Nossos Vídeos

domingo, 17 de maio de 2009

"OVOS BRASIL" lança campanha sobre os benefícios do "OVO"

“OVOS BRASIL” LANÇA CAMPANHA NACIONAL DE ESCLARECIMENTO SOBRE BENEFÍCIOS DO ALIMENTO ‘OVO’

“Ovos Brasil” - entidade brasileira sem fins lucrativos que promove o produto “ovo” como alimento saudável, de alto valor nutritivo e seguro para ser consumido lança, neste mês, campanha em nível nacional com o mote “ovo só faz bem”

Sob assinatura “ovo só faz bem”, a OVOS BRASIL http://www.ovosbrasil.com.br/ . - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) e entidade sem fins lucrativos com representação das principais regiões brasileiras produtoras de ovos – lança, neste mês, uma campanha nos principais pontos-de-venda do País - São Paulo, Recife, Rio, Fortaleza. Goiânia, Porto Alegre e Belo Horizonte - com o objetivo de expandir, junto ao público consumidor, os conhecimentos sobre o alimento ovo como fonte nutricional e seus benefícios especiais para a saúde. A entidade, fundada em 2007, tem como um dos principais objetivos promover o produto “ovo” como um alimento saudável, de alto valor nutritivo e seguro para consumidores de todas as idades e classes sociais.
A campanha, desenvolvida pela agência RN, consiste na colocação de um display no qual estarão disponíveis informações técnicas sobre OVO, envolvendo o consumidor, buscando quebrar mitos e paradigmas. Esses displays trazem um ar moderno e buscam levar o conceito de “glamour” ao ovo. O display terá um monitor projetando filmes sobre o ovo e conterá folders informativos, a serem distribuídos aos consumdores, e que abrangem diversos temas como anulando o paradigma do colesterol, idosos, dietas de emagrecimento, benefícios do ovo, ovos para atletas, gestantes e crianças entre outros.
O ovo é conhecido como um alimento rico em proteínas e de baixo valor calórico. Por isso, deve fazer parte do cardápio das pessoas de todas as idades. Ele é considerado pela Organização Mundial da Saúde – OMS – como um alimento de proteína padrão de consumo de fácil digestão. Além disso, é fonte de vitaminas do Complexo B, (a mais importante a B12) e possui vitaminas lipossolúveis e minerais que enriquecem qualquer tipo de refeição. A maior discussão em torno do ovo é se a quantidade de colesterol pode prejudicar a saúde. Porém, análises mostram que a quantidade ingerida com colesterol em nada interfere neste processo.

Sobre a OVOS BRASIL

A OVOS BRASIL - Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) - entidade sem fins lucrativos - foi criada com a missão de expandir os conhecimentos sobre ovo como fonte nutricional e seus benefícios especiais para a saúde. A entidade tem como um dos principais objetivos promover o produto "ovo" como um alimento saudável, de alto valor nutritivo e seguro para consumidores de todas as idades e classes sociais. Fundada em setembro de 2007, em Assembléia Geral realizada nacidade de Porto Alegre - RS, a OVOS BRASIL conta com a representação das principais regiões brasileiras produtoras de ovos". A entidade é composta por pessoas físicas e jurídicas, ligadas direta ou indiretamente às atividades do sistema agroindustrial do ovo. O Dia Mundial do Ovo - 10 de outubro em 2008 ou todas as segundas sextas-feiras de outubro – foi comemorado no Brasil com o lançamento oficial da O site da OVOS BRASIL - veículo oficial da entidade – está no ar e reúne informações de qualidade e de credibilidade para o público e profissionais de diversas áreas http://www.ovosbrasil.com.br/ .

OVO É UMA ESCOLHA NUTRITIVA

O ovo é um dos alimentos mais nutritivos da natureza e uma excelente fonte de proteína de alta qualidade. Quase todos os nutrientes que o corpo necessita podem ser encontrados no ovo. Possui 13 vitaminas essenciais e minerais, proteínas de alta qualidade, gorduras insaturadas (saudáveis) e antioxidantes, com apenas 70 calorias. O pacote de benefícios do ovo é extenso (ver tabelas abaixo). Ovo é uma escolha nutritiva

Um ovo grande contém:
• somente 70 calorias
• 6 gramas de proteína
• é uma fonte excelente de ácido fólico e vitamina B12
• contém somente 6 gramas de gorduras, a maior parte insaturada.
• não contém gorduras trans
• a gema é uma boa fonte de antioxidante luteina

Cinco razões para comer ovos:

Controle de peso: Proteínas de alta qualidade dos ovos contribuem para a sensação de saciedade prolongada e para manter a energia do organismo
Manutenção da força muscular e redução da perda de massa muscular: Pesquisas indicam que proteínas de alta qualidade produzem força muscular e ajudam a prevenir a perda de massa muscular em pessoas idosas.


Gestação saudável: A gema do ovo é excelente fonte de colina, um nutriente essencial que contribui para o desenvolvimento do sistema nervoso central do feto, importante para a prevenção de anomalias fetais. Dois ovos provêem cerca de 250 miligramas de colina, ou seja metade das necessidades diárias para uma mulher gestante ou amamentando.


Função cerebral: Colina também é muito importante para a função cerebral em adultos, mantendo a estrutura das membranas celulares. É componente chave para a neuro-transmissão, que é responsável por transmitir as “mensagens” do cérebro através dos nervos para os músculos.


Saúde da visão: Luteina e Zeaxantina, dois anti-oxidantes encontrados no ovo, ajudam a prevenir a degeneração macular, que é a causa principal da cegueira dos idosos. Apesar de possuir quantidade pequena dos dois nutrientes, pesquisas demonstram que a luteina dos ovos é mais biodisponível que a luteina de outros alimentos.

ELIMINANDO MITOS SOBRE O COLESTEROL

Deve-se restringir ou não a quantidade de ovos que consumo?
Não, hoje não existe recomendação para limitar o consumo de ovos para pessoas saudáveis Algumas pessoas têm reservas por informações incompletas do passado em função do seu conteúdo de colesterol. Porém, hoje já é conhecido que o consumo de gorduras saturadas é pior para aumentar o colesterol sanguíneo que o colesterol da dieta. De acordo com especialistas, (fonte: Site aeb.org.br), o ovo contém quantidades muito baixas de gorduras saturadas (1,5g das 5,5g de gorduras insaturadas).
“Muitos brasileiros ainda estão confusos a respeito de que tipo de alimentação deve ser consumida e qual deve ser evitada. Muitos ainda evitam ovos, por medo do colesterol, apesar dos resultados dos últimos 30 anos de pesquisas, nunca terem comprovado a relação entre o consumo de ovo às doenças cardíacas. O consumo de ovo diariamente não aumenta o risco de doenças do coração em pessoas saudáveis.

Como resultado deste mito, muitos brasileiros estão se privando dos benefícios proporcionados pelos nutrientes especiais do ovo. A Ciência estabelece resultados consistentes. Um estudo realizado em 2007 com 9.500 pessoas reportado no “Medical Science Monitor”, demonstrou que o consumo de um ou mais ovos por dia, não aumentou o risco de doenças do coração ou infarto entre adultos saudáveis, e que o consumo de ovos pode estar relacionado com a redução da pressão sangüínea. Os pesquisadores concluíram que a recomendação genérica para limitar o consumo do ovo pode estar distorcida, particularmente quando as contribuições nutricionais do ovo são consideradas .

Não somente décadas de pesquisa demonstraram, não haver associação do consumo do ovo com doenças cardíacas, mas ovos são excelente fonte de colina, importante para quebrar a homocysteina, um aminoácido do sangue associado com o aumento do risco de doenças do coração.

ENTENDENDO O COLESTEROL

Níveis saudáveis de colesterol reduzem o risco de doenças do coração. O colesterol é produzido naturalmente por todos os animais e humanos. O nosso corpo necessita do colesterol para sintetizar os hormônios, vitamina D e para manter as células saudáveis. O fígado produz a maior parte do nosso colesterol. O colesterol da dieta, encontrado nos alimentos como carne vermelha, frango, frutos do mar, ovos e derivados do leite tem pouca interferência no colesterol sanguíneo para a maioria das pessoas.

Um adulto normal pode comer um ovo por dia aumentar o risco de doenças do coração? Pesquisas demonstraram que não existe correlação entre a dieta com ovos e o desenvolvimento de doenças coronarianas em indivíduos normais. O colesterol que ingerimos em nossa dieta tem bem menos impacto no nível de colesterol do sangue que a gordura saturada que consumimos, (fonte: Hu et al. Journal of the American Medical Association 1999; 281:1387-94)

Se há uma preocupação com os níveis sanguíneos de colesterol, os passos mais importantes são:
1- Procure manter um peso saudável
2- Mantenha atividade física freqüente
3- Siga o padrão de alimentação reduzindo as gorduras saturadas e gorduras trans

Se há ingestão de uma dieta balanceada, não precisa cortar o consumo de ovos ou camarões, a menos que seu médico ou nutricionista faça esta recomendação. Se for aconselhado que mude sua dieta para reduzir o colesterol sanguíneo, o mais importante a fazer é cortar as gorduras saturadas (queijos, manteiga, gordura das carnes, embutidos, cremes de leite etc). É aconselhável aumentar a quantidade de frutas, verduras e fibras na dieta.

Gorduras insaturadas, na verdade, podem reduzir o colesterol sanguíneo. Tente substituir alimentos que contém gorduras saturadas por alimentos que possuem gorduras insaturadas (azeite de oliva, abacate, nozes e sementes, óleos vegetais). As gorduras trans - encontradas em recheio de biscoitos, bolos, massas, algumas margarinas e alimentos que tem gorduras hidrogenadas) – aliadas às gorduras saturadas aumentam os níveis de colesterol ruim no sangue (LDL).
Fonte:http://www.eatwell.gov.uk/healthissues/healthyheart/cholesterol/#elem234961


PARA CONSUMIR OVOS COM SEGURANÇA

A “Cartilha sobre Boas Práticas para Serviços de Alimentação” publicada pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) presta esclarecimentos sobre os cuidados que devem ser tomados durante a manipulação de alimentos. O trabalho do manipulador de alimentos é fundamental para garantir a saúde dos consumidores. A OVOS BRASIL, sempre apoiando essa iniciativa e reafirmando sua missão de expandir os conhecimentos sobre ovo sob vários aspectos - principalmente aqueles ligados à segurança alimentar - destaca as seguintes recomendações:


Como armazenar e manipular ovos?
Compre sempre ovos de origem conhecida e inspecionados pelos serviços oficiais;
Mantenha-os em local limpo, fresco e arejado, preferencialmente em geladeira após comprá-los;
Ao comprar ovos, certifique-se da data de validade e que não estejam com a casca suja, trincada ou quebrada;
Lave com água e sabão as superfícies de trabalho, utensílios e mãos antes de manusear o produto cru;
Lave os ovos somente antes de utilizá-los;
Coma ovos e os alimentos feitos dele bem fritos e cozidos.
Os alimentos preparados com ovos devem ser armazenados na geladeira para sua melhor conservação.
Segurança biológica do OVO
O risco de um ovo ser contaminado por Salmonella é muito baixo, cerca de 1 em cada 20.000 ovos. Mas não existe razão para se correr o risco de contrair infecções alimentares. O manuseio apropriado ec higiênico do ovo pode reduzir ou até eliminar esse risco.
Os ovos não são a única fonte de Salmonella. As Salmonellas podem ser encontradas na natureza e são facilmente disseminadas. Existem mais de 2.500 tipos de Salmonelas. A bactéria pode ser encontrada no trato intestinal de todos os animais, aves, répteis, insetos, humanos e vegetais.
O ovo propriamente dito pode não estar contaminado quando o compramos, mas pode se contaminar quando manuseado e ou armazenado indevidamente. Manusear os ovos com as mãos sujas, o contato dos ovos com os animais de estimação e com outros alimentos contaminados, armazenados em locais não limpos e com presença de insetos e também em ambiente e equipamentos de cozinha não higienizados, podem contaminar os ovos por Salmonelas ou mesmo outras bactérias prejudiciais a saúde humana.

Mas a casca do ovo não o protege das bactérias?
Sim e Não. O ovo tem várias barreiras de proteção natural para prevenir a entrada e crescimento de bactérias em seu interior. Estas barreiras protegem o ovo em seu caminho da galinha até a sua casa. Apesar de proteger, a casca do ovo, tem poros e não é totalmente a prova de bactérias. Para uma segurança adicional, a Legislação Sanitária do Brasil exige que os ovos devam ser higienizados com substância anti-séptica antes da comercialização pelo produtor.
Existem ainda, as barreiras internas do ovo: As membranas, interna da casca e da gema que possuem substâncias que impedem a infecção bacteriana. A clara possui camada com pH alcalino, que impede o crescimento bacteriano e uma camada densa, que inibe a movimentação da bactéria. Portanto existem várias camadas de proteção para que as bactérias não atinjam a gema facilmente e é onde estão os nutrientes necessários para a sua multiplicação.


Sobre o Dia Mundial do Ovo

A idéia de criar o Dia Mundial do Ovo partiu da International Egg Commission, que o considera um ingrediente perfeito para qualquer refeição. Cozido, escalfado, frito ou mexido; ao pequeno-almoço, almoço, lanche ou jantar, são apenas algumas maneiras de ingeri-lo. A verdade é que o ovo é um dos produtos alimentares mais versáteis existentes no mercado e que tem muito para oferecer.
A American Council of Science and Health anunciou que não comer ovos não é uma atitude prudente, uma vez que o organismo perde todos os aspectos positivos do produto: não é menos nutritivo do que a carne ou o peixe, é rico em proteínas que são essenciais para a construção e reparação dos tecidos. Uma opinião também partilhada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) que considera o ovo um produto excelente, tendo em conta a sua composição: é rico em vitaminas do grupo B, em sais minerais e apresenta apenas cerca de 11% de gordura, concentrada apenas na gema.
Por todos estes motivos surgiu o Dia Mundial do Ovo, cujo objetivo é desmistificar que o consumo de ovos faz mal à saúde, nomeadamente aos níveis de colesterol. Estudos científicos têm vindo a demonstrar que numa pessoa saudável, cerca de 4 a 5 ovos por semana, não provocam qualquer aumento dos níveis de colesterol; no entanto, pessoas que já tenham o colesterol sanguíneo muito elevado não devem abusar deste alimento, ressalva a citada comissão International Egg Comission.

*
*
*
*

Mural:



Curso de enfermagem em centro cirurgico:
Educação a Distância
Curso de enfermagem em cardiologia:
Educação a Distância


Curso de enfermagem em administração de serviço hospitalar:
Educação a Distância

Influenza A aumenta em 61% ligações para o Disque Saúde

Entre 27 de abril e 6 de maio, o sistema recebeu cerca de 280 mil ligações. A média diária de acesso ao serviço, que antes do alerta de epidemia era de 19.400, passou para 34.500 telefonemas
A epidemia de Influenza A (H1N1) elevou em 61% as ligações para os teleatendentes do Disque Saúde (0800 61 1997), entre 27 de abril e 6 de maio. O sistema, um dos principais canais do Ministério da Saúde para esclarecer as dúvidas da população, oferece dois tipos de atendimento: um eletrônico com mensagens previamente gravadas ― unidade de resposta automática (URA) ― e outro de interação com os teleatendentes, que receberam treinamento específico sobre o tema. Entre a última semana de abril e a primeira de maio, foram 277.917 ligações. Deste total, 15% (41.433 ligações) foram transferidos para o teleatendimento. O restante optou pela resposta automática. Quando comparado o número de ligações entre abril de 2008 (613.305) e de 2009 (656.915), houve um aumento de 7,1%. Em relação aos teleatendentes, o aumento foi de 5,7%.
Entre 1º e 26 de abril, antes do alerta de epidemia por Influenza A, o Disque Saúde ― por meio dos atendentes ou mensagem eletrônica ― recebia, em média 19.400 ligações por dia. A partir do alerta, entre 27 de abril e 2 de maio, essa média subiu para 34.500 ligações gerais, o que representou um aumento de 56% no total de ligações. A demanda direta aos teleatendentes, antes com uma média diária de 3.900 ligações, passou para 6.400, uma elevação de 61%.
A maioria das pessoas que recorreu ao Disque Saúde queria informações sobre a definição da Influenza A, seus sintomas, a situação da gripe no país e as medidas de prevenção que deveriam adotar. Também buscaram recomendações aos que viajariam rumo aos países afetados e, neste caso, qual a orientação para se prevenir ou combater o H1N1. Tanto o acesso ao banco de informações (utilizado para informações prestadas pelos teleatendentes), quanto às mensagens eletrônicas na URA demonstrou que esses foram os assuntos mais demandados – definição; sintomas; e situação epidemiológica no Brasil. [ver quadro abaixo]

DÚVIDAS - No período de 28 a 30 de abril, a opção 2 do Disque Saúde [Doenças] ultrapassou, em média, a marca das 10 mil ligações diárias. A equipe da Ouvidoria do Ministério da Saúde suspeita que o crescimento foi provocado pela busca de informações sobre a gripe suína, estimulado pela presença ostensiva do tema no noticiário nacional e internacional e por ainda não ter sido feita, nesse período, a inclusão da opção específica sobre a Influenza no menu eletrônico. Totalizaram 5.715 os acessos ao Banco de Informações Técnicas em Saúde (BITS) sobre gripe e resfriado, dos quais 5.012 foram específicos a respeito do alerta referente à Influenza A.
Essa constatação reforçou a suspeita de que a maioria dos brasileiros estava mesmo interessada em obter informações e detalhes sobre a epidemia da gripe, cujos primeiros casos foram registrados no México e rapidamente se espalhou por 33 países, atingiu 5.728 pessoas e matou 61 (México, Estados Unidos, Canadá e Costa Rica), de acordo com o último informe da Organização Mundial de Saúde (OMS).
A partir de 1º de maio, quando a Influenza A passou a ser a opção 8 do Disque Saúde, houve um recuo de 53% na demanda direta aos teleatendentes. O relatório da Ouvidoria revela que a inclusão da opção 8 ― Influenza A ― permitiu ao sistema atender a mais de 500 pessoas ao mesmo tempo, mostrando um aumento expressivo da capacidade do Ministério da Saúde de disseminar a informação aos brasileiros e reduzir a sobrecarga dos teleatendentes.
Os brasileiros das regiões Sudeste e Nordeste foram os que revelaram maior interesse para obter detalhes sobre a epidemia de Influenza A. Apenas no dia 1º de maio, do Sudeste partiram 6.555 ligações para o Disque Saúde e do Nordeste 5.112. A terceira posição ficou para o Sul, com 2.267 telefonemas para o serviço oferecido pelo Ministério da Saúde.

*
*
*
*
PUBLICIDADE:
RESTAURAÇÃO E RETOQUE DE FOTOS!
www.kidbrinde.webnode.com.pt

TESTE DE VISÃO GRATUITO NO SHOPPING METRÔ TATUAPÉ

SHOPPING METRÔ TATUAPÉ OFERECE TESTE DE VISÃO GRATUITO EM PARCERIA COM A SECRETARIA DE SAÚDE DO ESTADO DE SÃO PAULO

Empreendimento espera atender cerca de 2,5 mil pessoas no dia da ação

Com o objetivo de conscientizar e orientar a população sobre a prevenção e tratamento de doenças oftalmológicas, o Shopping Metrô Tatuapé, em parceria com a Secretária de Saúde do Estado de São Paulo, realizará no próximo sábado, dia 16 de maio, das 10 às 20h, um dia de testes de visão gratuitos.

Os testes serão realizados por cerca de 20 profissionais especializados da Universidade de Ensino Profissional da Irmandade da Santa Casa de São Paulo. As pessoas que apresentarem alguma anormalidade serão orientadas a agendar consulta com um oftalmologista para um exame mais apurado. “Estamos preocupados com a saúde da população e é por esse motivo que realizamos ações educativas, em prol do bem-estar de todos”, diz Elaine de Almeida, Gerente Geral do Shopping Metrô Tatuapé.

Além dos serviços oferecidos no local, a equipe de atendimento irá distribuir, durante a realização da ação, folhetos informativos sobre doenças, tratamentos, prevenções, entre outras dicas.

Sobre o Shopping Metrô Tatuapé
Inaugurado em 1997, o Shopping Metrô Tatuapé oferece aos freqüentadores mais de 300 lojas, oito salas de cinemas, ampla praça de alimentação, além de uma grande variedade de serviços e redes bancárias. Com um mix diversificado de produtos e serviços, o Shopping oferece a solução ideal para quem busca em um único lugar convivência, opções de compras e diversão. Além de todos os atrativos, o shopping conta ainda com uma passarela que liga o empreendimento à Estação Tatuapé do Metrô, e está localizado na Av. Radial Leste, esquina com a Rua Tuiti.
Para mais informações, acesse o site: http://www.shoppingtatuape.com.br
*
*
*
Publicidade:


HOSPITAL SAN PAOLO INAUGURA CENTRO MÉDICO

O Hospital San Paolo acredita na importância do bom atendimento aliado ao conforto e praticidade. Isso explica o porquê da criação de um novo centro médico que será cedido preferencialmente para as especialidades cirúrgicas. Nele, os profissionais poderão clinicar em consultórios bem acomodados e equipados, adequados às necessidades dos médicos e sem custo de locação.

Além disso, a nova instalação é de fácil acesso, já que está localizada na Rua Voluntários da Pátria, 2820, ao lado do Hospital. Os médicos economizarão tempo precioso no trânsito caótico de São Paulo, e poderão aliar o conforto de um consultório particular à comodidade de não precisar sair da Zona Norte da capital.

Dessa forma, o San Paolo deseja fomentar a criação de um pólo médico na região, para que nem profissionais nem pacientes precisem migrar para outras localidades.

Segundo o superintendente do San Paolo, Dr. Paulo Angelis “na concepção desse espaço, contamos com o apoio de um profissional da arquitetura para aliar modernidade e conforto a uma estrutura necessária ao trabalho dos médicos. Essa realização é mais uma prova de que acreditamos nesta parceira e trabalhamos sempre para satisfazer nossos colaboradores”.
*
*
*
*
*
Mural:


Educação a Distância

Educação a Distância

Educação a Distância

Casa Flora traz novidades para a APAS 2009

Em mais um ano participando da feira, a importadora Casa Flora inova mais de novo

Nesta segunda-feira, dia 18 de maio, começa a Feira Internacional de Negócios em Supermercado, a APAS. Durante quatro dias cerca de 500 empresas vão expor diversos produtos no maior evento da América Latina deste segmento.
A importadora de secos e molhados Casa Flora junto com a Porto a Porto terão um stand com novidades do mercado, além de contar com os já requisitados produtos como o vinho branco Santa Carolina, classificado ano passado pela Revista Supermercado Moderno o mais vendido na categoria.

Este ano a empresa apostou no atum Van Camp´s para atrair os consumidores e empresários do ramo. O próprio Diretor Administrativo da marca, Sr. Augusto Zarate, estará na feira para melhor explicar o diferencial do produto e seus benefícios.
Outra atração será o Bacalhau Dias, marca líder no mercado de bacalhau dessalgado. O Bacalhau Dias descarta todas as partes laterais não tão saborosas tendo assim um aproveitamento de 100% no sabor e já vem pronto. Uma área foi reservada dentro do stand apenas para expor o renomado bacalhau.


Sobre a Casa Flora

Fundada em 1970, iniciou suas atividades comercializando laticínios, atuando fortemente no setor atacadista e varejista de secos e molhados com uma loja situada no Brás em São Paulo.
Na década de 80 deu início a uma nova etapa empresarial importando produtos alimentícios e bebidas finas, exclusivos de diversas partes do mundo. Com isso criou um portfólio de vinhos e alimentos que é considerado um dos mais completos e conceituados do mercado enogastronômico, marcas estas líderes e de prestígio internacional.

Sobre a APAS


Desde que foi criada, em 1971, a APAS - Associação Paulista de Supermercados, entidade de classe que reúne empresários supermercadistas do Estado de São Paulo, vem registrando uma trajetória de sucesso, tendo sempre sua missão como foco e norte das suas ações. Uma de suas metas permanentes é profissionalizar o setor para melhor atender aos anseios do consumidor, além de buscar a excelência na operação, apontar as tendências do varejo e promover a responsabilidade social e a sustentabilidade.


APAS 2009

Local: Expo Center Norte
Endereço: Rua José Bernardo Pinto, 333 – Vila Guilherme
Data: 18/05/2009 a 21/05/2009Horário: Feira – das 14h às 22h (exceto dia 18, com início às 16h)
Congresso de Gestão – das 8h30 às 16h
Contato: 2224-5959
http://www.apas.com.br/
*
*
*
*
*
Mural:



Fumo causa 4,9 milhões de mortes por ano no mundo

UNINOVE oferece orientação para quem quer parar de fumar

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o tabagismo a principal causa de morte evitável em todo o mundo. Estima-se que o uso do tabaco causa por ano 4,9 milhões de mortes, o que corresponde a mais de 10 mil mortes por dia.
E como esse é um vicio que tem aceitação social, os não fumantes também acabam prejudicados. “Aqueles que nunca fumaram, mas que compartilham ambientes com fumantes e inalam a fumaça rica em substâncias tóxicas, apresentam risco 30% maior de câncer de pulmão e 24% maior de infarto do coração”, explica a professora de fisioterapia da UNINOVE, Adriana Marques Battagin.
Largar o vício, segundo a especialista, não é uma tarefa fácil. “Pelo menos 70% dos tabagistas almejam parar de fumar e apenas 10% conseguem”. Mas segundo ela, vale a pena o sacrifício: “após dois dias sem tabaco o olfato e o paladar melhoram e após um ano o risco de morte por infarto é reduzido à metade”.
Para auxiliar os fumantes a largar o vício a Universidade Nove de Julho – UNINOVE promove todas as quartas-feiras, às 18h30, uma palestra sobre Tabagismo no campus Memorial.
Os interessados são orientados e acompanhados por nutricionistas e fisioterapeutas que ensinam como driblar o vício com a ajuda do exercício físico e de uma alimentação equilibrada. “O exercício gera a mesma sensação de saciedade e prazer que o cigarro gera, por isso é muito importante nesse processo”, explica a professora de fisioterapia, Adriana Battagin.
A palestra e o acompanhamento são gratuitos e abertos a comunidade. Os interessados devem confirmar presença pelo tel. 3665-9752. O campus Memorial fica na Av. Adolfo Pinto, 109 – em frente à estação Barra Funda do Metro.

Palestra e orientação para fumantes que desejam largar o vício
Quando: toda quarta, às 18h30
Local: campus Memorial (Av. Adolfo Pinto, 109, em frente à estação Barra Funda)
*
*
*
*
Mural:


Educação a Distância

Educação a Distância

Educação a Distância*
*
*
*
PUBLICIDADE:
RESTAURAÇÃO E RETOQUE DE FOTOS!
www.kidbrinde.webnode.com.pt

Passaporte para as Trilhas de São Paulo agora a venda na internet

Ficou fácil caminhar pelas 40 trilhas espalhadas em áreas protegidas em todo o Estado

Agora quem quiser percorrer as Trilhas de São Paulo pode adquirir o seu passaporte sem sair de casa. O livro de bolso com indicação de 40 trilhas espalhadas em 19 Unidades de Conservação paulistas pode ser adquirido pela internet, no site: http://intranet.seade.gov.br/publishop/.
O valor do passaporte continua R$ 5,00, mais o valor do frete. Lançado em agosto de 2008, o Trilhas de São Paulo - http://www.cmacomunicacao.com.br/listen/maxpress_muda.php?rd=171607&ceda=14396321&ml=#mail# - é um programa que pretende interligar todos os ecossistemas, as regiões e as paisagens do Estado de São Paulo, como o Appalatian Scenic Trail – parque-trilha que interliga a costa leste dos Estados Unidos e o Sendero do Chile - percorrendo de norte a sul do país sul-americano.
O primeiro produto do programa foi o Passaporte para as Trilhas de São Paulo, com 40 trilhas classificadas em níveis baixo, médio e alto. As trilhas estão mapeadas em um caderno de bolso similar a um passaporte com informações dos parques, mapas e rotas. No passaporte, há espaço para carimbar cada trilha percorrida. O ecoturista que percorrer cada etapa, ganhará um brinde.A aquisação do guia era feita somente na administração dos parques, na secretaria estadual do Meio Ambiente e na Fundação Florestal. Agora, pela internet, é possível garantir o Passaporte com antecedência e começar a escolher as trilhas.
Sobre o Programa
O Programa Trilhas de São Paulo integra o Projeto Ambiental Estratégico de Ecoturismo da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, que além do passaporte, vai investir nas trilhas do estado paulista lançando manuais de monitoramento dos impactos das visitações e de interpretação ambiental das trilhas. Além disso, com um contrato firmado com o Banco Interamericano de Desenvolvimento - BID, em quatro anos investirá US$ 15 milhões nos Parques Estaduais de Ilhabela, da Ilha do Cardoso, do Carlos Botelho, de Intervales, da Caverna do Diabo e Turístico do Alto Ribeira, consolidando as unidades de conservação como produtos turísticos com capacidade de atrair visitantes, preservando o capital socioambiental das regiões envolvidas.
*
*
*
*
Mural:


Classificados Gratis

Educação a Distância

Educação a Distância

CENTRO DE CIDADANIA DA MULHER de Itaquera promove evento em parceria com SENAC

* Foto: Simone Alauk
O evento “Fique mais Bonita com Saúde” realizado pelo Centro de Cidadania da Mulher de Itaquera, em parceria com o Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (SENAC), nos dias 11 e 12 de maio, foi um verdadeiro sucesso! Além de promover conhecimento prático às jovens estudantes do curso de Técnico Esteticista da instituição, ligado ao Projeto Promoção de Saúde do SENAC, serviu para levantar a auto-estima das participantes.

A palestra inicial, voltada essencialmente à beleza e à saúde da mulher, centrou fogo na importância de as mulheres contemporâneas se cuidarem mais, já que seu papel histórico foi sempre o de cuidadora da família, quando se trata das crianças, idosos e infermos. “É fundamental que as mulheres, que hoje em dia possuem dois ou até três jornadas de trabalho, preocupem-se com os cuidados pessoais”, defendeu uma das jovens estudantes. “Além disso, para se aliviarem da sobrecarga, é fundamental que as mulheres busquem coisas que lhes deem prazer como ler, passear ao ar livre, cantar, sorrir, fazer um curso de seu gosto, tomar sol etc”, finalizou.

Conforme havia previsto a Coordenadora do CCMI, Marilene Batista dos Santos, a Tia Lena, o evento trouxe ainda uma interessante dinâmica, feita de olhos vendados, que serviu para trazer à tona a importância da higienização das mãos. Sem enxergar, as estudantes pingaram uma gota de um líquido nas mãos das participantes e pediram para que elas espalhassem nas mãos, simulando uma lavagem. Ao tirarem as vendas, as mulheres ficaram surpresas com o resultado. Em vez de sabonete líquido, como elas imaginavam, fora despejada uma gota de tinta vermelha. No final, a mulher com as mãos mais vermelhas ganhou um creme hidratante de presente. A dinâmica foi finalizada com orientações sobre a importância de se lavar sempre as mãos antes de manipularmos os alimentos com vistas a evitar doenças. “Não podemos nunca deixar de lavar os pulsos também”, alertaram as estudantes.

O evento terminou com uma sessão de higienização facial; esfoliação e hidratação das mãos. Para deixar as mulheres ainda mais felizes, foram distribuídos brindes e desenvolvidas atividades recreativas. No total, participaram cerca de 50 mulheres.

“Estava precisando muito passar algumas horas descontraídas para aliviar a cabeça”, afirmou a dona de casa e freqüentadora do CCMI, Leidinalva Rosa de Jesus, 40 anos, moradora da Cohab II. Separada há dois meses do marido violento, ela foi ao evento acompanhada por um de seus filhos. “Vim aqui buscar ajuda do Conselho Tutelar e encontrei mais do que isso”, concluiu.

Outra participante veio especialmente do Jd. Santo André, em São Mateus, para prestigiar o evento. Casada e sem filhos, a jovem dona de casa de apenas 18 anos, descobriu o evento pela página eletrônica da Prefeitura. “Estava numa lan house perto de casa, navegando pelo site da prefeitura quando me inscrevi para participar”, esclareceu Eliane Nascimento de Souza, que já completou o ensino médio.

Ela, assim como as demais participantes, voltou para casa satisfeita e com a sacola cheia de brindes ganhos em bingos e em animados sorteios. A terça-feira foi reservada especialmente às mulheres vítimas de violência.

O CCMI – Centro de Cidadania da Mulher de Itaquera fica localizado na rua Ibiajara, nº 495, bairro XV de Novembro. Informações adicionais podem ser adquiridas nos fones (11) 2073-4863 / 5706.
 
*
*
*
Publicidade:
BRINDES ESCOLARES PARA FESTAS INFANTIS
Acesse: www.kidbrinde.webnode.com.pt

CLAUDIA MATARAZZO lança novo livro "VAI ENCARAR?"


"Vai Encarar? A Nação (quase) invisível de pessoas com deficiência" de Claudia Matarazzo, com consultoria de Mara Gabrilli
Com sensibilidade, transparência e praticidade, a jornalista Claudia Matarazzo lança luz sobre o tema, oferecendo dados, depoimentos, histórias, entrevistas e dicas enriquecedoras

O Brasil tem mais de 30 milhões de pessoas com deficiência, de acordo com os dados do último censo realizado em nosso País, em 2000, ou seja, 14,5% da população brasileira possui algum tipo de deficiência. Isso quer dizer que uma em cada oito pessoas tem algum tipo de dificuldade crônica. Dessas 30 milhões de pessoas, 48% são deficientes visuais, 27% são deficientes físicos ou com mobilidade reduzida, 16% tem algum tipo de deficiência mental e 8% são deficientes auditivos. Porém, muito pouco se sabe sobre estes públicos. Quem são estas pessoas? Como gostam de ser tratadas? Quais são suas dificuldades e desejos? E, o mais importante: como a comunidade e o Estado devem lidar com elas a ponto de facilitar suas vidas e enriquecer a vida da comunidade pela convivência com a diversidade.

É com esta proposta que chega às livrarias de todo País o livro ‘Vai Encarar? – A Nação (quase) invisível de pessoas com deficiência’, com a assinatura da Editora Melhoramentos. “As pessoas com deficiência realmente são diferentes em alguns aspectos e, se por um lado estão acostumadas a uma série de dificuldades e conseguem superar contratempos e situações incríveis, há apenas uma coisa que nenhuma delas administra facilmente e do que todas, sem exceção se queixaram: elas preferem os obstáculos físicos e concretos do que a polida barreira da indiferença usada para ‘não invadir’ ou ‘ofender’ - e que acaba revestindo-as com uma dolorosa capa de invisibilidade”, afirma Claudia Matarazzo.

Em ‘Vai Encarar? – A Nação (quase) invisível de pessoas com deficiência’, a autora se preocupa em abordar temas simples, mas que podem fazer toda a diferença para o cotidiano das pessoas com deficiência. Dicas práticas de como receber um amigo ou um profissional com deficiência em sua casa ou empresa, suaves adaptações do ambiente, as novas tecnologias disponíveis, namoro e vida sexual, entre outras, se mesclam com importantes informações sobre o papel do Estado na inclusão social e dados que revelam o cenário brasileiro frente a essa questão.

Sobre a Editora Melhoramentos:
A caminho de seus 120 anos de história na literatura, a Editora Melhoramentos é a principal editora infanto-juvenil do Brasil. Acumula títulos de destaque e sucessos editoriais na literatura infantil, juvenil, livros paradidáticos, de culinária, comportamento e interesse geral. Os destaques são a linha de Dicionários Michaelis e, entre seus autores, o consagrado Ziraldo e seus 188 títulos. Ziraldo é autor de “O Menino Maluquinho”, um sucesso absoluto entre o público jovem, com quase de 2,5 milhões de exemplares vendidos.
Os livros chegam ao público através de uma ampla rede de distribuição, composta de vendedores, divulgadores, representantes e atacadistas. Além das livrarias, os mais de mil títulos publicados são vendidos por catálogo, em lojas virtuais. Também estão disponíveis nas grandes redes de supermercados.

Sobre a autora:

Jornalista, formada pela Faculdade de Comunicação Social Cásper Líbero, Claudia Matarazzo recebeu o Prêmio Abril de jornalismo. Apresentou programas de rádio e televisão, onde ainda costuma atuar como comentarista, atualmente escreve para a AT Revista da Tribuna de Santos e para a Gazeta Mercantil em São Paulo e é colunista de diversos outros veículos.
Após o sucesso de seus livros sobre moda e comportamento, a paulistana Claudia Matarazzo percorre todo o país ministrando palestras sobre etiqueta social e empresarial.



Sobre a consultora:

Mara Gabrilli, 41 anos, é publicitária, psicóloga, foi a 1ª Secretária municipal da Pessoa com Deficiência e vereadora pelo PSDB na Câmara Municipal de São Paulo. Empreendedora social, preside o Instituto Mara Gabrilli, ONG que apóia atletas com deficiência, promove o Desenho Universal e fomenta pesquisas científicas desde 1997. Foi avaliada como a segunda melhor vereadora paulistana, entre os 55 vereadores, por estudo da ONG Voto. Foi a mulher mais votada do Brasil nas Eleições 2008 com 79.912 votos.
Gabrilli assina coluna mensal para a revista TPM e comanda o programa de rádio Derrubando Barreiras: acesso para todos na Eldorado AM.
Foi eleita Paulistana do Ano (2007) pela revista Veja São Paulo, entre outros títulos recebidos.

Vai encarar? – A Nação (quase) invisível de pessoas com deficiência

Autora: Claudia Matarazzo, com consultoria de Mara Gabrilli
Nova ortografia conforme o Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa
216 páginas; Preço: R$29,00; Editora Melhoramentos, 2009

Grátis o Michaelis Guia Prático da nova ortografia, de Douglas Tufano


*
*
*
*
Mural:








Educação a Distância