Nossos Vídeos

sábado, 14 de agosto de 2010

Central de Atendimento da Cohab-SP/Sehab é inaugurada

A nova Central de Atendimento da Cohab-SP/Sehab foi inaugurada em 2/8 pelo prefeito Gilberto Kassab. A mudança possibilitará um melhor acesso à população que busca os serviços habitacionais - o local tem capacidade para atender mais de 500 pessoas diariamente.
Situada na avenida São João, 299, a central é maior, mais moderna e melhor equipada do que a antiga sede, que ficava na Rua Líbero Badaró, 504. "Agora tudo está informatizado e pode ser acessado online. A Cohab (Companhia Metropolitana de Habitação) e a Sehab (Secretaria Municipal de Habitação) estão integradas no mesmo prédio, o que facilita a vida da população", afirmou Kassab.

A nova Central conta com dois terminais para auto-atendimento. A sala de espera tem TV e ar condicionado e no subsolo há uma brinquedoteca para as crianças acompanhantes, que serão supervisionadas por estagiárias de pedagogia. O receptivo é feito com maior privacidade, pois os munícipes são atendidos por assistentes sociais em áreas privadas.

O prédio onde está localizada a Central possui quatro pavimentos distribuídos em 1.900 m² - o anterior tinha 800 m². Totalmente recuperado, o prédio foi alugado e reformado pela Prefeitura. "A recuperação deste prédio acaba sendo inserida na recuperação do Centro, em especial nesta região, onde estamos construindo um dos mais importantes equipamentos de cultura na cidade: a Praça das Artes", observou o prefeito.

Além de Kassab, a cerimônia de inauguração da nova Central contou com a presença do secretário municipal de Habitação, que também representa a Cohab, Ricardo Pereira Leite, e dos Secretários de Infraestrutura Urbana e Obras (Siurb), Elton Santa Fé Zacarias, e de Planejamento, Rubens Chammas.

O secretário da Habitação destacou o aumento da procura pelos serviços da Companhia. "A Cohab atende mais de 500 pessoas/dia. Há dois anos, eram 50. Esse aumento se deve ao fato da companhia aplicar a renegociação de dívida. E essas pessoas vêm para a Cohab porque o programa é interessante para elas", contou Pereira Leite.

fotos: Fernando Pereira/Secom.

Um comentário:

  1. A mais de 08 anos eu e minha família estamos cadastrados e aguardamos sermos chamados pela Cohab SP. Já vimos todo tipo de pessoas passarem a nossa frente pois resolveram invadir terras públicas ou privadas, construírem barracos em área de risco, invadirem os imóveis desocupados no Centro de São Paulo tudo só para pressionar as autoridades enquanto nós ficamos aqui, até hoje, esperando e esperando para sermos chamados. De nada adiante, ir lá no prédio Martinelli, enviar emails, telefonar que nada dizem. Por que o TCM não resolve fazer uma auditoria na Cohab-SP quem sabe eles consigam destravar este processo. Mandei um email pela esta ilustre empresa e se limitaram a uma resposta padrão, robotizada que foi uma verdadeira vergonha, antes não tivessem respondido nada. Ficar numa fila de espera por uma moradia popular por mais de 08 anos é um verdadeiro atentado à cidadania do brasileiro honesto. Moro em uma favela do lado de um córrego (Esgoto) com 3 filhos menores e ainda tenho uma limitação motora (Deficiência) E estou nessa fila que só deus mesmo para saber quando serei contemplada ....Esse é o brasil...

    ResponderExcluir

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.

google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0