Nossos Vídeos

segunda-feira, 28 de junho de 2010

Shopping Penha apóia campanha de doação de sangue

A ação, “Bombeiro Sangue Bom” realizada pelo Corpo de Bombeiros de São Paulo, terá um posto de coleta no Shopping Penha nos dias 15 e 16 de julho

Com o objetivo de estimular a doação de sangue entre os moradores da zona leste, o Shopping Penha apóia o 3º Grupamento de Bombeiros na 6a edição da Campanha Bombeiro Sangue Bom, organizada pelo Corpo de Bombeiros de São Paulo, entre os dias 1° a 31 de julho. Para incentivar a doação, o Shopping Penha vai abrigar nos dias 15 e 16 de julho, um posto de coleta do Hemocentro da Santa Casa. Neste período, uma equipe da Santa Casa, juntamente com bombeiros do 3°GB da Mooca, estará disponível das 12h às 18h, para atender todos os interessados.
De acordo com o Tenente Rodrigo Otavio Barelli, em 2009 foi possível arrecadar, somente na região Leste de São Paulo, mais de 3800 bolsas de sangue. “Para este ano, a nossa estimativa é que o número de doadores ultrapasse 4 mil. Para isso contamos com a colaboração de toda a comunidade da região ”, ressalta Barelli.

Durante toda a campanha o Shopping Penha será ponto de encontro entre os interessados em fazer a doação e a equipe do Corpo de Bombeiros, que ficará responsável por transportá-los à um dos quatro hemocentros da capital paulista, participantes da ação.
As doações serão destinadas aos hospitais: - Santa Marcelina (Itaquera); Hospital Municipal Carmino Carriccio (Tatuapé), Hospital Municipal Tide Setubal (São Miguel Paulista); Hospital Municipal Ermelino Matarazo (Ermelino Matarazzo).

SERVIÇO – Posto de Coleta “Bombeiros Sangue Bom” no Shopping Penha
Data: Dias 15 e 16 de julho
Horário: Das 12h às 18h
Local: Piso Antônio Lobo, em frente ao elevador B
Informações: 4003-7201

MCs Dede, Bomba e Miudico vencem o 3° Festival de Funk em Cidade Tiradentes

Canção que fala sobre o abandono de um garoto de 3 anos, sensibiliza jurados e vence a terceira edição do Festival de Funk em Cidade Tiradentes, que só aceita canção “do bem”

MC Bomba (óculos) e MC Miúdico – música Abandonado

MCs Bomba e Miudico, com a música Abandonado categoria A, e MC Dede, com Fecha banca, na categoria B, conquistam o primeiro lugar da terceira edição do Funk Festival – Canta Cidade Tiradentes, promovido pela Subprefeitura Cidade Tiradentes, no último sábado, dia19, com apoio do Red Bull Funk-se Tour, CET, Sabesp, Guarda Civil Metropolitana, Polícia Militar do Estado de São Paulo.

Cerca de 10 mil pessoas acompanharam, durante oito horas, o som do funk consciente, com composições elaboradas por garotos e jovens do bairro apresentadas durante o Funk Festival - Canta Cidade Tiradentes. É a primeira iniciativa do poder público municipal de apoiar o funk e incentivar os funkeiros a compor letras voltadas para os temas sociais, em contraposição aos “proibidões”, assim chamados em função das letras que fazem apologia ao crime, drogas e promiscuidade sexual.
Os 24 finalistas, escolhidos numa pré-seleção, em que concorreram 63 inscritos, travaram uma disputa acirrada, diante de um som de base de um tremendo batidão, comandada pelo DJ Maguinho. Os concorrentes promoveram um encontro eletrizante para o publico, com propósito de mostrar o comprometimento com as questões sociais, por meio de composições que retratavam a dança, música, esporte, religião, lazer, amizade e também a curtição dos bailes funks.

Os jurados analisaram os funks segundo os critérios letra, música, interpretação e desenvoltura de palco. Os responsáveis pela tarefa para categoria B (acima de 17anos) foram integrantes de um júri eclético, formado por Marcello Silva, vocalista da Banda Dughettu do Rio de Janeiro; Marcelo Fernandes, Dj e empresário do Funk; Douglas Drumond, presidente do Casarão Brasil e empresário da noite. Já para categoria A (de 10 a 16 anos), os jurados foram John Rock – produtor musical; a cantora Giselle Vergna; Fernando Leite, professor de canto; Alexandre Nascimento, produtor e músico; e o DJ Gustavo, da Estação da Juventude.

A canção vencedora da categoria infanto-juvenil, Abandonado, retrata a vida do compositor MC Bomba, que foi abandonado aos três anos pela mãe. Aos cuidados de sua tia, que priorizou sua educação, MC Bomba, de 14 anos, reconhece que a escola foi a saída para não seguir o mundo da marginalidade.

Para os funkeiros acima de 17 anos, Mc Dede, vencedor do primeiro festival de Funk em 2008, voltou com tudo e faturou o bi-campeonato, com a música “Fecha a banca”. A letra fala da presença de Deus em sua vida e a força guerreira que cada um tem que ter para conquistar a felicidade.

Na categoria A, o 2º lugar foi para MC Kinha e as mais da categoria infanto-juvenil s novas Mcs, com o funk A realidade da ZL –(Zona Leste); e em 3º lugar, MC Wesley, com a música Amor de mãe. Para a categoria B, o 2º lugar ficou com o Bonde TNT – com música Curtição; e o 3 º foi para Jê bolado, com a música Ideia consciente.
A premiação para os primeiros lugares será a gravação de uma coletânea do CD do 3º Festival, com inclusão de cinco músicas, com direito a 200 cópias, sendo que a produção fica sob a coordenação do DJ Sany Pitbull, reconhecido como o mestre da arte do MPC Live ou “montagens” ao vivo. Para o 2º lugar, gravação de três músicas, no CD com direito a 100 cópias; e para o 3º lugar, gravação de duas músicas no CD, com direito a 100 cópias. Todos os participantes receberam certificados de participação.

- Show à parte -

Após a apresentação dos vencedores, o festival recebeu os ícones do funk, com as atrações especiais do Red Bull funk-se Tour, que promoveu um encontro de estilo, batida, entre o funk carioca e o paulista.
Com isso, o palco foi dominado, primeiramente, pelos MCs Bio G3 e Backi Di, funkeiros de destaque na cena paulista, que estouraram definitivamente com Bonde da Juju, e tiveram quase 1 milhão de acessos no You Tube.
Depois o chão tremeu com DJ Sany Pitbull, presente no mundo do funk desde 1986, reconhecido como o mestre da arte do MPC Live. Maestro Pitbull também é o curador do Red Bull Funk-se Tour.

O público recebeu com entusiasmo o Menor do Chapa, funkeiro carioca que invadiu as pistas do Brasil com a música Salgueiro é o Caldeirão. Os artistas foram acompanhados pelos DJs Phabyo, consagrado no mundo do funk como produtor de Mc Catra e Mc Serginho, e Dj Cabide, que comanda a mixagem dos bailes tradicionais do funk dos Rio de Janeiro.

Serviço:

O quê é? Vencedores do 3º Funk Festival- Canta Cidade Tiradentes
Quando? 19/06/2010 – sábado
MC DEDE – Josley Caio Faria
MC Bomba – Rulian Henrique Raymundo
MC Miúdico – Gabriel Leonardo

Zona Leste de São Paulo terá guia de turismo

Roteiro será lançado neste sábado, dia 26 de junho, e destaca festas típicas, monumentos, espaços culturais e gastronômicos

Será lançado neste sábado, dia 26 de junho, um guia de cultura e lazer da Zona Leste de São Paulo. Serão 65 páginas com dicas sobre festas típicas, monumentos, espaços culturais e gastronômicos, parques, cinemas e bibliotecas.

As informações estão organizadas por bairros. Aricanduva, Brás, Cidade Tiradentes, Ermelino Matarazzo, Guaianazes, Itaim Paulista, Itaquera, Mooca, Penha, São Mateus, São Miguel, Tatuapé e Vila Prudente possuem um capitulo cada.

Há mapas de localização, informações sobre transporte público, história dos bairros, além de curiosidades como o número de habitantes, a extensão e o significado dos nomes de cada região.

Um dos destaques do guia é a sessão que relaciona os patrimônios tombados, como a sede do sítio Mirim, construída no século XVIII em Ermelino Matarazzo, e a Capela de Biacica e Chácara das Fontouras, em São Miguel, que é mantida pela Ordem de Nossa Senhora do Carmo desde 1621.

O roteiro reúne ainda pontos de visitação como o Museu da Imigração, no Bresser, o Museu da Casa do Tatuapé e as igrejas Nossa Senhora dos Homens Pretos, na Penha, e a Capela de São Miguel.

O guia de cultura e lazer da Zona Leste de São Paulo é uma produção da Associação Cultural Beato José Anchieta e tem como objetivo destacar a existência de espaços importantes na região, que raramente são divulgados.

O material foi financiado com recursos do orçamento do estado a partir de uma emenda parlamentar do deputado estadual Simão Pedro. Morador há 30 anos da região, o petista é autor de um projeto de lei que propõe a criação de uma Agência de Desenvolvimento do Turismo da Zona Leste.

“Acredito que o guia irá mostrar a possibilidade de geração de emprego e renda pelo viés do turismo e do lazer em nossa região, além de elevar a auto-estima da população, que conhecerá melhor esse lado bonito e histórico da Zona Leste”, afirma Simão Pedro.

Lançamento do guia de cultura e lazer da Zona Leste
Quando: dia 26 de junho, às 19h
Onde: Capela de São Miguel Arcanjo – Praça Padre Antônio Monteiro Mafra