Nossos Vídeos

domingo, 15 de agosto de 2010

40ª Corrida e Caminhada Contra o Câncer de Mama

O evento também comemorou os 15 anos da campanha O Câncer de Mama no Alvo da Moda


Na manhã deste domingo, 15 de agosto, o Parque do Ibirapuera recebeu a maior prova já realizada no País da Corrida e Caminhada Contra o Câncer de Mama, com oito mil participantes. Mais do que uma corrida e caminhada, o evento é uma bandeira de luta e disseminação da informação no controle do câncer de mama.

Criado em 1999, o evento, que integra as ações da campanha O Câncer de Mama no Alvo da Moda, já percorreu 11 cidades do País, ao longo desses anos, e aconteceu mais uma vez em São Paulo, cidade que abrigou a sua primeira edição. Parte do valor arrecadado com as inscrições, que custaram R$ 40,00 tanto para a Corrida, quanto para a Caminhada, foi doada ao Instituto Brasileiro de Controle do Câncer (IBCC).

Além dos oito mil participantes, os artistas também enfrentaram o frio paulista. No evento estiveram presentes os atores: Eriberto Leão, Leandra Leal, Germano Pereira, Janaína Ávila, Antonio Fragoso, Priscila Sol e Leonardo Miggiorin, além dos comediantes Dig Dutra e Jone Brabo.

A Corrida, categoria masculina, teve como primeiros colocados:

David Benedito de Macedo (14’28”); Israel dos Anjos (14’38”); Rafael Santos (14’43”); Francisco Barbosa dos Santos (14’51”) e Adriano da Silva Soares (14’51”).

Já na categoria feminina, a Corrida teve as seguintes primeiras colocadas:
Tatiele Roberta de Carvalho (17’10”); Andrea Celeste da Silva Ramos (17’24”); Maria C. Bernardo Vaqueiro (18’04”); Hildene Cardoso de Santana (19’14”) e Nilzete Ribeiro Martins (19’23”).

No sábado, durante a entrega dos kits aos participantes, no IBCC, estiveram à disposição das pessoas mastologistas, que realizaram exames clínicos das mamas. Foram atendidas 151 pessoas, sendo 118 mulheres e 33 homens. Nove mulheres apresentaram alguma alteração nas mamas e foram encaminhadas para exames complementares no hospital. Durante a entrega dos kits, a atriz Paloma Bernardi, foi até o IBCC prestigiar a todos.

15 anos da campanha O Câncer de Mama no Alvo da Moda

Neste ano, a Corrida e Caminhada comemorou os 15 anos da Campanha no Brasil. Nesse período, mais de 15 milhões de produtos foram vendidos, entre camisetas, títulos de capitalização, bonecas, louças, cadernos, agendas, etc. Foram arrecadados cerca de R$ 57,5 milhões para o IBCC. Este valor foi investido na ampliação do hospital — desde 1995 foram mais de 14.300 mil m² — e no subsídio de parte dos tratamentos realizados no IBCC.

Um pouco de história
A título de curiosidade, a Corrida e Caminhada Contra o Câncer de Mama deu o pontapé inicial em São Paulo e reuniu naquela ocasião 600 mulheres. Com a ajuda da imprensa, dos parceiros e dos artistas que apoiam a causa, o projeto ganhou prestígio e sucesso, caiu no gosto popular e hoje reúne milhares pessoas nas cidades que são sede do evento no País.
O evento esportivo já realizou 40 edições e passou por 11 cidades do País: São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Brasília (DF), Curitiba (PR), Recife (PE), Ribeirão Preto (SP), Salvador (BA), Santos (SP), São José dos Campos (SP), Belo Horizonte (MG) e Blumenau (SC).

O espaço não é só para atletas, mas para todos aqueles que se preocupam com a qualidade de vida e disseminação de informações sobre o câncer de mama como forma de controle da doença. Mais do que tudo, a Corrida é destinada àqueles que querem manifestar seu apoio à causa.

Números Corrida e Caminhada Contra o Câncer de Mama - de 1999 a 2010

Edições - 40

Cidades - 11

Participantes + de 107 mil

Quilômetros percorridos 237 km

Instituições beneficiadas 11

Empresas-parceiras 99

Artistas que apoiaram o evento + de 170

Câncer de mama

O câncer de mama é um dos mais temidos pelas mulheres, devido à sua alta incidência (e o segundo tipo mais frequente no mundo) e, também, pelos seus efeitos psicológicos, já que elas receiam que ele venha a comprometer a sua feminilidade e sexualidade, o que afeta diretamente a sua autoestima. No Brasil, este é o tipo de câncer que mais causa mortes entre mulheres. Em 2008, foram registradas 11.860 mortes por câncer de mama no Brasil, sendo 11.735 mulheres e 125 homens.

Segundo os últimos dados do Instituto Nacional de Câncer (INCA), foram estimados para 2010 cerca de 49.240 novos casos de câncer de mama no País. Só no estado de São Paulo foram estimados cerca de 15.080 casos da doença, sendo que 5.760 seriam na capital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.

google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0