Nossos Vídeos

terça-feira, 6 de julho de 2010

Pavilhão de São Paulo ultrapassa 340 mil visitantes

Neste mês de junho, o pavilhão de São Paulo na Expo Xangai 2010 recebeu mais de 227 mil visitantes. Esse número é mais que o dobro de maio, quando foram registradas 111.246 pessoas no local. "É realmente um sucesso. Os visitantes ficam visivelmente encantados com o pavilhão que apresenta a transformação da capital paulista com a lei Cidade Limpa", destaca o secretário interino de Relações Internacionais e coordenador do projeto São Paulo na Expo, Carlos Kendi.
Segundo ele, com esse volume de público deveremos ultrapassar um milhão de visitantes no pavilhão. Os meses de julho e agosto devem atrair um número ainda maior de visitantes devido às férias escolares na China. Vale ressaltar que em nenhum dia de junho o pavilhão paulistano recebeu menos de cinco mil visitantes.
Aberta oficialmente no dia 1º de maio, a Expo Xangai já recebeu nesses primeiros dois meses de funcionamento mais de 20 milhões de visitantes. Com o tema "Melhor Cidade, Melhor Vida", o evento reúne mais de 200 países, cidades, instituições internacionais e empresas em uma área de cerca de cinco quilômetros quadrados localizada nas duas margens do rio Huangpu. De um lado, estão concentrados os pavilhões de países e instituições internacionais e do outro, estão os pavilhões de cidades e empresas.
Para sediar a Expo 2010, Xangai passou por uma grande revitalização urbana. Esta está sendo considerada a maior exposição universal em termos de participantes e pretende bater o recorde de visitantes ultrapassando 64 milhões de pessoas que a exposição de Osaka, no Japão, recebeu há 40 anos. Só no dia 26 deste mês, a Expo Xangai recebeu 553,5 mil visitantes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.