Nossos Vídeos

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Inscrições abertas para cursos gratuitos na Subprefeitura

A Subprefeitura de Vila Prudente / Sapopemba, através de sua Supervisão de Cultura, informa que estão abertas as inscrições para as turmas de maio dos seguintes cursos: Artesanato em Cartonagem, História da Arte, Origami e Violão.

Os cursos oferecidos são todos gratuitos, porém de alta qualidade, pois os professores voluntários são especialistas em suas áreas de atuação.
Em 2009, os cursos e eventos de Cultura atenderam mais de 6.000 pessoas. Este ano, 14 cursos estão sendo oferecidos em diversos dias da semana, todos dentro da Subprefeitura, no auditório e no salão anexo ao lado, entre eles Teatro, Dança, canto, Espanhol, e Yoga.



Mais informações e inscrições pelo telefone 3397-0896, falar com Elias ou Alessandra, ou pessoalmente na Subprefeitura, na Av. do Oratório, 172.

Guaianases comemora seu 149º aniversário com shows e Desfile Cívico Militar

Para homenagear Guaianases em seu 149º aniversário, a Subprefeitura, em parceria com a Diretoria Regional de Educação (DRE), promoverá, entre os dias 2 e 22 de maio várias atividades comemorativas, incluindo shows musicais e Desfile Cívico.

Confira a programação:
Dia 2 de maio (domingo) - a partir das 10h20 - Plantio de Pau Brasil
O plantio de mudas de pau-brasil é uma forma de compensar a ação poluente do ser humano. Cientistas comprovam que uma muda de pau-brasil absorve 600kg de CO2 por dia. Fique em dia com o planeta e venha participar!
Local: Praça Gioçara (Largo de Guaianases), em frente à Igreja Sta Cruz. Referência: Travessa da Saturnino Pereira.

Dia 2 de maio (domingo) - a partir das 12h - Show promovido pela Transcontinental
Participarão da festa os grupos de pagode: Sabe mais, Pura Magia, Pedindo Bis, Percepção e Samprazer.
Local: Praça de Eventos - Rua Estrada Itaquera Guaianases, s/n.

Dia 09 de maio (domingo) - a partir das 9h - Homenagem ao Dias Mães
Caminhada pelo Centro do bairro e entrega de flores.
Local: Rua Salvador Gianetti

Dia 16 de maio (domingo) - a partir das 9h - Desfile Cívico Militar
Desfile tradicional em Guaianases, organizado pela Diretoria Regional de Ensino (DRE), com o apoio da Subprefeitura. Participarão da apresentação escolas municipais, os dois CEUS de Guaianases, além da Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana (GCM) e representantes da sociedade civil. Este ano, o tema do desfile será "O Meio Ambiente como fonte de Vida", que será desenvolvido pelas escolas, sendo que cada uma irá explorar um aspecto distinto, desde educação, saúde, transporte e o desenvolvimento sustentável. A idéia é mostrar o progresso desta região, resgatando a sua história, as conquistas do presente e as metas para o futuro.
Local: Rua Salvador Gianetti, com concentração da Igreja São Benedito.

Dia 29 de maio (sábado) - a partir das 9h - Sábado feliz
A festa originalmente realizada no mês das crianças será um presente à garotada no aniversário do bairro. Haverá vários brinquedos infláveis, distribuição de algodão doce, pipoca e bexiga, além de prestação de serviços comunitários, como corte de cabelo, design de sobrancelha, exame oftamológico e serviços de saúde. Tudo será gratuito.
Local: CEU Jambeiro - Avenida José Pinheiro Borges, 60- Jardim Moreno

Pesquisa Nube: quanto recebe um estagiário no Brasil?

Estagiários ganham até R$ 1.022,30

Nube realiza pesquisa de bolsa-auxílio e média geral cai 3,2% em relação ao ano passado
O Núcleo Brasileiro de Estágios - Nube realizou a mais ampla pesquisa "Valores pagos aos estagiários do Brasil" e revela a média de bolsa-auxílio paga por empresas de pequeno, médio e grande porte em 2010. O levantamento foi feito com 16.328 estagiários de diferentes níveis do país, entre 22 de março a 23 de abril. Todos os participantes têm os contratos assinados de acordo com as regras da nova Lei do Estágio, nº 11.788/08.

A média de bolsa-auxílio geral, ou seja, considerando todos os níveis, é de R$ 683,33, registrando uma queda de 3,2% em relação ao ano passado. "Os motivos são a queda no valor pago aos alunos do nível médio e a redução da jornada diária dos estagiários de 8 horas para 6 horas", explica Carlos Henrique Mencaci, presidente do Nube.

Os estudantes de nível superior recebem média de R$ 765,25, caindo 5,03% de 2009 para 2010. Considerando os cursos, Engenharia segue pelo terceiro ano consecutivo como o primeiro do ranking com remuneração maior, pagando R$ 1.022,30. Em segundo lugar está Relações Internacionais (em 2008 não aparecia na lista dos dez com melhor bolsa e em 2009 ocupava o sétimo lugar), com R$ 1.008,38. Em terceiro vem Economia, mantendo a mesma posição do ano passado, apesar de um aumento de 12,37% na bolsa-auxílio, agora em R$ 999,27.

Já para o nível superior tecnólogo, a média é de R$ 702,40, com um declínio de apenas 0,66%. Secretariado, com bolsa-auxílio de R$ 958,98 estreia na lista já em primeiro lugar, deixando o curso de Mecânica em segundo, com R$ 906,03. A terceira posição ficou para a área da Construção Civil, pagando R$ 896,95.

O ensino médio foi o mais atingido, sofrendo redução de 8,55%, com uma média de R$ 385,00. Uma das causas se deve ao artigo 17 da nova lei, que limita a contratação dos jovens desse nível em apenas 20%. Segundo dados do Inep/MEC, há no Brasil 8.337.160 e de acordo com dados da Associação Brasileira de Estágios - Abres, apenas 250 mil desses estudantes consegue estagiar, o equivalente a 3% do total. "Em razão da demanda ser muito superior à oferta, o mercado acaba pagando menos", explica Seme Arone Junior, presidente da entidade. No ensino superior a situação não é tão diferente: são 650 mil estagiários para 5.080.056 matriculados, ou seja, meros 12,8% conseguem uma colocação.

Consolidando o crescimento do nível médio técnico, a pesquisa registrou aumento de 10,81% na média, atualmente em R$ 517,70. Construção Civil, no topo da lista em 2009, caiu para terceiro, com R$ 620,83 de bolsa-auxílio, dando lugar à sua frente para o curso de Química, com R$ 693,51 e Segurança do Trabalho, com R$ 685,31.

Conheça os dez cursos com as melhores bolsas-auxílio no Brasil, separados por nível:

Nível Médio Técnico:
1) Química: R$ 693,51
2) Técnico em Segurança do Trabalho: R$ 685,31
3) Construção Civil: R$ 620,83
4) Mecânica: R$ 615,93
5) Eletrotécnica: R$ 562,27
6) Edificações: R$ 562,24
7) Automação Industrial: R$ 548,35
8) Mecatrônica: R$ 543,95
9) Telecomunicações: R$ 536,56
10) Informática: R$ 511,74

Nível Superior:
1) Engenharia: R$ 1.022,30
2) Relações Internacionais: R$ 1.008,38
3) Economia: R$ 999,27
4) Química: R$ 897,45
5) Arquitetura e Urbanismo: R$ 896,35
6) Biblioteconomia: R$ 883,60
7) Nutrição: R$ 880,40
8) Estatística: R$ 864,70
9) Ciências Atuariais: R$ 817,61
10) Matemática: R$ 802,12

Nível Superior Tecnólogo:
1) Secretariado: R$ 958,98
2) Mecânica: R$ 906,03
3) Construção Civil: R$ 896,95
4) Mecatrônica Industrial: R$ 831,89
5) Processamento de Dados: R$ 791,03
6) Comércio Exterior: R$ 788,79
7) Gestão Ambiental: R$ 772,46
8) Tecnologia em Alimentos: R$ 765,00
9) Sistemas de Informação: R$ 655,00
10) Redes de Computadores: R$ 627,00

Para Eva Samanta Buscoff, analista de treinamento do Cedep, Centro de Desenvolvimento Profissional, optar por determinada carreira visando somente o ganho financeiro não é uma boa ideia. "A escolha da formação precisa respeitar as atividades e áreas com as quais haja verdadeiro interesse e afinidade. Seguindo esse caminho, o jovem terá muito mais motivação para frequentar aulas e aplicar o aprendizado à realidade da empresa", diz ela.

Ana Paula Santos está no segundo ano de Administração e é estagiária da Total IP, empresa de telecomunicações voltada para o mercado corporativo. Sua escolha parece ser definitiva. "A preocupação com a situação financeira existe em qualquer profissão. E, para mim, a resposta a essa questão é o nosso empenho e aperfeiçoamento profissional, para conquistar espaço", afirma a universitária.

Apesar da quantidade de estudantes ser muito superior à oferta de vagas de estágio, os candidatos mais bem preparados conseguem se inserir no mercado de trabalho. "Atualmente, as empresas valorizam os jovens talentos, efetivando os melhores estagiários ainda durante o período acadêmico", reforça Mencaci.

Sobre o Nube
Há 12 anos no mercado, o Nube é um agente de integração responsável pelo processo de estágio desde o cadastramento do estudante até a sua efetivação pela empresa. Possui 5 mil empresas clientes, 8,5 mil instituições de ensino conveniadas em todo o país e já colocou mais de 250 mil estagiários no mercado de trabalho. Também administra toda a parte legal e realiza o acompanhamento do estagiário por meio de relatórios de atividades semestrais. Anualmente, são realizadas 6 milhões de ligações, enviados 1,2 milhão de SMS e 360 mil encaminhamentos de candidatos. O banco de dados conta com 2 milhões de estudantes cadastrados, que podem concorrer às milhares de oportunidades de estágio oferecidas mensalmente. O cadastro é GRATUITO e pode ser feito no site http://www.nube.com.br/

Parque do Carmo ganha 800 novas cerejeiras

No próximo sábado (8/5), o Parque do Carmo recebe 60 cerejeiras, de um total de 800 novas árvores que estão sendo plantadas desde abril. O plantio acontece a partir das 10h, numa área gramada em frente à rua do tradicional Bosque das Cerejeiras. As mudas, que medem de 50 cm a 1,5 m, são da espécie yukiwari e foram cedidas pela Federação de Sakura e Ipê do Brasil. A manutenção será feita em parceria com a Secretaria do Verde e Meio Ambiente. O Parque do Carmo possui hoje mais de 1.500 exemplares das especies yukiwari, Himalaia e okinawa.

A cerejeira é a árvore símbolo do Japão e tornou-se a marca dos descendentes da comunidade nipônica que vive na região de Itaquera. Todos os anos essa comunidade através da Federação de Sakura e Ipê do Brasil realiza a tradicional Festa das Cerejeiras, onde as pessoas praticam um ritual, conhecido como “hanami”, de sentar sob as cerejeiras e contemplá-las durante um bom período. O vento sopra as delicadas pétalas das flores fazendo com que elas se espalhem produzindo um belíssimo espetáculo da natureza. Em agosto acontecerá a 32ª edição da festa.


SERVIÇO
Parque do Carmo ganha novas cerejeiras
Data: 08/05/2010
Horário: 10h
Local: Parque do Carmo – Av. Afonso de Sampaio e Souza, 951 – Itaquera
Informações: 3396-3076 / 3078

Assista a reportagem da 31ª Edição:

EMBRATEC GOOD CARD REGISTRA RECORDE DE TRANSAÇÕES NO PRIMEIRO BIMESTRE DESSE ANO

Parte dos rendimentos obtidos com as transações do cartão Good Card Plus no primeiro bimestre do ano será doada à CARE Brasil para custear necessidades emergenciais de abrigo dos haitianos.

No primeiro bimestre desse ano a Embratec Good Card superou o número de transações com a utilização de um de seus cartões convênios - o Good Card Plus. De acordo com o presidente da Embratec Benefícios, Marcelo Teixeira, o aumento significativo no número de transações, em relação ao mesmo período de 2009, em cerca de 9,4%, foi decisivo para endossar uma das fortes características da Embratec, ao investir em programas de responsabilidade social, como esse empreendido pela CARE Brasil. Marcelo Teixeira explica ainda que o aumento no volume de transações se deve a uma forte investida da empresa em campanhas de cunho social e na divulgação delas, além do mercado de cartões de benefícios estar aquecido. A cada compra superior a R$ 20,00 na rede creden ciada (farmácias, postos, etc), com o cartão Good Card Plus - a Embratec destina uma parte à entidade.

O volume de transações com o cartão de crédito no país cresceu a uma taxa de 20% ao ano desde 2007, tornando-se um mercado rentável para as empresas administradoras do dinheiro de plástico. Segundo dados da Associação Brasileira da Empresas de Cartões de Crédito e Serviços (Abecs), a expectativa para esse ano se mantém otimista. Há projeção de crescimento de 17% no volume de transações, representando um total de 7,1 bilhões de operações. Os cartões, incluindo os plásticos de crédito, débito e de lojas (private label), devem movimentar R$ 535 bilhões, crescimento de 20% e também um valor recorde.

SOBRE A CARE BRASIL
A CARE Brasil é uma organização não-governamental que integra a CARE Internacional, rede com mais de 60 anos de experiência no combate à pobreza e com atuação em 72 países. Os recursos doados pela Embratec serão investidos nas necessidades de abrigo dos haitianos que tiveram suas habitações arrasadas pelo terremoto do início do ano e que se deparam também com a estação das chuvas torrenciais em maio e a dos furacões que começa em junho.
No Brasil, a organização promove o desenvolvimento local em regiões empobrecidas, tanto na área rural quanto na área urbana. Os programas são desenvolvidos nos seguintes estados: Amazonas, Bahia, Piauí,
Goiás, Rio de Janeiro e São Paulo. As diretrizes da CARE Brasil são fortalecer e impulsionar o desenvolvimento de comunidades, visando capacitar, envolver, gerar e aumentar a autonomia das pessoas no acesso a direitos e na construção de seu futuro. Em 2009 a CARE implementou 800 projetos e impactou a vida de cerca de 59 milhões de pessoas na América Latina, África, Ásia e leste Europeu. Para mais informações acesse www.care.org.br.
SOBRE A EMBRATEC BENEFÍCIOS
A Embratec Good Card, empresa gaúcha, com matriz em Campo Bom (RS), sedes administrativas em São Leopoldo e Porto Alegre e com atuação comercial no âmbito nacional, nas principais capitais do país, há dez anos no mercado, desenvolvendo soluções corporativas dos cartões Good Card para o segmento de Benefícios, com produtos para RH.
Foi pioneira no uso da Internet como ferramenta para a autogestão, possibilitando às empresas controlar limites, solicitar e cancelar cartões e emitir extratos online, em tempo real. E agora com forte apelo sustentável, buscando a sustentabilidade ecológica e econômica.
A Embratec Good Card atende atualmente mais de 8,3 mil empresas e conta com um quadro profissional de 290 funcionários. Casas Bahia, TAM, Renner, Mahle, GR Serviços de Alimentação, Claro, Pepsico, são algumas das empresas que aderiram aos produtos oferecidos pela Embratec Good Card.

Lançamento do ClasSaúde em São Paulo debate tendências econômicas na Saúde

Lançamento do ClasSaúde em São Paulo debate tendências econômicas na Saúde

As entidades realizadoras do ClasSaúde reúnem, no próximo dia 10 de maio, no auditório do Hospital Nossa Senhora de Lourdes, à Rua das Perobas nº 344, em São Paulo, das 8h30 às 12 horas, lideranças, empresários e gestores para o lançamento oficial dos eventos, que acontecem de 25 a 28 de maio próximo, na capital paulista, durante a Hospitalar 2010. O tema em debate é Tendências Econômicas na Saúde, e será apresentado pelo superintendente Executivo do Instituto de Estudos em Saúde Suplementar (IESS), José Cechin. Após a palestra haverá um talk show com a participação de Fábio Sinisgalli, presidente Executivo do Grupo Nossa Senhora de Lourdes; Denise Soares dos Santos, presidente do Hospital São Luiz; Sérgio Lopez Bento, superintendente geral de Operações do Hospital Samaritano; Roberto Galfi, diretor de Prestadores e de Serviços Médicos da Sul América; Manoel Peres, diretor de Gestão Médica da Bradesco Seguros; além do próprio Cechin. Caberá ao anfitrião, Fábio Sinisgalli, expor a importância dos temas do ClasSaúde para a inteligência estratégica do setor.
O ClasSaúde é um portfolio que congrega seis congressos de gestão voltados à saúde, e que são realizados anualmente durante a feira Hospitalar com promoção da Confederação Nacional de Saúde (CNS), Federação Nacional dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde (FENAESS), Sindicato dos Hospitais, Clínicas e Laboratórios do Estado de São Paulo (SINDHOSP) e Hospitalar Feira + Fórum. Em 2010 serão realizados os seguintes eventos: 15º Congresso Latino-Americano de Serviços de Saúde (de 25 a 27 de maio); 4º Congresso Brasileiro de Gestão em Laboratórios Clínicos (26 de maio); 1º Congresso de Aspectos Legais para Gestores e Advogados da Saúde (27/05); 5º Congresso Brasileiro de Gestão em Clínicas de Serviços de Saúde (28/05); 3º Congresso de Tecnologias da Informação e Comunicação em Saúde - TICs (eHealth - 28/05); e 1º Congresso de Políticas e Gestão em Saúde Mental (28/05).
As inscrições para o lançamento do ClasSaúde no próximo dia 10 de maio em São Paulo são gratuitas. Os interessados devem confirmar presença pelo tel (11) 3331-1555, ramal 258, ou pelo e-mail eventos_projetos@sindhosp.com.br. Jornalistas interessados em cobrir o evento favor entrar em contato com Ana Paula Barbulho, coordenadora de Comunicação do ClasSaúde, pelo tel (11) 3331-1555, ramal 245, e-mail imprensa@classaude.com.br.
As inscrições para os seis congressos ClasSaúde, bem como o acesso a toda programação dos eventos, estão no www.classaude.com.br. Descontos especiais para os inscritos até 17 de maio.

Subprefeitura de Itaquera multa bancos por falta de ace ssibilidade

Elevador na agencia de Itaquera não funciona há 1 ano

Na última terça-feira, 4/5, agentes da Subprefeitura de Itaquera percorreram bancos da região para verificar se possuíam certificado de acessibilidade e licença de funcionamento. Após vistoriarem 11 estabelecimentos financeiros, ficou constatado que nenhum possuía o certificado de acessibilidade emitido pelo Contru, e todos foram multados em R$ 3558,50.

Durante a vistoria foi constatado que em apenas três bancos a licença de funcionamento estava em dia. Os outros foram intimados a apresentar o documento dentro de cinco dias úteis na sede da subprefeitura. Também foi exigido o auto de vistoria do corpo de bombeiros e o auto de vistoria de segurança das agências. Em caso de descumprimento, serão multados e um processo administrativo será iniciado.

Piso tátil não colorido pode causar tropeços e acidentes
De acordo com Rodinei Lafaiete, presidente da Associação Nacional de Defesa do Direito do Consumidor, os grandes bancos não dão a devida importância aos portadores de necessidades especiais. “O portador de deficiência vai ao banco como um consumidor e todo consumidor é vulnerável, mas os deficientes são ainda mais”, afirma. Para o subprefeito Roberto Tamura, o que importa é aplicar a regra. “Se eles não estão cumprindo a lei, temos que autuar. Nós respeitamos a lei, custe o que custar”, avisou o administrador.

Vale ressaltar que os agentes observaram que alguns bancos, mesmo aparentando estarem de acordo com a lei, já que possuem rampas e sinalização indicativa, não cumpriam alguns dos requisitos previstos na legislação, como piso antiderrapante e a instalação de sanitários e caixas eletrônicos adaptados.

Rampas sem películas antiderrapantes
Até hoje nenhum banco no País foi fechado por descumprimento às normas de acessibilidade. Sobre a multa, os fiscais alertam que ela é reaplicada mensalmente, até que a situação reja regularizada e que o certificado esteja à vista em quadro específico nas agências. Foi a primeira operação deste tipo em Itaquera.