Nossos Vídeos

quarta-feira, 10 de novembro de 2010

Segunda intervenção do Projeto "Se Liga Povão"

Neste sábado, dia 6 de novembro, acontece a segunda intervenção cultural do Projeto "Se Liga Povão", que pretende conscientizar as pessoas sobre os benefícios que o meio ambiente proporciona. Idealizada pela ONG Plugados na Educação, a atividade será realizada a partir das 13h no Campo do 13, localizado na avenida Sansão Castelo Branco, s/n).

Para o idealizador do projeto, Wesley dos Santos Lima, a intenção é chamar a atenção para problemas enfrentados no dia a dia "Queremos conscientizar os moradores do nosso bairro sobre os entulhos que são jogados nos córregos e a degradação do meio ambiente". Para tanto, o grupo também fará a apresentação dos serviços e programas oferecidos pela Subprefeitura, tais como cata-bagulho, ecoponto (local onde moradores podem despejar até um metro cúbico de entulho), entre outras.

Durante a intervenção, ainda haverá muita diversão para as crianças, que poderão participar de um sarau ecológico e gincanas (com brincadeiras relacionados ao meio ambiente). Esta é uma iniciativa de jovens que se preocupam com o bairro, e querem transformar-lo por meio de ações sociais e culturais.

SERVIÇO

Data 06.11.10
Horário 13h às 18h
Local: Avenida Sanção Castelo Branco, s/n

Metodista e Ministério Público lançam livro sobre violência nas escolas

A Universidade Metodista de São Paulo, por meio da Cátedra Gestão de Cidades, em parceria com a Promotoria de Justiça da Infância e Juventude de São Bernardo do Campo e o Ministério Público, lançam, nesta sexta-feira, dia 12 de novembro, o livro e o vídeo “Uma nova aquarela: desenhando políticas públicas integradas para o enfrentamento da violência escolar em São Bernardo do Campo”.

O evento marca a abertura do “Seminário Cultura de Paz nas Escolas”, promovido pela Escola Superior do Ministério Público (ESMP), às 9h, no auditório Julio Fabbrini Mirabete (Rua 13 de maio, 1259, Bela Vista, São Paulo), sendo aberto ao público e a inscrição deve ser feita pelo site da ESMP.

Participarão da mesa de abertura, o reitor da Metodista, professor Marcio de Moraes, o procurador geral de Justiça, Fernando Grella Vieira, a procuradora de Justiça e diretora do CEAF-ESMP, Eloisa de Souza Arruda, o prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho, o Juiz de Direito da Vara da Infância e Juventude de São Bernardo do Campo, Luiz Carlos Ditommaso e o coordenador da Cátedra Gestão de Cidades da Metodista, professor Luiz Roberto Alves.

O livro e o vídeo são resultado dos trabalhos desenvolvidos no projeto “Parceria na Construção de uma Cultura de Paz no Ambiente Escolar”, desde 2007, e tem por objetivo promover o debate sobre a diminuição dos casos de violência nas escolas. Os materiais serão distribuídos nas escolas públicas de São Bernardo, em 2011.

Também são parceiros do Projeto a Escola da Defensoria Pública do Estado, Diretoria Regional de Ensino dos Municípios de São Bernardo do Campo e São Caetano do Sul, Secretaria da Educação do Estado de São Paulo, Prefeitura de São Bernardo do Campo, Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Conselho Tutelar, Secretaria da Segurança Pública: Polícia Civil do Estado de São Paulo, Polícia Militar, Fundação Criança, Centro de Atenção Psicossocial – CAPS de São Bernardo do Campo e Qualicorp – Soluções de Saúde.



Rede Metodista de Educação - Criada oficialmente em 2006, a Rede Metodista de Educação é um sistema integrado entre instituições de Ensino Metodistas de todo o País. São escolas centenárias, pioneiras na aplicação de inovações pedagógicas, e também as mais novas, todas comprometidas com princípios e valores cristãos e com a busca de qualidade em todos os níveis. Atualmente, são mais de 50 instituições educacionais em dez estados brasileiros, chegando a mais de 60 mil alunos na educação básica, ensino técnico e educação superior, no ensino presencial e a distância. Mundialmente, a educação metodista está presente em mais de 60 países.

CAT fecha nesta segunda-feira

Em decorrência do feriado de Proclamação da República, dia 15 de outubro, segunda-feira, todas as unidades do Centro de Apoio ao Trabalho e do banco de microcrédito São Paulo Confia cessarão o atendimento ao público. Os serviços do CAT funcionarão normalmente no sábado, das 7 às 13h.

            As atividades serão regularizadas na terça-feira, após o feriado, nos CATs e nos postos do banco de microcrédito.

“Up” nos cílios

Tingimento dos cílios promete ganhar o gosto da mulherada no verão 2011



Quem nunca pensou em acordar linda, com os olhos maquiados? Os cílios, com certeza, ajudam muito a definir o olhar, mas mantê-los em ordem não é tarefa fácil. Isso já é possível através de uma técnica muito simples, que o Salão Ritz, em Moema, já disponibiliza aos clientes: o tingimento de cílios.



“Trata-se de uma técnica feita com produto importado, antialérgico, que pode ser utilizado em qualquer tipo de pele. Ele tinge os cílios e pode ser utilizado também na sobrancelha”, diz a esteticista Néia Oliveira, do salão Ritz, em São Paulo.



Segundo Néia, o efeito da coloração pode ser natural ou um pouco mais forte, dependendo da cor que a pessoa escolher, deixando o olhar mais glamouroso ou com um visual mais natural.



Existem quatro tonalidades: marrom claro, marrom natural, preto e preto azulado. Se a pessoa é loira, a profissional sugere optar por um tom meio marrom, que dá um olhar mais leve e bem sensual.



O procedimento dura de 15 a 20 minutos, podendo ser feito também nos cílios inferiores. Na primeira aplicação, a técnica tem duração de 30 a 45 dias e a partir da segunda esse tempo pode chegar a até 90 dias.



A especialista lembra que esse processo não deve ser feito em casa, pois o uso incorreto do produto pode ser prejudicial aos olhos. Além disso, a aplicação exige cuidado para não estragar o desenho da sobrancelha. Valor do procedimento: R$ 65.



RITZ CABELO E ESTÉTICA
Tel: (11) 5042-0026
http://www.ritzestetica.com.br/

Prefeitura apresenta sistema inovador de zeladoria

A Prefeitura de São Paulo está expondo soluções tecnológicas na Futurecom, maior feira de telecomunicações e tecnologia da informação da América Latina, que ocorre até 28 de outubro no Transamérica Expocenter, zona sul da cidade. O destaque do stand de 35m2 é o sistema de integração do Serviço de Atendimento ao Cidadão (SAC) da Prefeitura ao Sistema de Informações Operacionais da Polícia Militar (SIOPM). O Relatório de Averiguação de Incidentes Administrativos (RAIA) sistematiza informações repassadas pelos policiais para agilizar a solução de problemas de zeladoria da cidade.

Com o RAIA, o policial relata problemas como falhas de iluminação e pontos irregulares de entulho e lixo, detectados durante as rondas policiais. O sistema gera um aviso automático para a subprefeitura da região, que toma as providências necessárias. A administração municipal também é responsável por comunicar à PM quais foram as medidas tomadas.

"O Raia integra ação da polícia com as subprefeituras e contribui para a zeladoria da cidade. A tecnologia permite uma melhora da atuação do poder público em relação ao cidadão", explicou o diretor-presidente da PRODAM e secretário adjunto de Modernização, Gestão e Desburocratrização João Octaviano Machado Neto.



Em quase um mês de operações, foram registradas 14 solicitações à administração municipal. "Nós esperamos desta parceria estratégica que a população se sinta muito mais protegida. Reduzir o crime no aspecto estatístico não significa que o cidadão se sente seguro. A sensação de segurança melhora também quando o ambiente da cidade está bem cuidado pela Prefeitura", afirmou o tenente-coronel Alfredo Deak Junior.



Prêmio



Durante a cerimônia de abertura da Futurecom 2010, o prefeito Gilberto Kassab foi homenageado pelo conjunto de serviços digitais da administração municipal. São Paulo foi denominada em 2009 a Cidade Mais Digital da América Latina, recebendo o VI Prêmio Iberoamericano de Cidades Digitais. O município ganhou, também, o troféu ABET 100 anos, conferido pela Associação Beneficente dos Empregados de Telecomunicações.

Além dos serviços ao cidadão disponíveis na página eletrônica da Prefeitura e das ações de prestação de contas, a cidade se destaca por programas de inclusão digital. São Paulo já conta com 360 Telecentros, o maior programa do gênero em uma mesma localidade no mundo.

Futurecom

Na edição deste ano, a Futurecom espera receber cerca de 15 mil pessoas de pelo menos 40 países. Do total de visitantes, mais de 70% são presidentes, diretores e gerentes de empresas do setor de telecomunicações e tecnologia da informação.

2011 e os novos governantes...

*Dr. Antonio Luís Cesarino de Moraes Navarro


   As políticas sociais implementadas pelo Governo Federal contribuem e integram o processo de desenvolvimento econômico. Saúde, educação, habitação e saneamento com certeza geram emprego e renda além de contribuirem para a elevação dos padrões de vida das pessoas. Hoje, somente o setor de saúde responde por um significativo percentual do Produto Interno Bruto, o que pode significar mais de dois milhões de empregos diretos. É um setor de mão de obra intensiva e simultaneamente gerador e consumidor de tecnologia.
   Em nosso país, o setor da saúde vem sendo submetido a um significativo processo de reforma, cuja ação é fundamental para a concretização das ações do Sistema Único de Saúde (SUS), que tem assumido um papel ativo na reorientação das estratégias e modos de cuidar, tratar e acompanhar a saúde individual e coletiva.
   A falta de estrutura da rede pública faz com que, por meio de convênios, hospitais filantrópicos possam prestar serviços ao SUS, porém, muitas vezes a distribuição de recursos para estas Instituições não obedecem a critérios técnicos, vindo a prejudicar o sistema.
   A distribuição precisa acontecer de forma equilibrada, ao prover cada instituição em função do volume e da eficácia dos atendimentos, e disponibilizar à população brasileira atendimento digno, humanizado e dotado dos maiores rigores na eficácia e eficiência aos pacientes.
   Desejamos ao governador eleito do estado de São Paulo, Geraldo Alckmin e à presidente eleita Dilma Rouseff que nos próximos quatro anos as estruturas de saúde pública distribuídas em várias cidades de nosso país, sejam consideradas modelo de atendimento humanizado e eficiente. E o mais importante, que sejam implementados critérios para a distribuição equânime de recursos, e com isto fortalecer as instituições de saúde de nosso país.
*Dr. Antonio Luís Cesarino de Moraes Navarro é superintendente da Fundação Amaral Carvalho, bacharel em Direito e administrador hospitalar.