Nossos Vídeos

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Torneio de Tênis OAB Tatuapé

CAT completa cinco anos de existência com planos de lançar mais seis unidades neste ano

O Centro de Apoio ao Trabalhador (CAT) comemorou na manhã desta segunda-feira (26) cinco anos de existência. Criado pela Prefeitura de São Paulo e administrado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho (Semdet), o serviço registra marcas positivas nesse período: até o mês de junho, 2,8 milhões de pessoas foram atendidas e 257 mil trabalhadores conquistaram um lugar no mercado de trabalho após passar por uma das 11 unidades existentes na capital.

E esses números continuarão crescendo. Mais seis unidades do CAT devem ser inauguradas até o fim deste ano - a próxima será a de São Mateus. "O CAT seguirá se expandindo para continuar atendendo mais - e melhor ainda - as pessoas que vieram buscar emprego, capacitação e orientação para tirar documentos e limpar o nome por intermédio do Pacet - Posto Avançado de Conciliação Extra Processual do Trabalhador. Isso mostra que nós estamos no caminho certo", destacou o prefeito Gilberto Kassab após a cerimônia de aniversário, que aconteceu no auditório do CAT Luz.

De acordo com o prefeito, a pretensão é a de que, até o fim de 2012, a cidade de São Paulo passe a contar com 31 CATs. "Parece que foi ontem o lançamento do CAT. E, desde então, o programa cresceu muito. Fazemos uma avaliação positiva deste serviço", observou Kassab.

O secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, Marcos Cintra, ressaltou a importância do papel desempenhado pelos CATs. "Não há melhor maneira de inserção social do que através do trabalho. É isso que nós buscamos no CAT. Aqui, desempregados e pessoas que passam por um risco social podem encontrar seu trabalho e seu auto-respeito".

Programas

Neste ano, o CAT foi aperfeiçoado para melhor atender a população. Além da inauguração do posto na Casa Verde, em fevereiro, foi lançado o CAT Móvel, com três unidades de atendimento que prestam serviços nas regiões mais afastadas na cidade.

Entre os serviços oferecidos aos interessados está o Programa de Orientação para o Mercado de Trabalho; a inscrição de cursos profissionalizantes do Centro Público de Formação Profissional; emissão de segunda via da Carteira de Trabalho; ingresso no Posto Avançado de Conciliação Extra-Processual do Trabalhador (Pacet) e participação nos Programas Jovem Cidadão e Time do Emprego - ambos em parcerias com o Governo do Estado.

Nas unidades Luz, Tatuapé, Itaim, Santana, Lapa I, Interlagos e Jabaquara há concessão de microcrédito para geração de trabalho e renda, por intermédio das agências do Programa São Paulo Confia.

CAT em números

Desde a instalação da primeira unidade até hoje, o CAT já fez 562.113 habilitações do seguro-desemprego, 4.444 pessoas conseguiram limpar o nome com o Pacet, 6.691 jovens foram contratados por intermédio do Programa Jovem Cidadão, 17.187 trabalhadores puderam tirar a Carteira de Trabalho, 42.878 receberam orientação para participar de seleção por emprego e 7.297 pessoas com deficiência conseguiram um lugar no mercado de trabalho.

Hospital Municipal Cidade Tiradentes faz três anos, com 660 mil atendimentos

O Hospital Municipal Cidade Tiradentes completou em 1º de julho seu terceiro ano de atividade, com 660 mil atendimentos, 34 mil internações, 11.900 cirurgias e cerca de 8.200 partos. Tudo isso sem deixar de lado a humanização no atendimento dos pacientes.
Em média, 20 mil atendimentos mensais são realizados no Hospital Cidade Tiradentes, fundado em 1º de julho de 2007.
Além dos 520 mil moradores da microrregião de Cidade Tiradentes/Guaianases, a população de bairros e cidades vizinhas é beneficiada pela excelência no atendimento prestado pela unidade. Os números comprovam a importância e a grandeza do hospital para essa comunidade, até então carente de assistência médica.

Inovações tecnológicas
Hospital geral que atende casos de urgência e emergência em Clínica Médica, Pediatria, Ginecologia e Obstetrícia, Cirurgia Geral, Ortopedia, Traumatologia e Psiquiatria, o Cidade Tiradentes também se destaca pelas inovações tecnológicas adotadas na unidade, que garantem um atendimento de qualidade ao paciente, sem deixar de lado a humanização no tratamento.
Desde julho do ano passado, o Setor de Engenharia Clínica da unidade conta com um laboratório de calibração interna de equipamentos hospitalares, método que garante economia, segurança e agilidade nos processos e é utilizado em poucas instituições de saúde do País.
O Cidade Tiradentes é o primeiro hospital municipal do País a obter o Certificado de Acreditação - Nível 2. O reconhecimento da excelência chegou em novembro de 2009, concedido pela Organização Nacional de Acreditação (ONA), como resultado da busca constante pela qualidade em todos os serviços prestados aos usuários. Agora, o hospital caminha para obter o Nível 3.

'São Paulo Confia' incentiva regularização de mais de 1.000 microempreendedores

Menos de três meses após a realização da 1ª Maratona do MEI, promovida pelo banco de microcrédito São Paulo Confia, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho (Semdet), mais de mil microempreendedores do Município se legalizaram. Para o presidente do São Paulo Confia, Hugo Duarte, os esclarecimentos contribuíram para reduzir a desconfiança, gerada pela falta de informação, principal obstáculo para a adesão ao MEI (Microempresário Individual). "Quando esclarecemos aos nossos clientes a importância e a facilidade da legalização, a aceitação é bem maior". A legislação do MEI está em vigor há um ano e contém uma série de vantagens e benefícios aos interessados em trabalhar de forma regularizada.
Romilde da Silva, que tem um salão de beleza no Itaim Paulista, foi umas das primeiras clientes do São Paulo Confia a aderir ao MEI. Ela conta que em sua atividade de cabeleireira passou por altos e baixos, chegando a trabalhar na garagem de sua sogra. Após a adesão, quando obteve o Cadastro Nacional de Pessoas Jurídicas (CNPJ), mudou o salão para a avenida e instalou uma máquina para recebimento com cartão de crédito. "Hoje o serviço mais desejado é a escova progressiva, que, além de ser trabalhoso, é caro, mas com a possibilidade de pagar com cartão de crédito vem pessoas até de Itaquera e Guaianases".
Euma Floriano da Silva, também cabeleireira, é outra que não vê a hora de ter a máquina de crédito em seu salão. "A clientela sempre pergunta: quando vamos instalar? Por enquanto, a adesão ao MEI me permitiu pagar o INSS, abrir o CNPJ e parcelar compra dos móveis e produtos para modernizar o salão", comenta Euma.
Dona de uma pequena mercearia na Brasilândia, Ernestina Batista Leite também é beneficiária da lei do MEI. "Trabalhar de forma clandestina é muito ruim. Não temos garantia de nada", diz. Após a adesão, Ernestina passou a contribuir para o INSS, pôde instalar a máquina de cartão de crédito e iniciou a execução de obras para ampliação de seu estabelecimento.

Vantagens
Para Hugo Duarte, da São Paulo Confia, cuja carteira de empréstimos é formada por mais de 10 mil empreendedores de baixa renda, a maior dificuldade inicial foi a desinformação. "A maior parte dos clientes trabalhava fora do mercado formal por não ver alternativas para deixar a informalidade. Isso criou desconfiança e resistência à adesão", explica. "Diante dessa constatação, buscamos promover campanhas e capacitar os agentes de crédito para divulgar, esclarecer e auxiliar os clientes sobre as vantagens de ser um MEI", conta Duarte.
O empreendedor que deixar a informalidade passa a fazer parte do CNPJ, o que possibilita a obtenção de empréstimos bancários, compra, venda e participação em licitações. Além disso, o empreendedor emite notas fiscais, o que reforça sua credibilidade com os clientes.
Outro benefício da lei do MEI é a contribuição ao INSS, que dá direito a Previdência Social, permitindo que o empreendedor possa requerer a aposentadoria por idade ou invalidez, salário-maternidade, auxílio-doença, acidente ou reclusão e pensão por morte. Sem falar na geração de emprego, já que o empreendedor poderá manter um empregado registrado, desde que ele receba um salário mínimo ou o piso salarial da categoria.
Podem aderir ao MEI os trabalhadores ambulantes, vendedores de cosméticos, verdureiros, cabeleireiros, eletricistas, encanadores, pedreiros, profissionais que trabalham com reciclagem, entre outros.

São Paulo Confia
O programa foi criado para orientar e direcionar microempreendedores em busca de crédito para montar ou ampliar o próprio negócio. O microcrédito é destinado a pessoas de baixa renda, independentemente de restrições cadastrais no SPC ou Serasa. Os empréstimos são concedidos por uma das 18 agências de atendimento para grupos formados por três a dez microempreendedores, do mesmo ou de diversos segmentos, que se unem e formam os chamados grupos solidários. Os valores são de, no mínimo, R$ 50 e, no máximo, de R$ 7 mil por pessoa e o pagamento das parcelas é realizado semanal ou quinzenalmente, com prazo de oito a 38 semanas, ou de 11 a 24 quinzenas.

Projeto ArteCulturAção inicia formação gratuita em luteria, música e teatro

Já estão abertas as inscrições para esta iniciativa da Fundação Tide Setubal que visa aprimorar o conhecimento de jovens e integrantes de grupos culturais da Zona Leste, articulando cultura e cidadania. Cursos têm início em agosto e setembro.
O Projeto ArteCulturAção, da Fundação Tide Setubal, está com as inscrições abertas para formações nas áreas de luteria, música e teatro. Neste semestre, serão oferecidos cinco cursos gratuitos divididos em módulos. São eles: construção de violão; percussão; teatro para iniciantes; figurino; e dramaturgia. Podem participar das atividades, abertas e gratuitas, jovens e integrantes de grupos culturais da Zona Leste da capital paulista. A proposta do ArtCulturAção é valorizar o saber social da comunidade, interligando arte, cultura e cidadania.
Formação musical
O Núcleo de Formação em Música e Luteria desenvolve o ensino de música, sobretudo ritmos populares brasileiro, como coco, ciranda, por meio de aulas de percussão para iniciantes. Na oficina de Luteria, jovens e membros de coletivos musicais podem aprender a confeccionar instrumentos. A partir de agosto, a proposta é construção de violões. A formação será ministrada pelo luthier Fábio Vanini. Ele estudou na Bottega di Parma, escola de luteria do maestro Desiderio Quercetani, em Parma, na Itália e, atualmente, dedica-se ao ensino de luteria básica de violinos, rabecas e violões e à construção e à restauração de instrumentos da família do violino.
No primeiro semestre de 2010, Vanini foi responsável pelo módulo de construção de rabeca, um instrumento mais raro e ligado à cultura popular. Foi a primeira vez que a oficina de luteria trabalhou com um instrumento de corda, antes era apenas confecção de peças de percussão (caixa do divino, alfaia, xequerê, chinelofone, cajon, surdo entre outros). Agora, oferece um curso para construção de um instrumento mais complexo. “A expectativa é que o aluno consiga produzir um violão da melhor qualidade, a partir do trato artesanal com a matéria empregada. Dessa maneira, buscamos ainda sensibilizar as pessoas para a continuidade dessa prática no território”, conta Inácio Pereira dos Santos Neto, coordenador do ArteCulturAção.
Inácio lembra que um dos objetivos da oficina de Luteria é justamente promover a manutenção e multiplicação dessa cultura de confecção artesanal de instrumentos, transmitindo a tradição de mestres da cultura popular e de luthiers para jovens de São Miguel. “Há também uma perspectiva de geração de renda a partir da venda e restauro de instrumentos”, explica Inácio.
Para Vanini, os diferentes módulos contribuem para uma formação mais completa dos futuros luthiers. “Não podem parar em um único instrumento. Há várias opções, e eles podem criar novas peças. É questão de usar a criatividade”. Ao ampliar o leque de instrumentos, o luthier também eleva suas chances de inserção neste mercado. “Quem faz o mercado é o construtor. É preciso ter um espírito empreendedor e criar oportunidades de venda”, ressalta.
Formação teatral
Outra frente de atuação do projeto é o Núcleo de Formação SocioCultural. Com atividades no CDC Tide Setubal, no Jardim São Vicente, em São Miguel, trabalha com o teatro e suas linguagens, ofertando cursos para iniciantes e para integrantes de grupos, principalmente da região leste da cidade, que buscam aprimorar os conhecimentos em determinada área do universo teatral.
Ao propiciar uma chance de aperfeiçoamento em figurino e dramaturgia, o Núcleo busca fortalecer a atuação dos coletivos que desenvolvem trabalhos na região. Segundo Inácio, o módulo permite o desenvolvimento da habilidade técnica e, ao mesmo tempo, gera reflexão sobre a arte e o território.
No primeiro semestre de 2010, cerca de vinte integrantes de grupos teatrais e artísticos da Zona Leste e interessados em geral se reuniram semanalmente desde abril para apreender os principais fundamentos teóricos e técnicos das áreas de cenografia e de figurino. No dia 1° de julho, fizeram uma mostra daquilo que aprenderam no CDC Tide Setubal.


PROGRAMAÇÃO COMPLETA DO PROJETO ARTECULTURAÇÃO – 2° SEMESTRE DE 2010

As inscrições para os cinco módulos já estão abertas. Elas podem ser feitas no local do curso, até a data de início de cada módulo. Veja a seguir os cursos oferecidos em cada Núcleo:

Núcleo de Formação SocioCultural:

Módulo 1 – Teatro para iniciantes
Público-alvo: jovens a partir de 13 anos
Período: 3/08 a 23/11/2010
Todas as terças e quintas, das 14 às 17h
20 vagas

Módulo 2 – Figurino
Público-alvo: integrantes de grupos de teatro
Período: 10/09 a 26/11/2010
Todas as sextas-feiras, das 14h às 17h
10 vagas

Módulo 3 – Dramaturgia
Público-alvo: integrantes de grupos de teatro
Período: 8/09 a 24/11/2010
Todas a sextas-feiras, das 14h às 17h
10 vagas

Inscrições e local onde acontece: CDC Tide Setubal
Endereço: Rua Mário Dallari, 170 – São Miguel Paulista – São Paulo - SP
Mais informações: (11) 2297-5969

Núcleo de Formação em Música e Luteria:

Módulo 1 – Percussão - Ritmos brasileiros
Público-alvo: jovens a partir de 13 anos
Período: 4/08 a 24/11
Todas as quartas e sextas-feiras, das 14h às 17h
20 vagas

Módulo 2 – Construção de Violão
Público-alvo: jovens a partir dos 13 anos
Período: 17/08 a 30/11
Todas as terças e quintas-feiras, das 14h às 17h
10 vagas

Inscrições e local onde acontece: Galpão de Cultura e Cidadania
Endereço: Rua Serra da Juruoca, s/n – São Miguel Paulista – São Paulo - SP
Mais informações: (11) 2956-0091

Sobre a Fundação Tide Setubal

Desde 2005, trabalha para contribuir com o desenvolvimento sustentável da região de São Miguel Paulista, bairro da zona leste de São Paulo (SP). Para isso, desenvolve ações voltadas a famílias, jovens e adolescentes, em parceria com órgãos do governo e ONGs e em articulação com políticas públicas, priorizando a participação ativa da comunidade, fornecendo-lhe informação e estimulando a construção da sua autonomia.

Todas as relações e as atividades da Fundação são norteadas por quatro princípios: construção de uma sociedade justa e solidária, tendo como pressuposto a inclusão democrática e participativa de todos os segmentos sociais; respeito às diferentes temporalidades, pluralidades e diferenças culturais; valorização da cultura, tradições, experiências e costumes da comunidade; valorização do trabalho voluntário.

CAT participa de feira e eventos para divulgar serviços e captar vagas de empregos

O CAT- Centro de Apoio ao Trabalho, da Semdet – Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho participa de eventos e feiras para divulgação de seus serviços junto à comunidade e empresas. Nesta semana teve a participação na 17ª Edição da Fipan- Feira de Panificação, evento promovido pelo Sindicato e Associação dos Industriais de Panificação e Confeitaria de São Paulo que teminou na sexta-feira. Amanhã, sábado, o CAT na Escola Estadual Pq. Savoy City II no “Viver é Proporcionar”, e no próximo dia 31 no evento “Band Ação Cidadania”, no Jardim Helena, em São Miguel Paulista.
Desde meados de 2009, a Secretaria deu prioridade para aproximar o CAT da população e das empresas. Com estandes, o Centro participa dos eventos realizando cadastros para oportunidades de emprego, além de oficinas do Programa Orientação para o Trabalho e inscrições para cursos.
Foi o que ocorreu de terça a sexta-feira dessa semana durante a 17ª Fipan. Na Feira, o CAT divulgou seus serviços como: processos seletivos, treinamentos capacitação profissional, encaminhamento de candidatos às vagas disponíveis para os profissionais do setor de panificação,
Neste sábado, a Semdet estará das 10h às 16h no “Viver é Proporcionar”, do E.E Pq. Savoy City II, localizada na avenida dos Latinos, 954 – Jd. Santa Teresinha – (Zona Leste), próximo ao Shopping Aricanduva. Já no dia 31, sábado, a participação do CAT será no “Band Ação Cidadania” no Centro Espírita Bezerra de Menezes, das 9h às 17h, na rua Camomila, 375, Jardim Helena, em São Miguel Paulista . Lá terá a divulgação dos serviços do CAT, distribuição do Jornal do Trabalho e da Cartilha do Trabalhador, cadastros manuais para oportunidades de emprego e emissão de Carteira de Trabalho (é necessário levar foto recente 3X4 e RG).

Prefeito desapropria terreno para construção da Unifesp Zona Leste

Prefeito fala dos benefícios que a população da região terá com a sede da Unifesp - Foto: João Luiz / Secom

O prefeito Gilberto Kassab assinou neste sábado, 24, o Decreto de Utilidade Pública (DUP) para desapropriar um terreno de 175,5 mil m², propriedade particular das indústrias Gazarra, que servirá ao novo campus da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), o primeiro da Zona Leste. A cessão do terreno, que fica na avenida Jacu-Pêssego, é uma das várias iniciativas da Prefeitura para melhorar a qualidade de vida da população que vive na região.

"Agora, com o processo de desapropriação, cabe à Unifesp iniciar um projeto para que eles possam o mais rápido possível começar as obras. Essa é uma conquista da sociedade civil, que se mobilizou com o apoio da Prefeitura, do Governo Federal, do Estado e de parlamentares", disse Kassab.

A futura Unifesp Leste integra um conjunto de intervenções e investimentos coordenados para a região, dos quais se destaca o Pólo Institucional da Zona Leste, que prevê diversos equipamentos públicos (veja lista abaixo) e foco na oferta de capacitação técnica para a população da região.

Dois meses atrás foi lançada pela Prefeitura uma nova operação urbana destinada também à Zona Leste. A Operação Urbana Rio Verde-Jacu, que tem o termo de referência em consulta pública pela internet, na página da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, se propõe a potencializar a extensão da Avenida Jacu-Pêssego, conectando a região de Guarulhos e do ABC Paulista, como indutora de desenvolvimento. Ao mesmo tempo, será lançado um pacote de incentivos fiscais seletivos às empresas que se instalarem na região.

Já o projeto do Pólo, que foi consolidado em 2008, passou por diversas revisões e aperfeiçoamentos e agora está com seu desenho final praticamente definido.
Todos esses projetos estão inseridos na política de planejamento da Prefeitura no qual um objetivo importante é reduzir a necessidade de deslocamentos pela cidade, no movimento pendular casa-trabalho-casa ou casa-estudo-casa.


Espaços públicos previstos para a Zona Leste

- Fórum Judiciário - Ampliação da capacidade de atendimento da região

- Rodoviária - A população da zona leste é obrigada a se dirigir para a Rodoviária do Tietê ou da Barra Funda para destinos como o litoral do estado, região Nordeste e o Rio de Janeiro, por exemplo. A construção da rodoviária acabaria com o que os técnicos chamam de percurso negativo.

- Fatec / Etec - A Faculdade de Tecnologia e a Escola Técnica do Centro Paula Souza serão responsáveis pela capacitação e formação profissional.

- Senai - A unidade do Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial formará mão-de-obra especializada para a indústria.

- Unifesp - Campus da universidade, que ainda não formulou o leque de cursos

- Alimentação e Serviços - Para ajudar na sustentabilidade do Pólo, foram concebidas no projeto, pequenas unidades de alimentação, comércio e serviços.

- Incubadora e Laboratórios - Núcleo do futuro parque tecnológico da zona leste, com espaços voltados ao desenvolvimento de pesquisas para a área de Tecnologia de Informação (TI).

- Centro de Convenções e Eventos - Ampliados do projeto inicial, irão abrigar feiras, exposições e eventos.

- Edifício Comercial - Pensado também para trazer sustentabilidade ao projeto, com geração de emprego e renda.

- Polícia Militar e Bombeiros - Foi diagnosticada a necessidade de serviços de segurança e emergência na região. As unidades vêm para suprir essa demanda.

- Obra Social Dom Bosco - Fundada em 1981, a entidade filantrópica terá uma sede no Pólo, oferecendo mais cursos de capacitação e formação profissional.

- Parque Linear Rio Verde - Área verde interligada com o Parque do Carmo, dotada de equipamentos para o lazer.

Secretaria comemora o Dia do Motorista com 292 ofertas de trabalho para a categoria

Como forma de comemorar o Dia do Motorista, celebrado em 25 de julho, os técnicos do Centro de Apoio ao Trabalho (CAT), da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho, separaram 292 ofertas exclusivas de trabalho para quem é caminhoneiro, motorista de ônibus, kombi ou particular. A seleção será realizada hoje, segunda-feira, dia 26, nas unidades do CAT e os escolhidos serão contratados por empresas de prestação de serviços em transporte e logística ou de pequenas entregas.
Podem participar da entrevista profissionais com experiência de no mínimo seis meses, ensino fundamental e disponibilidade de horário. Quem for candidatar-se a motorista de kombi precisa ter veículo próprio. O salário pode chegar a R$ 1.200, dependendo da função e da empresa contratante.
A seleção ocorre nas unidades do CAT Luz, Santana, Casa Verde, Interlagos, Itaquera, Itaim Paulista e Lapa (rua Monteiro de Melo, 342). Para fazer o cadastro, os interessados devem apresentar RG, Carteira de Trabalho, CPF e Carteira de Habilitação. (Regina Ramalho)

Endereços dos CATs:
*ZONA CENTRAL
- CAT Luz
Avenida Prestes Maia, 913/919
Atendimento: das 7h às 18h (segunda a sexta-feira) e das 7h às 13h (sábado)
*ZONA LESTE
- CAT Itaquera
Rua Gregório Ramalho, 12
Atendimento: das 7h às 18h (segunda a sexta) e das 7h às 13h (sábado)
- - CAT Itaim Paulista
- - Avenida Marechal Tito, 3.012
- - Atendimento: das 8h às 17h (segunda a sexta) e das 7h às 13h (sábado)
- -
*ZONA NORTE
- - CAT Santana
- - Rua Voluntários da Pátria, 1.553
- - Atendimento: das 7h às 18h (segunda a sexta) e das 7h às 13h (sábado)
- - CAT Casa Verde
- - Avenida Ordem e Progresso, 1.001
- - Atendimento: das 8h às 17h (segunda a sexta) e das 7h às 13h (sábado)
- -
*ZONA OESTE
- - CAT Lapa I
- - Rua Monteiro de Melo, 342
- - Atendimento: das 7h às 18h (segunda a sexta) e das 7h às 13h (sábado)

*ZONA SUL
- - CAT Interlagos
- - Avenida Interlagos, 6.122
- - Atendimento: das 7h às 18h (segunda a sexta) e das 7h às 13h (sábado)

YOGEN FRÜZ ABRE LOJA NO SHOPPING ANÁLIA FRANCO

No dia 28 de julho, a multinacional canadense Yogen Früz, líder mundial no segmento de frozen yogurt, abre uma nova loja no Brasil, localizada no Shopping Anália Franco, zona leste de São Paulo. Presente em 22 países, a empresa completa 20 anos de atuação e está entre as 10 mais valiosas marcas de franquia do mundo.

O mix de produtos da Yogen Früz é bastante diversificado, pois, além do frozen yogurt em sabor natural, também oferece exclusivas opções de iogurtes sem glúten, açúcar e mesmo chocolate light, além de smoothies e “mixes”, que permitem a mistura com frutas congeladas, produzindo um sorvete de iogurte no sabor das frutas escolhidas. É possível ainda adicionar complementos (chamados “toppings”), que vão desde frutas frescas até granola, castanhas e caldas.

No Brasil, a Yogen Früz começou suas atividades em outubro de 2009 e atualmente conta com mais de 10 lojas, distribuídas, inclusive, pelas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Brasília. Um dos principais diferenciais é que os produtos são feitos com o genuíno iogurte natural, sem ingredientes artificiais para simular gosto e/ou textura. Toda a produção é feita por uma fábrica licenciada pela matriz canadense em Pouso Alegre (MG).

Serviço:
Inauguração de nova loja Yogen Früz – São Paulo
Data: 28 de julho (quarta-feira), a partir das 18h
Local: Shopping Anália Franco – Piso Orquídea
Endereço: Av. Regente Feijó, 1739 – Tatuapé