Nossos Vídeos

sexta-feira, 15 de maio de 2009

ESPORTE RADICAL PARA DEFICIENTES EM SANTO ANDRÉ > 17/05

Domingo (17) tem esporte radical gratuito para deficientes em Santo André

Aberta ao público, a ação oferece atividades em equipamentos, como tirolesa, rapel, bungee trampolim e parede de escalada, para serem praticadas por crianças e adultos

A Prefeitura de Santo André e a Associação das Indústrias do Pólo Petroquímico do Grande ABC (Apolo) realizam neste domingo, 17 de maio, mais uma edição do Circuito Aventura, programa social gratuito que proporciona a prática de esportes radicais a crianças e adultos com deficiência. A ação é aberta, acontece das 10h às 17h, no Parque Regional da Criança, em Santo André, e conta com rapel, tirolesa, parede de escalada e outras atividades, além de dança e oficinas de pintura em tela e modelagem com argila. Toda pessoa com deficiência pode participar das brincadeiras, basta comparecer ao local, à avenida Itamaraty, 530, Parque Jaçatuba.

Na 10ª edição, o Circuito Aventura traz como novidade oficina de artes plásticas, que será agitada por Zeca Del Bueno, artista plástico e vice-presidente da Associação pela Cidadania das Pessoas com Deficiência (Acide), parceira na ação. Durante o evento, ao ar livre, Del Bueno vai ensinar a fazer esculturas com argila e pintura em tela.

“Assim como o esporte, a arte é um instrumento que ajuda, e muito, a melhorar a auto-estima das pessoas, ao permitir que elas percebam suas capacidades naturais”, explica Ivan Teixeira Cardoso, professor de Educação Física e coordenador do Programa de Educação Física Adaptada (Pefa).

O Circuito Aventura conta, ainda, com escoteirismo, pintura facial, bungee trampolim, cama elástica, pula-pula e três tirolesas - têm de 30 a 60 metros de extensão cada. As atividades são desenvolvidas com o apoio de 80 instrutores, entre profissionais e estudantes de Educação Física e integrantes do Grupo de Escoteiros de Santo André.

Além das atrações esportivas e artesanais, o público poderá conferir apresentações culturais, como exibição de dança do grupo de hip-hop formado por alunos da APAE (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais de Santo André), e performance de balé, feita por ex-alunos do programa.

Limites - Em 2008, o Circuito Aventura atraiu 2 mil pessoas, entre deficientes, familiares e visitantes do parque. Para esta primeira edição do ano, a expectativa é reunir mais de mil participantes. “O que nos motiva a apoiar esta ação é poder propiciar aos participantes a oportunidade de experimentar e de encontrar novos limites, junto com seus familiares”, comenta Francisco Ruiz, presidente da Apolo.

O Circuito Aventura faz parte do Programa de Educação Física Adaptada (Pefa), da Prefeitura de Santo André, que tem como carro-chefe um curso de natação adaptada exclusivo para pessoa com deficiência. Ministrado pelo Núcleo de Natação Adaptada de Santo André (Nanasa), o curso conta com 240 alunos matriculados e desde a criação, em 2002, formou 661 deficientes. A iniciativa tem o apoio, ainda, da Fefisa (Faculdades Integradas de Santo André), Shopping ABC Plaza, Alcoa Alumínio e Acide.

*Fotos: JB Ferreira


IX Circuito Aventura
Dia 17 de maio (domingo), das 10h às 17h.
Parque Regional da Criança - av. Itamaraty, 530, pq. Jaçatuba, Santo André.
*
*
*
Publicidade:
BRINDES ESCOLARES PARA FESTAS INFANTIS
Acesse: www.kidbrinde.webnode.com.pt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.