Nossos Vídeos

sábado, 9 de abril de 2011

Hospital promove grupos de apoio psicológico gratuitos a portadores de dor

No próximo dia 15 de abril, o Centro de Dor do Hospital 9 de Julho dá início ao Grupo de Apoio Psicológico aos Portadores de Dor, pela campanha Viva Sem Dor 2011. Com sessões mensais e gratuitas, a ação tem como objetivo promover a interação e troca de experiências entre os portadores de dor que sofrem importante interferência emocional e consequente queda de qualidade de vida.

Com até 30 integrantes por sessão, o grupo de apoio psicológico atuará estimulando o compartilhamento de vivências físicas e emocionais com a dor, com orientações da equipe de psicólogos para o melhor entendimento e enfretamento de suas limitações. Os participantes ainda são educados sobre técnicas de relaxamento corporal que podem ajudar a evitar ou amenizar crises dolorosas.

Segundo a coordenadora da ação, dra. Dirce Perissinotti, "as dores causam diversos transtornos emocionais aos seus portadores, com prejuízo em suas relações sociais e laborativas. Em longo prazo, estas pessoas comumente desenvolvem depressão, que por sua vez, somatiza ao quadro de dor física já instalada".

Ao longo do ano, o grupo de atendimento psicológico do Centro de Dor mapeará o perfil dos participantes, que deve resultar num estudo analítico de caso e resultados obtidos.

FICHA TÉCNICA
Grupo de apoio psicológico a portadores de dores crônicas e cuidadores
Data: 15/04
Horário: das 10h30 às 12h
Local: Sala Paulo Freire - anexa do Hospital 9 de Julho
Endereço: Rua Peixoto Gomide, 527
Inscrições: gratuitas e limitadas pelos telefones 11 3539.99901 e 11 3539.9902


Sobre a campanha Viva Sem Dor

Este é o quarto ano consecutivo a é quarta vez que o Centro de Dor do Hospital 9 de Julho dedica parte de suas atividades para a campanha educativa Viva Sem Dor, alinhando seus temas aos trabalhos da associação americana IASP (International Association for the Sutdy of Pain).

Desde o inicio da campanha, em 2008, a Viva Sem Dor auxiliou mais de 1.800 pessoas em ações presenciais e milhares de outras por seus canais da web.

Sob o slogan Prevenir, Tratar, Preservar, o foco da campanha em 2011 são as dores agudas, em que conta com atividades de palestras, diagnósticos gratuitos, atividades físicas, entre outros.


Centro de Dor de Dor do Hospital 9 de Julho

Com quase dez anos de atividades o Centro de Dor do Hospital 9 de Julho oferece o mais completo serviço para o tratamento da dor.

Características:

. Equipe multidisciplinar composta por mais de 40 profissionais médicos e paramédicos.
. Recursos físicos e tecnológicos de ultima geração para o atendimento de casos de alta complexidade, como neuroestimulação cerebral profunda, implante de isótopos no tratamento de tumores cerebrais e outros.
. Cobertura de assistência por dezenas de operadoras de planos de saúde.


Viva Sem Dor na web:
Twitter: http://www.twitter.com/vivasemdor
YouTube: http://www.youtube.com.br/centrodedor

Curso para médicos abordará depressão refratária

Curso para médicos abordará tratamento de pacientes com depressão refratária através de estimulação cerebral

A correta conduta no tratamento de pacientes com depressão refratária (resistente) é fundamental para efetiva melhora dos indivíduos. Visando atender as necessidades de profissionais que atuam neste segmento, o Centro de Dor e Neurocirurgia Funcional do Hospital 9 de Julho realiza no próximo dia 10 de maio, em São Paulo, curso com renomados especialistas nacionais e internacionais, abordando técnicas de estimulação cerebral.

Além de atualizar os profissionais da área a respeito das diversas técnicas para neuromodulação e protocolos de tratamento desta patologia, que é a mais prevalente da psiquiatria, o curso também fornecerá um panorama geral do quadro clínico da doença e os casos em que o tratamento conservador não deve ser mantido.

Dentre os palestrantes de destaque, estão o especialista em eletroconvulsoterapia, prof. dr. José Alberto Del Porto (Unifesp), o perito em estimulação magnética transcraniana, prof. dr. Felipe Fregni (Harvard), além do coordenador do Serviço, neurocirurgião funcional e presidente do instituto Simbidor, dr. Claudio Corrêa, e do físico, também do Serviço, Armando Alaminos.

Conteúdo programático

. Quadro clínico e tratamento farmacológico - Frederico Navas Demétrio (PhD - Instituto de Psiquiatria do HCUSP)
. ECT (eletroconvulsoterapia) - José Alberto Del Porto (MD, PhD - Unifesp)
. TMS (estimulação magnética transcraniana) - Felipe Fregni (MD, PhD - Universidade de Harvard)
. Qual a conduta em casos de depressão refratária? - Edson José Amâncio (MD, PhD - Hospital 9 de Julho)
. Planejamento cirúrgico - Armando Alaminos Bouza (MD - Hospital 9 de Julho)
. Cirurgia - Claudio Corrêa (MD, PhD - Hospital 9 de Julho)

FICHA TÉCNICA


DEPRESSÃO: ESTADO ATUAL DO TRATAMENTO

Data: 10/05/2011
Horário: das 13 às 18h
Local: Anfiteatro do Hospital 9 de Julho
Endereço: Rua Engenheiro Monlevade, 118 - 1º Andar - Bela Vista - São Paulo - SP
Inscrições: limitadas pelo telefone 11 3147.9644


O Centro de Dor de Dor do Hospital 9 de Julho

Com quase dez anos de atividades o Centro de Dor do Hospital 9 de Julho oferece o mais completo serviço para o tratamento da dor.

Características:

. Equipe multidisciplinar composta por mais de 40 profissionais médicos e paramédicos.
. Recursos físicos e tecnológicos de ultima geração para o atendimento de casos de alta complexidade, como neuroestimulação cerebral profunda, implante de isótopos no tratamento de tumores cerebrais e outros.
. Cobertura de assistência por dezenas de operadoras de planos de saúde.

* Aline Aprileo - Tel: 11 6986-6278