Nossos Vídeos

quarta-feira, 24 de junho de 2009

LEILA PINHEIRO no Shopping Metrô Tatuape > 28/06

Foto: Marcelo Coelho
Organizado pelo empreendimento, Domingo Musical tem como objetivo promover a cultura brasileira *

A célebre cantora da MPB Leila Pinheiro é a atração do mês de junho do projeto Domingo Musical 2009. Promovido pelo Shopping Metrô Tatuapé em parceria com a Rádio Alpha FM, o show gratuito acontece no dia 28 de junho (domingo), às 13h, na Praça de Eventos do empreendimento.
A apresentação contará com músicas consagradas e hits do mais novo repertório da cantora, o CD “Pra iluminar”, lançado em abril deste ano. Inteiramente dedicado à obra do compositor paulistano Eduardo Gudin - um dos autores da canção “Verde”, que revelou Leila em 1985 -, o álbum conta com parcerias de Paulinho da Viola, Paulo César Pinheiro, Paulo Vanzolini entre outros artistas. Aplaudida em todo o mundo, Leila promete surpreender o público no Domingo Musical.
*

HISTÓRICO

*
Nascida em Belém, Leila Pinheiro iniciou seus estudos de piano aos 10 anos. Aos 20, trocou a faculdade de medicina para dedicar-se integralmente à carreira artística. Em 1980, a cantora estreou sua trajetória musical, interpretando sucessos de grandes compositores como Tom Jobim, Chico Buarque e Johnny Alf. Além de colecionar parcerias com grandes nomes da música brasileira como Renato Russo, a artista já interpretou trilhas sonoras para televisão, entre elas “Uma Voz ao Vento”, para a minissérie da Rede Globo “A Casa das Sete Mulheres”, e “De um jeito que não sai”, para a telenovela “Chocolate com Pimenta”, também da emissora.
*

Sobre Domingo Musical

*Em 2009, o projeto Domingo Musical - realizado em parceria com a Rádio Alpha FM - chega ao 3º ano consecutivo. O evento, que acontece todo último domingo de cada mês, tem como objetivo promover a cultura, proporcionando aos visitantes do Shopping Metrô Tatuapé o melhor da música brasileira. A estrutura oferece 250 assentos para quem quiser conferir os shows, mas é possível assistir aos espetáculos dos outros andares do Shopping. Os shows são gratuitos e ocorrem na Praça de Eventos, no piso Tatuapé.

Serviço:
Data: dia 28 de junho de 2009 (domingo)
Horário: às 13h
Local: Praça de eventos do Shopping Metrô Tatuapé, localizado na Radial Leste com a Rua Tuiuti, integrado à estação Tatuapé do Metrô
Entrada gratuita
*
*
*
Publicidade:
BRINDES ESCOLARES PARA FESTAS INFANTIS
Imas de geladeira, calendários, diplominhas
Acesse: www.kidbrinde.webnode.com.pt

MARA GABRILLI reúne taxistas e usuários de cães-guia

A Comissão de Trânsito e Transporte da Câmara Municipal será palco de discussão sobre uso de táxis por pessoas com deficiênciaA convite da veradora Mara Gabrilli, amanhã (25/06), a Comissão de Trânsito e Transporte receberá profissionais taxistas, cegos usuário de cão-guia e táxis adaptados para resolver os problemas de utilização, por pessoas com deficiência, deste meio de transporte. “Recebo com frequencia em meu gabinete reclamações sobre a dificuldade que as pessoas com deficiência vêm enfrentando para utilizar o táxi como meio de transporte”, explica a vereadora.

Em 2007, por meio da Lei nº 14.401, foi criado o serviço de táxi acessível para pessoas com deficiência, no mesmo ano a Prefeitura regulamentou o serviço com o Decreto nº 48.695. O táxi acessível é um veículo adaptado para transportar, principalmente, pessoas com cadeiras de rodas, a adaptação permite a entrada da pessoa no veículo sem a necessidade de sair da cadeira e com pouco esforço do motorista ou acompanhante, já que uma plataforma eleva e insere a pessoa no veículo.

As reclamações em relação ao serviço são grandes, principalmente por partes dos taxistas, porque a adaptação do veículo é muito cara, não há incentivo fiscal algum, eles só podem atender passageiros com deficiência física e acreditam que o serviço é pouco divulgado pela Prefeitura, com isso não há receita sufuciente que garanta a continuidade do serviço. “É preciso fazermos alguma coisa rápido ou o táxi acessível, que tanto agradou a população com deficiência corre o risco de morrer por falta de conhecimento da sua existência”, desabafou Mara.

As pessoas com deficiência visual, que utilizam táxis comuns se queixam que os taxistas se recusam a carregar o cães-guia, embora a Lei Federal nº 11.126/2005 garanta o direito inequívoco ao deficiente visual, acompanhado de cão-guia, de “ingressar e permanecer com o animal nos veículos e nos estabelecimentos públicos e privados de uso coletivo”, muitos profissionais não permitem a entrada de cães-guia em seus táxis, com a percepção equivocada de que o animal vai causar algum prejuízo ao veículo.

Durante a sessão da Comissão os profissionais receberão a orientação tanto sobre a questão normativa quanto a questão comportamental, para que o cão-guia não seja confundido com um animal de estimação cujo dono seja um deficiente visual. Afinal, trata-se de animal exaustivamente treinado e credenciado como instrumento de apoio à locomoção do cego. A vereadora ainda está buscando parceria com instituições bancárias para liberar uma linha de crédito específica para adaptação dos táxis acessíveis.
A reunião da Comissão contará com a presença do Secretário Municipal da Pessoa com Deficiência, a Presidente do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência, da Associação das Frotas de Táxi (ADETAX), da Associação dos Taxistas Autônomos, da Metrópole SP Rádio Táxi, da Associação Super Táxi dos Taxistas Autônomos e da Sila Car Locadora, além dos munícipes interessados.

SERVIÇO:
Comissão de Trânsito, Transporte, Atividade Econômica, Turismo, Lazer e Gastronomia
Dia: 25/06/09 (quinta-feira)
Hora: 14hs
Local: Câmara Municipal de São Paulo – Viaduto Jacareí, 100 – Centro
São Paulo-SP
*
*
*
Publicidade:
BRINDES ESCOLARES PARA FESTAS INFANTIS
Imas de geladeira, calendários, diplominhas
Acesse: www.kidbrinde.webnode.com.pt

ECOPONTO: Uma das soluções para o problema do lixo na cidade

A Prefeitura de São Paulo prevê a implantação de 96 Ecopontos em toda a cidade. Conforme a meta da administração municipal, cada distrito deverá ser beneficiado com um equipamento deste tipo. O objetivo maior é eliminar de forma gradativa os inúmeros pontos viciosos de descarte de entulho. Hoje, a cidade já conta com 37 Ecopontos em pleno funcionamento.

Cerca de 51 mil m³ de entulho e objetos volumosos foram recolhidos nos Ecopontos em operação no ano passado. Somente nos dois primeiros meses deste ano as unidades já receberam mais de 12,8 mil m³ de resíduos. "Se os Ecopontos não existissem, provavelmente, todo este material poderia estar sendo jogado em via pública", alerta o subprefeito de Itaquera Laert de Lima Teixeira.

Nos Ecopontos, os munícipes dispõem, voluntária e gratuitamente, do material em caçambas distintas para cada tipo de resíduo. Em geral, recebem resíduos de construção e demolição, tais como entulho, cimento e azulejos; e outros volumosos, como madeira, móveis velhos e sobra de podas. Há ainda uma parte reservada aos recicláveis, como metal, papel, plástico e vidro.

O limite diário de recolhimento é de um metro cúbico por pessoa, ou seja, o equivalente a uma caixa d'água de mil litros ou a 25% de uma caçamba. A única restrição é para lixo orgânico, hospitalar, industrial, cargas com excessos de gesso, espelhos, lâmpadas, pilhas, baterias e telhas de amianto.

Trata-se de uma solução eficiente para melhorar o meio ambiente e, por conseguinte, a qualidade de vida das pessoas, acabando com o estoque de bagulhos depositados irregularmente nas ruas, praças, rios e terrenos baldios. "Todo o lixo espalhado pelos espaços públicos vai parar direto nas bocas de lobo, provocando enchentes e proliferação de animais", explica o subprefeito de Itaquera, Laert de Lima Teixeira.

Os munícipes mais conscientes e com melhor poder aquisitivo, para recolher grandes quantidades de entulho, em geral, contratam empresas especializadas em serviço de coleta, equipadas de caçambas. No entanto, é preciso certificar-se de que elas possuem cadastro no Departamento de Limpeza Urbana (Limpurb), responsável pelo gerenciamento dos serviços de limpeza pública, como coletas domiciliar, hospitalar e coletiva, varrição de ruas e aterros sanitários. "A principal preocupação da Limpurb é com a saúde pública e a preservação do meio ambiente", explica o subprefeito Laert.

Conforme as orientações do Departamento, os munícipes devem sempre exigir uma via do Controle de Transporte de Resíduos (CTR) ao contratar caçambas. A relação das empresas cadastradas está no endereço eletrônico: www.limpurb.sp.gov.br. "Todos os cidadãos devem conferir a listagem para ajudar-nos a fiscalizar a prestação de serviço irregular na cidade", solicita Laert. De acordo com o subprefeito, os endereços e horários de funcionamento dos Ecopontos podem ser encontrados no site da LIMPURB ou ainda pelos telefones: 3328-2819 e 3313-7154.

O Ecoponto que atende os moradores dos quatro distritos que compõem a subprefeitura de Itaquera (Cidade Líder, Itaquera, Parque do Carmo e José Bonifácio) está situado na rua Manuel Alves da Rocha, 584, no Parque Guarani.

"Sou funcionário público municipal há 18 anos. Faz seis meses que presto serviço no Ecoponto, recebendo entulhos que poderiam estar causando grandes transtornos aos moradores dos bairros", declara Agostinho Fiorine. A quantidade de entulho que o Ecoponto do Parque Guarani recebe vem aumentando semanalmente. Os materiais volumosos, como sofá e madeira, são mandados para a reciclagem. "Assim, todos saem ganhando", comemora Fiorine.

SERVIÇO
Ecoponto Itaquera
Rua Manuel Alves da Rocha, nº 584 - Parque Guarani
Fone: 2051-9548
Funcionamento
Segunda a sexta: das 8 às 17h
Sábado: das 8 às 12h

*
*
*
Publicidade:
BRINDES ESCOLARES PARA FESTAS INFANTIS
Imas de geladeira, calendários, diplominhas
Acesse: www.kidbrinde.webnode.com.pt