Nossos Vídeos

domingo, 3 de outubro de 2010

UNIFESP RECRUTA VOLUNTÁRIOS

A Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), reconhecida pelo desenvolvimento de pesquisas e estudos científicos, oferece vagas para voluntários nas seguintes áreas:

PESQUISA DE TRATAMENTO AO ALCOOLISMO

O Centro Brasileiro de Informações sobre Drogas Psicotrópicas (CEBRID) está recrutando homens e mulheres, com idade entre 18 e 65 anos, para participarem de uma pesquisa clínica sobre o tratamento do álcool. Os voluntários devem apresentar problemas relacionados ao uso de bebidas alcoólicas, mesmo se já freqüentaram tratamentos anteriores. Inscrições: (11) 5083-1084, falar com Valéria.


NOVA VACINA CONTRA H1N1 PARA DIABÉTICOS

O Nupeq (Núcleo de Pesquisas em Geriatria Clínica e Prevenção) da Unifesp está cadastrando voluntários diabéticos para um estudo que tem como objetivo desenvolver uma nova vacina para maior proteção contra a gripe H1N1 e outros vírus que podem circular neste período de inverno. Podem participar pessoas com idade entre 18 e 70 anos com diabetes que ainda não tenham tomado vacina contra H1N1 ou que tenham tomado a vacina há mais de 90 dias.

Os voluntários passarão por uma consulta e poderão receber a vacina gratuitamente, tendo a oportunidade de serem acompanhados, sem nenhum custo, por equipe médica altamente especializada.

Os interessados podem entrar em contato pelo telefone (11) 5579-0400 (falar com Fabíola ou Fernanda) das 8h30 às 17h00, de segunda a sexta-feira, ou pelo e-mail regulatorio.nupeq@gmail.com


EFEITOS DO LASER NO DESEMPENHO MUSCULAR DE IDOSAS

Mulheres de 60 anos a 70 anos, clinicamente saudáveis, não portadoras de diabetes descompensada e hipertensão arterial descontrolada, IMC menor ou igual a 27 poderão participar de estudo do Departamento de Fisioterapia da Unifesp Baixada Santista que compreende um programa de exercício muscular de treinamento de força para pernas associado à terapia laser (terapia de fisioterapia). O programa terá duração de nove semanas e as voluntárias deverão ser capazes de realizar atividade de musculação para as pernas, ou seja, não poderão apresentar lesão ou afecção que impossibilite o treinamento físico. Não poderão participar mulheres com história prévia de algum grau de lesão muscular no quadríceps femoral, diagnóstico de pneumopatias e presença de doenças ortopédicas e reumáticas que possam impedir a realização do treinamento físico. Os treinamentos e aplicação de terapia laser serão realizados individualmente às terças e quintas-feiras. Inscrição: Entrar em contato para agendar avaliação pelo telefone: (13) 8829-9430

DOR EM PACIENTES NA PÓS-MENOPAUSA COM FIBROMIALGIA

O Ambulatório da transição para a menopausa e pós-menopausa, do Departamento de Ginecologia da UNIFESP está recrutando mulheres para participar de uma pesquisa para verificar a dor em mulheres na menopausa, portadoras de fibromialgia. As voluntárias se submeterão a quatro meses de atividade física três vezes por semana e responderão a um questionário que avaliará a dor subjetiva.

As interessadas devem ter entre 45 e 60 anos, com pelo menos um ano na pós menopausa, serem portadoras de fibromialgia e sedentárias. Não serão aceitas mulheres que fazem uso de terapia hormonal, antidepressivos, antiinflamatórios, diabéticas, hipertensas e com insuficiência renal.

A triagem das voluntárias será feita no ambulatório do Climatério Rua Embaú, 66 – Vila Clementino nas quartas-feiras das 14h00 às 17h00 e nas quintas-feiras das 8hs às 11h00. Informações pelos telefones: 3341-3608 / 9734-9126 / 6692-9598 com Nelma Menezes. Serão selecionadas 60 mulheres e o prazo de inscrição se estende até o preenchimento das vagas.

EFEITOS DE SUPLEMENTOS ALIMENTARES EM HIPERTENSOS

Departamento de Medicina Translacional da UNIFESP está recrutando voluntários para pesquisa sobre os efeitos de suplementos alimentares (aminoácido L-arginina) na pressão arterial pós-exercício em indivíduos hipertensos. Podem se candidatar às vagas homens hipertensos, com idade entre 30 e 55 anos, não fumantes, que não façam uso de nenhum tipo de suplemento alimentar, sem problemas ortopédicos e que não pratiquem exercícios físicos (sedentários).

Os voluntários devem ter disponibilidade na parte da manhã para realização dos testes. Serão realizados exames de sangue e avaliação física gratuitamente. Há 20 vagas disponíveis.

Os interessados podem entrar em contato com Marcos Antonio do Nascimento, entre 8h e 17h, no telefone 5084-6836, ramal 27 ou pelo e-mail marcosanascimento@uol.com.br.


TRATAMENTO PARA TDAH

O Centro Paulista de Neuropsicologia, do Departamento de Psicobiologia da Unifesp, está com inscrições abertas para adolescentes já diagnosticados com TDAH (Transtorno do Déficit de Atenção e Hiperatividade) que possam fazer parte dos grupos de terapia. Durante 20 semanas, quatro grupos de 5 pessoas participam de atividades variadas e paralelamente há um trabalho de orientação para os pais. O mesmo projeto, em parceria com a Universidade Federal da Bahia (UFBA), também está com inscrições abertas para adolescentes daquele estado e os resultados serão agrupados, tendo como objetivo apontar os impactos dos tratamentos propostos sobre participantes de diferentes realidades. Inscrições: para projeto de tratamento em São Paulo: Centro Paulista de Neuropsicologia da Unifesp - Rua Embaú, 54 - Telefone: (11) 5549-6899 / 8476


Sobre a Unifesp

A Unifesp (Universidade Federal de São Paulo) foi criada oficialmente em 1994, a partir da Escola Paulista de Medicina, entidade criada em 1933 que foi federalizada em 1956. Na ocasião da criação da Unifesp, a instituição era a primeira universidade brasileira especializada em Saúde, abrigando em seu currículo de graduação os cursos de Medicina, Enfermagem, Fonoaudiologia e Tecnologias Oftálmica e Radiológica.

Em 2005, iniciou-se o projeto de expansão com a criação do campus Baixada Santista. Em 2006 foi criado o campus Guarulhos, seguido de Diadema e São José dos Campos, em 2007, dando seguimento ao processo de ampliação.

O ambicioso processo de expansão fez com que a Universidade saltasse de um para cinco campi e de cinco para 28 cursos. Com os novos campi, a Instituição deixou de atuar exclusivamente no campo da saúde, inaugurando cursos nas áreas de Humanas (Guarulhos), Exatas (São José dos Campos) e Biológicas (Diadema).

Atualmente, a Unifesp conta com 6.442 alunos matriculados nos cursos de Graduação, além de 3.342 discentes nos cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu (Doutorado, Mestrado e Mestrado Profissionalizante), outros 6.296 na Pós Graduação Lato Sensu (Especialização e Aperfeiçoamento) e ainda 800 discentes no maior programa de residência médica do Brasil.

A instituição tem em seu quadro 935 docentes, sendo que 94,2% possuem título de doutor, um percentual que marca a qualidade de ensino oferecida pela Instituição.

Em 1940 a universidade, então Escola Paulista de Medicina, inaugurou o Hospital São Paulo, primeiro hospital-escola do País, que hoje é o Hospital Universitário da Unifesp localizado no campus São Paulo, no bairro Vila Clementino.

Ao longo de sua história, a Unifesp se consolidou como um dos principais centros de pesquisa e inovação da América Latina, tendo contribuído com 80.715 trabalhos de produção científica no período entre 2001 e 2009 em várias áreas do conhecimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.

google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0