Nossos Vídeos

segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Reconhecimento e homenagem aos artistas da região marcam festa de aniversário de Itaquera

Amaury Roldan, Lidia Paniaga, Luis Mario, Laert, Paulo Frange, Chinito


A noite de quinta-feira, 19/11, ficou marcada pela homenagem que a Subprefeitura de Itaquera e o jornal Fato Paulista prestaram aos artistas da região. O evento de apoio à cultura local aconteceu no auditório do Shopping Aricanduva, que fica na área da subprefeitura, e integrava o calendário de festividades dos 323 anos de Itaquera.
*
*
* Quatorze categorias artísticas foram destacadas e homenageadas, dentre elas: música, dança, cinema e literatura (veja íntegra abaixo). "Uma das missões do governo é levar cultura ao povo", esclareceu o subprefeito de Itaquera Laert de Lima Teixeira. Participaram do evento a chefe de gabinete Alice Coutinho Magro, o Secretário de Articulação Metropolitana, Jorge Tadeu e também os vereadores Paulo Frange e Adolfo Quintas.

O jornalista Luis Mário Romero, proponente da cerimônia, fez questão de homenagear também os artistas regionais "que já se foram", como: Bicudo, Relíquia, Coco, Café, Penha, Odair Fala Macio, Mauro Bronson (ator da Vila Santana), Renato Brandão, Xisto (cartunista) e Franklin. Ao som da música "Como nossos pais", de Elis Regina, interpretada pela cantora Célia, todos receberam uma acalorada salva de palmas.

Durante o evento, o subprefeito anunciou que as emendas destinadas pelo vereador Paulo Frange resultaram em recursos especiais para a formação de oficinas culturais e outras intervenções que abrirão mais oportunidades aos jovens talentosos da região. "Quando jovem tentei aprender a tocar saxofone mas não consegui pegar embocadura", confessa o subprefeito que recentemente abriu as portas do anfiteatro cultural da sede da subprefeitura para abrigar o Projeto Efervescência Cultural que, duas vezes por semana, reúne artistas para ensaios e demais atividades culturais. A Supervisora de Cultura Maria Aparecida Menezes e o atual Coordenador de Cultura João Santana, que também foi mestre de cerimônia, foram os responsáveis pelas articulações com a classe artística.

O médico e vereador Paulo Frange também contou sua experiência no mundo das artes. "Na juventude tive de escolher dedicar-me à medicina ou às artes", explicou. "A história que o Laert vem escrevendo na região jamais será esquecida", referiu-se o parlamentar devido a iniciativa local.

O secretário Jorge Tadeu, que freqüenta a região há muitos anos, reforçou que o subprefeito "tem feito milagre" para administrar a região sem verbas suficientes para as demandas. "Vamos somar forças para que Itaquera se sobressaia sempre", finalizou.

Durante as saudações, os representantes da administração pública citaram a reunião ocorrida horas antes do evento no gabinete do secretário dos Negócios Jurídicos Cláudio Salvador Lembo, na qual discutiu-se sobre o andamento do processo de concessão de área do município, localizada em frente à estação de metrô Corinthians-Itaquera, onde o governo do Estado deverá construir, entre outros equipamentos de serviços e educacionais (Etec e Fatec), o novo Fórum de Itaquera. "Hoje foi dado mais um passo para o avanço do pólo institucional em frente ao metrô", disse o secretário.

Anunciou-se também que a Praça da Estação, no centro de Itaquera, receberá, conforme divulgação no Diário Oficial da Cidade, enfeites natalinos, transformando-se num grande espaço cultural para todos aqueles que, neste final de ano, estiverem fazendo compras ou passeando pelo bairro. A festa deve contar com o apoio dos artistas locais.

O trabalho desenvolvido pelo jornal Fato Paulista também foi ressaltado por todos durante a cerimônia. "Luiz Mário é um exemplo de comunicação. O jornal é lido e respeitado como poucos da região." Durante as saudações, lembrou-se que Antonio Marcos e Roberta Miranda são artistas da região que conquistaram espaço na grande mídia.

Durante a entrega do prêmio ao cantor revelação Jackson Ricarte cogitou-se a possibilidade de se realizar um jantar como forma de contribuição para a gravação do CD do artista. Ed Jones, por sua vez, se emocionou com a homenagem feita a Eudson Magrão que, na infância, freqüentava a sua casa. "Itaquera está mudando o conceito de cultura", explicou João Santana. "Cultura aqui não é mais gasto e sim investimento", concluiu.

Amaury Roldan, militante atuante das áreas esportiva e política, passou a compor a comissão de cultura. Ele foi o responsável pela aproximação dos donos do jornal Fato Paulista com a administração local. O evento foi encerrado com um coquetel e com a interpretação das músicas "O bêbedo e o equilibrista" e "O que é o que é".

Voltar para parte I
Voltar para parte II
Voltar para parte III
Voltar para a parte IV

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.