Nossos Vídeos

terça-feira, 31 de janeiro de 2012

Guaianases presenteia a cidade de São Paulo com mutirão de limpeza e de serviço



A Subprefeitura de Guaianases realiza, nos dias 21/01 e 25/01, ação concentrada de limpeza e de serviços, no Jardim Gianetti, para comemorar com a comunidade o 458º aniversário da cidade de São Paulo

O subprefeito de Guaianases, Saint Clair da Rocha Coutinho Sobrinho, é idealizador do projeto que prevê a ação concentrada de zeladoria no Jardim Gianetti, Distrito do Lajeado. A iniciativa é ampliar os serviços, por meio de parcerias, convidando a população para ir à praça festejar o aniversário da cidade. A idéia surgiu no início do ano durante uma reunião de avaliação da gestão de 2011. Durante o mês de janeiro, a equipe que coordena os trabalhos da Subprefeitura, reuniu-se para organizar o mutirão que começou neste sábado, 21/1, e continua na quarta, 25/1, quando São Paulo completa 458 anos.

Os serviços à comunidade foram prestados na Praça Marcílio Alves do Prado, localizada na rua Padre Nildo do Amaral Junior. O Secretário Adjunto da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Luiz Antônio de Medeiros Neto, representou o prefeito Gilberto Kassab. Também prestigiou o evento o médico e vereador Milton Ferreira. A iniciativa, bem recebida pela população local, contou com o envolvimento de servidores das áreas da saúde, educação e do meio ambiente. Participaram ainda o Chefe de Gabinete, Eugênio Cesário Martins, e os membros do Conselho Regional de Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Cultura de Paz (CADES) de Guaianases, que na ocasião distribuíram 40 mudas de árvores, sementes e folhetos sobre a preservação do meio ambiente

A equipe da saúde, em parceria com o consultório comunitário do médico e vereador, verificou gratuitamente a pressão e o diabetes dos interessados. Foi o caso do vigilante Leonardo Monteiro da Silva, 27 anos, que descobriu que sua pressão estava alta e o diabetes normal. Para ele, “essa é uma ação importante porque atende a população que não tem condições.”

O projeto contou com a parceria de outros segmentos, como a Sabesp que distribuiu 200 exemplares do Almanaque da Água, além de vários litros de água que aliviaram a sede dos munícipes durante o sábado abafado. Outro parceiro foi o Instituto Embeleze que, das 9h às 15h, cortou o cabelo de 100 pessoas. A funcionária da Defesa Civil, Maria Lúcia Calado da Silva, 55 anos, foi uma das beneficiadas. “Estou aproveitando a canja”, disse.

As crianças divertiram-se com o projeto “Brincando na Praça”, da Supervisão de Esportes. Para a estudante do 5º ano, Maria Lúcia Ferreira Toledo, valeu à pena esperar na fila para escalar a montanha inflável, de cerca de 5 metros de altura. Ela e sua irmã Olga, de 12 anos, estavam admiradas com as mudanças ocorridas na praça após a reforma. “Aqui era um morro feio, cheio de mato e de lixo”, dizem. Para a alegria da criançada não faltaram os tradicionais: pula-pula e a piscina de bolinha. E, para adoçar a festa, algodão doce à vontade.

No entorno da praça foram realizados os serviços de varrição, capinação, poda, pintura de guias, limpeza de bueiro, retirada de entulho e duas operações cata-bagulho, que resultaram na retirada de 22 toneladas de lixo da região. A conservação de áreas verdes contou com a reforma de jardinagem na praça entre as ruas José Marin e Padre Nildo do Amaral Júnior.

A tenda do Centro de Recuperação e Preparação Animal (CEPRA) que possui convênio com o programa Permanente de Controle Reprodutivo de Cães e Gatos, da Secretaria Municipal de Saúde, por meio da CONVISA, orientou 180 pessoas sobre a posse responsável e castração gratuita de animais.

A equipe da Zoonoses, responsável pelo controle de população de animais domésticos e controle de população de animais sinantrópicos, aqueles que podem transmitir doenças ou causar agravos à saúde do homem, informou 170 munícipes como prevenir a proliferação desses animais. O mutirão de ação educacional orientou a população sobre prevenção à dengue e a não jogar lixo na rua. A ação contou com o apoio da Guarda Civil Metropolitana (GCM) e da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).








Curso online de Conservação da Biodiversidade

Instituto Embelleze alerta: uso de formol em salões de beleza é proibido

Anvisa permite apenas 0,2% de concentração de produto; estudantes dos cursos de beleza sempre foram orientados a seguir as normas

O formol, uma substância química muito utilizada no Brasil para alisamento dos cabelos, é extremamente perigoso para a saúde e pode causar até câncer, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Sabe-se, no entanto, que alguns salões de beleza ainda utilizam produtos à base de formol nos cabelos de clientes. Para driblar esse problema no país, é preciso qualificação profissional.
Na maior rede de cursos profissionalizantes de beleza da América Latina, Instituto Embelleze, que forma cerca de 180 mil profissionais de beleza ao ano, as normas da Anvisa são seguidas à risca. “O uso do formol foi condenado por nós desde o momento em que apareceu no mercado. Apenas escolas conceituadas priorizam em seu conteúdo programático a realização das normas e procedimentos da Anvisa. Neste sentido, o Instituto Embelleze já tem realizado um trabalho pioneiro desde sua fundação e destaca em todos os seus materiais e treinamentos a necessidade de se enquadrar às normas. Formamos pessoas capacitadas e conscientes para o mercado de trabalho, levantando nossa bandeira de ética profissional”, diz o coordenador pedagógico da rede, Jailson Gaby.
Para redução de volume dos cabelos, o Instituto Embelleze trabalha com o Nutrilizz Escova Marroquina com Argan Oil, que garante cabelos lisos e hidratados sem utilizar formol. “É um produto revolucionário, que reduz o volume e trata ao mesmo tempo. Isso se dá em função do oléo de argan que atua como um hidratante e antioxidante poderoso, que ajuda a reparar os danos na membrana celular, aumentando a força da fibra capilar e combatendo os radicais livres. Além disso, contém vitamina E, que dá vida aos fios e protege contra os danos causados por agentes externos”, explica a consultora de desenvolvimento pedagógico do Instituto Embelleze, Rosemeire de Oliveira.
Referência em modelo educacional, o Instituto Embelleze oferece cerca de 20 programas diversificados e desenvolvidos de acordo com as exigências do mercado. Cursos profissionalizantes, de especialização e de atualização profissional compõem o amplo portfólio da marca, transformando o aluno em um expert da beleza. Criado há 13 anos, o Instituto Embelleze é reconhecido também por oferecer uma educação profissional que privilegia o conhecimento de todas as normas de segurança estabelecidas pela Anvisa, atuando com extremo profissionalismo, responsabilidade e transparência perante a sociedade.
A rede de franquias, com 250 unidades no país, trabalha para que seus cursos promovam crescimento profissional, gerem estabilidade financeira e levem beleza, autoestima e novas perspectivas às pessoas, desempenhando, assim, sua função social: transformar vidas.

Curso online de Estética Facial - Acne e Despigmentação
google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0