases


01/05 - Plantação de mudas - O Seu Táxi
Horário: 11h00
Local: Rua Pedro de Seabra - Jd. São Paulo II


01/05 - Clube Escola na Praça
Horário: 9h00
Local: Praça de Eventos e Praça da Paz

08/05 - Circuito Corrida e Caminhada de Rua c/ entrega de rosas, exames de diabetes e pressão arterial
Horário: 07h00
Local: Av. José Pinheiro Borges, s/n

06,07 e 08/05 - Peça de Teatro no CEU Jambeiro: "Ensina -me viver" - Glória Menezes
Horário: 19h30
Local: CEU Jambeiro

14/05 - Final da Copa ACRE Família Fiel - Cultura Paz (sábado)
Horário: a partir das 14h00
Local: Campo do Guaianases FC (Rua Pedro Ferraz Lopez)

15/05 - Show de Aniversário de Guaianases
Horário: a partir das 12h00
Local: Praça de Eventos

15/05 - Revoada de Pipas com a Transcontinental = Transconexão
Horário: 10h00
Local: Praça Jd. Célia (Rua Padre Nildo do Amaral, s/n) CDC Marcilio Alves de Prado

20/05 - Feira da Cidadania da Escola Estadual
Horário: 09h00
Local: Profº Wilson Roberto Simonini

22/05 - Desfile Cívico
Horário:9h00
Local: Rua Salvador Gianetti, s/n

28/05 - Sábado Feliz - CEU Jambeiro
Horário: 10h00
Local: CEU Jambeiro

29/05 - Final da Copa ACRE Família Fiel - Cultura Paz (domingo)
Horário: a partir das 11h30
Local: Campo de Guaianases FC (Rua Pedro Ferraz Lopez)