Nossos Vídeos

sexta-feira, 21 de agosto de 2020

MUNICÍPIOS É QUE VÃO DECIDIR DATA DA VOLTA ÀS AULAS



O vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia (DEM), afirmou nesta quarta-feira (19) que os municípios do estado vão ter autonomia para seguir ou não o cronograma de retorno às aulas definido pelo governo estadual. A Secretaria de Educação de São Paulo autorizou a volta presencial, tanto da rede pública como privada, a partir de 8 de setembro, para a educação infantil e os primeiros anos do ensino fundamental.

No entanto, segundo a pasta, essas escolas devem estar localizadas em regiões que estejam há pelo menos 28 dias na fase amarela do Plano São Paulo, protocolo que traz diretrizes para a retomada econômica em todo o estado e obedecer o limite máximo de alunos por sala de aula em cada modalidade de ensino. O retorno efetivo, para todas as modalidades de ensino, mas ainda com restrições, está previsto para ocorrer em 7 de outubro.

Após três meses de paralisação, escolas de todo o país vivem incerteza sobre volta às aulas

O secretário de Educação, Rossieli Soares, ressaltou que cada prefeitura pode criar calendários próprios e até mesmo critérios mais rigorosos, conforme a situação epidemiológica de cada cidade. No entanto, a decisão deve valer para escolas públicas e privadas.



Fonte: Brasil 61


***



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.

google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0