Nossos Vídeos

domingo, 16 de maio de 2010

Descarte irregular de entulho em ponto crítico

Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão encontra alternativa para evitar descarte irregular de entulho em ponto crítico

De acordo com a Lei Federal nº. 9605/98 e a Lei Municipal nº. 13478/02, qualquer pessoa que estiver depositando objetos inservíveis em via pública pode ser punida por Lei. Para denunciar, basta entrar em contato através do telefone: 2941-7888 ou 156.
Equipes da Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão realizam, periodicamente, recolhimento de entulho em vários locais da região.
Apesar da limpeza regular, na esquina entre a Avenida Lauro Xerfan e a Rua Miguel Bastos Soares (foto), os resultados não são satisfatórios, já que o lugar tornou-se um ponto crítico de despejo irregular de entulho.
A fim de reverter essa situação, está em andamento a execução de alinhamento de guias e colocação de uma floreira, para evitar que joguem lixo e entulho no local.
"Temos vários pontos viciados de entulho na região. Em alguns deles, a remoção de materiais inservíveis é feita duas vezes por dia e, após algumas horas, infelizmente, são encontrados objetos novamente. Destaco a importância da participação dos moradores denunciando este crime ambiental. Estamos mapeando outros locais para ver possibilidade de colocar em prática alternativas como esta da Avenida Lauro Xerfan com a Rua Miguel Bastos Soares", afirma o Subprefeito Eduardo Haddad.

Workshop sobre fiscalização farmacêutica acontece na Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão

A Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão, em parceria com o Instituto de Pesos e Medidas do Estado de São Paulo (Ipem-SP), realiza, no próximo dia 19, Workshop sobre a ação fiscalizadora feita pelo instituto em farmácias e drogarias.
O assunto abordado será a fiscalização de itens como: balanças antropométricas (que mede as diversas partes do corpo humano), termômetros, esfigmomanômetros (medidor de pressão) e preservativos.
Por ser assunto de grande interesse para o setor, a presença de proprietários, gerentes ou representantes das farmácias e drogarias da região é de fundamental importância.
Serviço:
Local: Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão - Rua Eponina, 82
Data: 19 de maio de 2010
Horário: 09h30min - Cadastramento e café de boas vindas/ 10h - Início do Workshop

Inscrições abertas para o Mutirão de Cirurgia da Catarata

Projeto é a maior ação de saúde ocular da região leste da cidade

Maiores de 50 anos e com dificuldade para enxergar têm até o dia 25 de maio para se inscrever na 9ª edição do Mutirão de Cirurgia da Catarata – etapa leste e garantir uma das quatro mil vagas disponíveis. O evento é realizado pelo Centro Comercial Aricanduva em parceria com o Instituto São Paulo de Ação Voluntária, Espaço Cultural Gilson Barreto e a Cesmo Oftamologia.
Os pacientes previamente inscritos serão atendidos no estacionamento do Shopping Interlar Aricanduva no dia 30 de maio por uma equipe de voluntários. Na ocasião, eles passam por uma série de exames e, aqueles que tiverem a catarata diagnosticada, sairão com a cirurgia agendada.
Para Marcos Sérgio de Oliveira Novaes, superintendente do Centro Comercial Aricanduva, a iniciativa tornou-se referência na cidade de São Paulo. “É muito gratificante realizar um evento dessa magnitude. Continuaremos nosso trabalho para oferecer cada vez mais qualidade de vida para a população”.

Postos de inscrições:

Shopping Aricanduva – SAC (Serviço de Atendimento ao Cliente)
Avenida Aricanduva, 5.555
Segunda à sábado, das 10h às 22h. Aos domingos, das 10h às 20h

Central de Informações
(11) 2097-6995

Sobre o Mutirão de Cirurgia da Catarata

Desde 2002, quando o Mutirão de Cirurgia da Catarata começou, 32.121 pessoas foram atendidas e 10.774 se beneficiaram com a cirurgia. Só em 2009, o evento registrou 4.526 atendimentos e 1.470 idosos foram operados gratuitamente.
É importante dizer que a iniciativa socorre não apenas as pessoas que sofrem com a catarata, mas ajuda a identificar outras patologias como glaucomas, retinopatias e oclusões arteriais.
Em 2005, a iniciativa rendeu ao Aricanduva o prêmio FGV-EAESP (Escola de Administração de Empresas de São Paulo da Fundação Getúlio Vargas) de Responsabilidade Social e prêmio da ABRASCE – Associação Brasileira de Shopping Centers.

Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão tem 100% de casos resolvidos na Ouvidoria do município de São Paulo

A Ouvidoria Geral da Cidade de São Paulo, instituída em 12 de janeiro de 2001, trabalha para aprimorar a qualidade dos serviços prestados à população. Além de receber, apurar e investigar denúncias, também propõe medidas para aperfeiçoar o atendimento oferecido aos munícipes.
A Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão, hoje, é considerada a administração com melhor índice de solicitações resolvidas na ouvidoria do município da cidade de São Paulo.
Durante o ano de 2009, a subprefeitura atendeu 82 solicitações, que correspondem a 100% dos casos atendidos. Foram realizados na região serviços como: vistorias em obras e terrenos particulares; regularizações de estabelecimentos; serviços de tapa-buraco; recapeamentos; limpezas de bueiro; regularização de logradouro; canalização de córrego; reformas de sarjetas; remoção e poda de árvores, entre outros.
O munícipe pode recorrer à Ouvidoria caso não receba resposta ou solução satisfatória dos órgãos municipais. Para denúncias ou reclamações, o contato deve ser feito através do telefone 0800-175717 ou pessoalmente, das 9h às 17h, na Avenida São João, 473, 16º andar, Centro.

CPDU planeja, coordena e aprova projetos urbanos

Foto: remoção de trailer abandonado na Av. Aguiar da Beira com a Av. Barreira Grande.

A Coordenadoria de Desenvolvimento Urbano (CPDU) é responsável pelos aspectos relacionados ao planejamento e desenvolvimento urbano do município, coordenando e acompanhando a elaboração de projetos que envolvem estruturação, acessibilidade e mobilidade, crescimento metropolitano e melhoria dos processos de gestão do desenvolvimento.
As principais atribuições das unidades de CPDU são: planejar, coordenar e executar os projetos de uso e ocupação do solo; emitir orientações para a instalação de atividades econômicas, equipamentos e outros empreendimentos que interfiram na estrutura e paisagem urbana; interferir em pequenas reformas e restaurar edificações tombadas ou preservadas; decidir pedidos de autorização para a realização de eventos; fiscalizar obras, limpeza pública, bancas de jornal, publicidade em áreas particulares, feiras livres, podas ou cortes de árvores; fazer intimações e interdições; emitir certidões, entre outros.
De janeiro de 2009 até agora, foram registradas 25 remoções de veículos abandonados, 33 mil cds e dvds piratas apreendidos, 458 intimações autuadas e 1524 documentos emitidos, entre eles certidões, alvarás, autos e licenças de atividade. O trabalho da coordenadoria já mostrou progressos este ano; no primeiro trimestre de 2010, o número de remoção de carros abandonados triplicou, comparado ao mesmo período em 2009.
A Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão, hoje, é considerada a administração com melhor índice de solicitações resolvidas na ouvidoria do município da cidade de São Paulo, com 100% de casos atendidos em todas as coordenadorias.

SP ganha grelhas recicladas contra furtos

Instalação de grelhas de sarjeta, fabricadas com produtos recicláveis, deve economizar R$ 1 milhão para a cidade

A Secretaria de Coordenação das Subprefeituras acaba de iniciar um projeto-piloto que pretende economizar cerca de R$ 1 milhão por ano. A pasta está instalando grelhas de sarjeta fabricadas com plástico reciclado (oriundas de embalagens de detergente, amaciante e desodorante, por exemplo), em substituição às grelhas de aço. O objetivo é evitar furtos destas grelhas.
As grelhas de material reciclado não têm valor comercial e funcionam da mesma forma que as de aço. Anualmente a Secretaria repõe cerca de 4.000 grelhas devido a furtos.
Os primeiros testes estão sendo realizados em 12 Subprefeituras da capital há cerca de seis meses. Na região da Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão, foram substituídas grelhas nas Avenidas Barreira Grande, Renata e Rua Manilha (foto anexa). Como não houve mais problemas como furto, quebras ou manutenção, a Secretaria determinou que o projeto-piloto seja ampliado e vá para outras regiões da cidade.
"As grelhas de material reciclável duram muito mais que as produzidas com outros materiais, além de representar segurança e economia para a cidade", afirma Eduardo Haddad, subprefeito de Aricanduva/Formosa/Carrão.
As grelhas servem para auxiliar o escoamento das águas, impedindo que objetos caiam em galerias e ramais, prejudicando o sistema de drenagem do município. São instaladas nas sarjetas de ruas e avenidas de São Paulo.

AÇÃO EM PROL DO MEIO AMBIENTE

Foto: Subprefeito Eduardo Haddad realiza plantio junto com os alunos da EMEF Bartolomeu Lourenço de Gusmão


A Subprefeitura Aricanduva/Formosa/Carrão, em parceria com a Secretaria do Verde e Meio Ambiente, realizou em 26/04, o plantio de 80 mudas de árvores na Escola Municipal de Ensino Fundamental Bartolomeu Lourenço de Gusmão.
Foram plantadas árvores de pequeno, médio e grande porte. Entre elas, mudas de ipê-roxo, algodão de praia, cambuci, aroeira pimenteira, ipê-amarelo, cereja do rio grande, quaresmeira, e manacá da serra.
A ação, com o objetivo de incentivar a preservação do meio ambiente, destacou a importância do desenvolvimento sustentável.
"É importante uma ação deste tipo, e melhor ainda quando as crianças acompanham para que, no futuro, sigam este exemplo de sustentabilidade ambiental", destaca o subprefeito Eduardo Haddad.

Asfalto rachado da Rua Cantagalo está com os dias contados

A Rua Cantagalo entrou em mais um lote de ruas que receberão asfalto novo pelo maior programa de recapeamento que a prefeitura já fez na cidade. O novo lote, lançado este mês, prevê o recapeamento de 40 ruas na cidade toda, num total de 35,5 quilômetros.
Além da Cantagalo, outra rua de nossa região que foi beneficiada é a Comendador Gil Pinheiro.

A incômoda cicatriz da cesárea

Na cesariana, o corte é feito em um local onde não há tensão muscular. Por esse motivo, a mulher só vai desenvolver o quelóide se tiver disponibilidade genética ou algum outro fator que agrave a cicatriz

O Brasil tem o título de campeão mundial de cesarianas realizadas por planos de saúde. Em 2008, as cesáreas representaram 85% dos partos feitos por meio dos convênios, segundo a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS). O porcentual é bem alto, considerando-se os 15% recomendados pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Esse alto índice registrado pelo setor de saúde suplementar acaba elevando o total de cesarianas realizadas no Brasil para 43%, considerando os setores público e privado. Se fosse levado em conta somente o percentual do sistema público de saúde, de 26%, o País estaria próximo ao que é recomendado pela OMS e aos níveis de países desenvolvidos, como Holanda (14%) e Estados Unidos (26%).
Epidemia entre as mulheres brancas, a cesárea alcançou até mesmo as índias, no Brasil. Embora o parto normal ainda seja predominante (87%) entre as índias, as cesarianas são cada vez mais frequentes, principalmente quando o nascimento ocorre num hospital. Nessa situação, corresponde a 22,1% dos nascimentos de índios nas Regiões Sul/Sudeste e 23,2% no Nordeste. No ano passado, de todos os partos realizados na rede pública, 34% foram por cesariana, neste grupo populacional.
Com um tempo de recuperação que varia de mulher para mulher, a cesariana dá um trabalho e tanto para o organismo. São muitas camadas de tecido para cicatrizar, do útero até a parede do abdômen. Essa cicatrização pode ocorrer muito bem, mas, em alguns casos, causa problemas. A cicatriz no útero vai ter efeito na próxima gravidez, quando pode ocorrer problemas como placenta prévia e deslocamento prematuro da placenta. “Existe também um outro tipo de problema que a mulher pode enfrentar. Ele não causa riscos, mas faz parte de uma questão estética e, diferentemente da cicatriz interna, tem solução”, explica o cirurgião plástico Ruben Penteado, diretor do Centro de Medicina Integrada.
Depois do parto, a abertura feita pelo bisturi demora pelo menos quatro semanas para cicatrizar e um mês para se definir. “Na maioria das mulheres, a cicatriz fica imperceptível, no prazo de seis meses a um ano após o parto. Mas em algumas pacientes, dependendo da propensão do organismo, a cicatriz da cesárea pode inflamar e se tornar um quelóide ou uma cicatriz hipertrófica”, explica o cirurgião plástico.
Na cesariana, o corte é feito em um local onde não há tensão muscular. Por esse motivo, a mulher só vai desenvolver o quelóide caso tenha disponibilidade genética ou algum outro fator que agrave a cicatriz. O quelóide é uma cicatrização exagerada e volumosa que pode acontecer em algumas partes do corpo como barriga, tórax, braços e lóbulos da orelha. Ruben Penteado explica que existem muitos estudos relacionados ao assunto. “As pesquisas começam a chegar à conclusão de que o quelóide pode ser um processo genético ou espontâneo. Já a cicatriz hipertrófica é apenas um engrossamento da cicatriz comum”, explica o membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.
“O quelóide pode surgir espontaneamente ou após uma lesão tecidual decorrente de trauma ou infecção. Algumas vezes, um eventual fator desencadeante pode passar despercebido. É mais comumente observado na raça negra e nos orientais, embora também possa aparecer na raça branca", explica Penteado.
Como tratar o problema?
“A correção futura de uma cicatriz de cesariana muito raramente terá um impedimento clínico, mas é preciso aguardar alguns meses antes de indicar um tratamento cirúrgico, pois algumas cicatrizes hipertróficas são classificadas como queloideanas, mas com o tempo melhoram espontaneamente”, conta o diretor do Centro de Medicina Integrada.
Uma outra opção para fazer a correção do problema estético é fazer a ressecção da cicatriz e, 48 horas depois, aplicar o processo de betaterapia, um tipo de radioterapia. “É importante ressaltar que não se deve corrigir qualquer cicatriz antes de seis meses de sua evolução, pois existe risco de ser desnecessário ou até piorar sua aparência nesta fase”, destaca Ruben Penteado.
Outra possibilidade terapêutica para o incômodo é a infiltração de corticóide através de injeção, cremes ou fitas. Existem já alguns trabalhos que utilizam laser para retirar o quelóide. A massagem freqüente também pode trazer resultados. O número de mulheres que consegue acabar com a cicatriz da cesárea é de 60% a 70%, mas tudo depende da resposta do corpo ao tratamento, que pode não ser o retorno desejado, em 30% dos casos.
Cuidados extras
Depois da cirurgia, há cuidados a serem tomados com o local do problema. É importante não pegar sol, pois os raios solares estimulam a irritação da cicatriz. Também é preciso deixar o lugar da cirurgia em repouso, fazendo curativos com a fita micropore ou com silicone. Após quatro semanas, já é possível observar os resultados da cicatrização.
“Mesmo diante de todos os cuidados, é preciso esclarecer a paciente que uma cicatriz nunca desaparece, pois este é um fenômeno da natureza que caracteriza uma resposta a uma agressão no tecido da pele. Ocorre que algumas pessoas desenvolvem cicatrizes de tão boa qualidade que são pouco perceptíveis”, conclui o cirurgião plástico.
CONTATO:
www.medintegrada.com.br
http://dicadebeleza.wordpress.com
http://twitter.com/rubenpenteado

CLAREADOR DE MANCHAS E REJUVENESCEDOR - PEELING "ERASER"

Eraser”! Esse é o novo tratamento estético que promete apagar suas manchas, sejam elas de sol, gravidez, cicatrizes de acne ou sardas.

Vale a pena conferir, já que a promessa é clarear tudo em apenas 5 sessões e sem deixar a pele vermelha e descamando.

Na primeira sessão é realizado um Peeling de Cristais para retirar as células mortas e afinar a pele para penetrar melhor o produto, depois é finalizado com um despigmentante para clarear as manchas.
Nas demais sessões, começamos então a utilizar o “Eraser”. A pessoa permanece com o produto durante 8 horas no rosto. Ele é totalmente transparente, por isso ela pode continuar sua rotina normalmente que ninguém vai perceber que está com o produto.
Pode ser usado em qualquer tipo de pele, sejam elas claras, negras ou orientais.
Ele também tem a vantagem de ser um tratamento antiage, já que ele age minimizando rugas e linhas de expressão ajudando a pele a produzir mais colágeno e elastina.
Esse tratamento só pode ser feito no inverno, para evitar o calor e o sol que podem produzir mais manchas, já que a pele fica sensível e mais fina. Por isso recomendamos o uso de protetor facial fator 30 todos os dias tanto em casa como na rua.
O “Eraser” tem ácido alfa-lipóico, potente agente antioxidante, um grande aliado para o envelhecimento, associado a um concentrado de alfa e beta-hidroxiácidos (tartárico, málico, glicólico e salicílico). Acelera a renovação celular por meio da descamação das células mortas, devolvendo o viço e a luminosicade da pele. A ação antioxidante combate o envelhecimento em suas principais causas. O ácido alfa-lipóico reforça o sistema antioxidante natural, aumentando a capacidade de recuperação da pele frente aos agentes causadores do envelhecimento cutâneo. Associado a uma máscara facial com propriedades revitalizantes, reparadora e que uniformiza a barreira cutânea. Proporciona ao tratamento uma ação de longa duração potencializando o efeito revitalizante do mesmo, além de hidratar e suavizar a pele. Contém ômegas 3, 6 e 9 presentes em um complexo de óleos vegetais que enriquecem a fórmula.
A duração do tratamento é de uma hora e o pacote com 5 sessões sai por R$425,00.

Marque já uma consulta e veja os resultados visíveis desde a primeira sessão.

Passo a passo
1. Higienização da pele com um demaquilante
2. É espalhado por todo o rosto um sabonete especial com ácidos, ele forma uma espuma cremosa que promove a esfoliação física pela ação da gaze aplicada em movimentos circulares. É retirado com água.
3. É aplicado sobre a pele o Ácido Eraser e deixa descansar durante 10 minutos e retira com água.
4. Depois é colocada uma camada da Máscara Eraser, que é um forte despigmentante que vai complementar o tratamento. Depois de seca deve permanecer 8 horas. A pessoa retira em casa. Não tem cor, nem desconforto.
5. Protetor solar.

Créditos:

O Instituto Blanch Marie, oferece os melhores tratamentos de estética e bem estar, para todos aqueles que procuram qualidade de vida, beleza e rejuvenescimento. Liderado pela esteticista e especialista em estética corporal e facial, formada em Medicina Chinesa e massoterapia, pós-graduada em Yoga pela FMU com especialização na Índia, Blanch Marie, oferece atendimento voltado para cuidados especiais com o cliente, objetivando os melhores equipamentos faciais, corporais e profissionais especializados. Blanch Marie também ministra em seu Instituto diversos cursos como: Iridologia, Florais de Bach, Oligoelementos, Auriculoterapia, Cromoterapia entre outros.

www.blanchmarie.com.br

Cigarro: o papel do dentista no suporte ao abandono do hábito e do vício

Além de deixar os dentes escurecidos, o cigarro favorece a inflamação gengival e dificulta a cicatrização no tratamento dentário.

Os danos que o cigarro causa ao organismo humano já são conhecidos de grande parte da população. Entretanto, o que muita gente ainda não sabe é que o cigarro promove e acelera o desenvolvimento de doenças bucais, principalmente por diminuir a capacidade de defesa do indivíduo nessa região. O cigarro possui uma substância derivada da nicotina, denominada cotinina, que diminui a vascularização e o aporte sangüíneo à gengiva, ao osso que circunda os dentes e à mucosa oral. Dessa forma, as células de defesa, que seriam levadas pelo sangue à região infectada por bactérias orais, não conseguem alcançar seu objetivo. O resultado é a instalação silenciosa de uma doença periodontal (ao redor dos dentes), sem sintomas exagerados, mas que progride rapidamente até a perda do dente.

O tratamento da doença periodontal em indivíduos fumantes torna-se complexo pela dificuldade de convencer o paciente a abandonar o hábito e o vício do cigarro. O fumante tem o hábito de levar o cigarro à boca aliado à dependência química de determinadas substâncias presentes no cigarro, caracterizando o vício. O protocolo de tratamento é semelhante nos individuos não fumantes, embora tenha duas principais particularidades: a primeira é que os cirurgiões-dentistas, darão início a uma campanha de apoio ao abandono do hábito e do vício; a segunda é que o paciente deve estar ciente de que a cicatrização em fumantes também é afetada pela falta de vascularização, gerando um atraso de duas a três semanas para o reparo completo de qualquer ferida cirúrgica intra-oral.

O nosso, papel, enquanto profissionais de saúde, é informar, de maneira clara e objetiva, todos os prejuízos causados pelo cigarro, em boca e na saúde geral, e motivar o paciente a parar de fumar, fornecendo ferramentas de ajuda à síndrome de abstinência, ou seja, à sensação de ansiedade de perda que acompanha o abandono do vício nos primeiros meses. Quando o paciente relata que fuma de 5 a 10 cigarros por dia, ele está informando que o hábito é mais forte que o vício, e portanto é mais fácil parar. Mas se o indivíduo relata fumar uma quantidade superior a 20 cigarros por dia, o vício químico pode ser maior que o hábito, dificultando o processo de abandono do vício. Em ambos os casos, o paciente tem que desejar viver sem o cigarro. Talvez, para muitos indvíduos, falte informações suficientemente impactantes, que o convençam a parar de fumar. Para outros, essas informações não são suficentes.

Se o paciente demonstra a “força do hábito” do cigarro, uma boa opção é o cigarro eletrônico. Esse pequeno aparelho consiste em uma piteira elétrica, que produz fumaça, e que possui cartuchos que podem estar vazios, ou carregados com diferentes níveis de nicotina. Esse dispositivo tem se mostrado bastante eficiente. Em indivíduos dependentes quimicamente da nicotina, o cigarro elétrico não parece ser suficiente. Deve-se obter auxílio médico, com indicação expressa do dentista, para que o indivíduo faça uso de medicações específicas para o controle da ansiedade.


A ESPECIALISTA:
Dra. MARISTELA LOBO
ÁREA DE ATUAÇÃO: ODONTOLOGIA ESTÉTICA
(DENTÍSTICA, PERIODONTIA E IMPLANTES)
SITE: www.maristelalobo.com.br

REJUVENESCIMENTO DO MAR MEDITERRÂNEO

O Rejuvenescimento do Mar Mediterrâneo tem novos ativos como: ativo derivado de biotecnologia marinha que estimula a capacidade de divisão das células-tronco adultas epidérmicas e reconstrói esta camada da pele, preenchendo e suavizando as rugas; ativo marinho que atua nas células-tronco adultas da derme, protegendo seu DNA mitocondrial e ativando seu metabolismo celular e a síntese de ATP (energia), o que potencializa sua capacidade de proliferação e diferenciação em novas células, inclusive as produtoras de colágeno, com a mesma intensidade de um tecido jovem; o ativo do um arbusto da região do Mar Mediterrâneo, que tem o poder de limitar o aparecimento dos sinais do envelhecimento , pois aumenta a produção das SIRTs, proteínas responsáveis pela longevidade e vitalidade das células; THPE – ativo de última geração, com ação ultrafirmante por meio do estímulo à contração de células da pele.
O número de sessões depende da avaliação da profissional para saber qual o grau de envelhecimento da pele.
O tratamento pode ser realizado a partir dos 30 anos, dura uma hora e uma sessão sai por R$100,00.
Benefícios

• Suavização de rugas: estimula a multiplicação de células mais saudáveis e consequentemente aumenta a produção de colágeno, promovendo o preenchimento da pele.
• Melhora da luminosidade, hidratação e viço: estimula a energização celular, equilibrando as funções vitais da pele.
• Proporciona maior firmeza à pele, melhorando o tônus e redefinindo o contorno facial.
• Atenua as linhas de expressão e a profundidade das rugas: preenche os sulcos de dentro para fora na região dos olhos.
• Promove efeito lifting e aumento da firmeza: melhora a tonicidade e o aspecto de olhos cansados e pálpebras caídas.
• Melhora da textura e o relevo cutâneo na região dos olhos.

Passo a passo
• Higienização da pele com um gel de limpeza para retirar as impurezas, maquiagem e o excesso de oleosidade;
• Aplica o Gel de Alfa e Beta Hidroxiácidos, para afinar a pele, retirando as células mortas e promovendo uma renovação celular;
• Tonifica a pele com uma loção de Aloe Vera com um algoodão;
• Aplica a Máscara de Cálcio, para repor as vitaminas e minerais da pele, rejuvenescendo-a;
• Aplica a Melange Mar Mediterrâneo com técnica de massagem. Ela promove o equilíbrio da renovação celular devolvendo a vitalidade, reduzindo rugas e firmando a pele; tem o poder de limitar o aparecimento de sinais de envelhecimento, pois aumenta a produção de proteínas responsáveis pela longevidade e vitalidade das células
• Por vinte minutos é realizado o eletrolifting e microcorrentes, equipamentos de estética, para drenar, firmar, oxigenar e promover a absorção dos princípios ativos dos concentrados nas camadas mais profundas da pele;
• É aplicado um Serum que combate os sinais do envelhecimento, nutre, hidrata e incrementa a flexibilidade da pele, reforçando a defesa antioxidante.
• Finaliza com filtro solar.

Créditos:
O Instituto Blanch Marie, oferece os melhores tratamentos de estética e bem estar, para todos aqueles que procuram qualidade de vida, beleza e rejuvenescimento. Liderado pela esteticista e especialista em estética corporal e facial, formada em Medicina Chinesa e massoterapia, pós-graduada em Yoga pela FMU com especialização na Índia, Blanch Marie, oferece atendimento voltado para cuidados especiais com o cliente, objetivando os melhores equipamentos faciais, corporais e profissionais especializados. Blanch Marie também ministra em seu Instituto diversos cursos como: Iridologia, Florais de Bach, Oligoelementos, Auriculoterapia, Cromoterapia entre outros.
www.blanchmarie.com.br

HIDRATAÇÃO PROFUNDA NO INVERNO

Sua pele está ressecada e avermelhada por causa do frio, vento e ainda para piorar, no seu trabalho você fica o dia inteiro com o ar condicionado ligado. Você precisa urgentemente de uma hidratação profunda, já que uma pele ressecada aumenta significativamente as linhas de expressão e tira o viço da pele.
Uma flor dos Alpes Suíços chamada, Flor de Edelweiss, promove uma hidratação profunda desde a primeira sessão. O cheiro é super agradável e a pele fica como seda, toda aveludada.
Alguns dos princípios ativos deste tratamento são: Edelweiss, Viola Tricolor, Aminoácidos Essenciais, Ácido Hialurônico e Óleos Essenciais.
Todos esses princípios unidos deixarão a sua pele mais hidratada, melhorando as fibras protéicas de colágeno, evitando assim o envelhecimento precoce da pele, estimulando a irrigação sanguínea, prevenindo a perda de água e estimulando a irrigação sanguínea periférica e melhorando o ressecamento causado pelo inverno.
O tratamento consiste uma esfoliação para retirada das células velhas, que proporciona uma renovação celular, afinando a pele para penetração de princípios ativos, um serum hidratante ionizável que ajudará as substancias penetrarem nas camadas mais profundas da pele, um drenagem linfática facial realizada com pedras frias, com serum a base de Edelweis, flor dos Alpes Suíços e enriquecido com ômega 6, 7 e 9.

Cuidados especiais da pele no inverno

• Beba bastante água;
• Tenha uma boa noite de sono;
• Faça exercícios físicos;
• Aumente o consumo de frutas, fibras e verduras;
• Evite banhos quentes;
• Passe hidratante todos os dias após o banho;
• Use um creme nutritivo antes de dormir;
• Passe protetor solar todos os dias;
• Evite cigarro e álcool;
• Faça os cuidados diários da pele: use um bom demaquilante, tônico hidratante e creme hidratante;
• Evite dormir de maquiagem.
Créditos:
O Instituto Blanch Marie, oferece os melhores tratamentos de estética e bem estar, para todos aqueles que procuram qualidade de vida, beleza e rejuvenescimento. Liderado pela esteticista e especialista em estética corporal e facial, formada em Medicina Chinesa e massoterapia, pós-graduada em Yoga pela FMU com especialização na Índia, Blanch Marie, oferece atendimento voltado para cuidados especiais com o cliente, objetivando os melhores equipamentos faciais, corporais e profissionais especializados. Blanch Marie também ministra em seu Instituto diversos cursos como: Iridologia, Florais de Bach, Oligoelementos, Auriculoterapia, Cromoterapia entre outros.
www.blanchmarie.com.br

Desfile Cívico em Guaianases tem como tema "O Meio Ambiente como fonte de Vida"

Desfile Cívico - 2009


Neste domingo (16) acontece o Desfile Cívico para comemorar os 149 anos de Guaianases. O evento será realizado na rua Salvador Gianetti, próximo à Igreja São Benedito, a partir das 9h. A organização está sendo feita pela Diretoria Regional de Ensino (DRE) com o apoio da Subprefeitura Guaianases.
Essa festa é tradição do bairro e traz como tema deste ano "O Meio Ambiente como fonte de Vida". As escolas da região apresentarão trabalhos desenvolvidos em cima do tema, cada uma irá explorar um aspecto distinto, como educação, saúde, transporte e o desenvolvimento sustentável.
As atividades contarão com a presença de escolas municipais, dos CEUs Jambeiro e Lajeado, além da Polícia Militar, Guarda Civil Metropolitana (GCM) e representantes da sociedade civil. A idéia é mostrar o progresso dessa região, resgatando a sua história, as conquistas do presente e os planos para o futuro.
Confira as atividades:
Apresentação do Canil do 3º BPchoq

Apresentação da Guarda Mirim

Início do desfile cívico/ escolas e segmentos da comunidade:

Planeta Terra - EMEF JUSCELINO KUBITSCHECK
Camada de Ozônio - EMEF ALEXANDRE VANUCCH/
Aquecimento Global - JD AUREA/ EMEF QUIRINO/
Fenômenos Naturais (Causas e Ameaças) - EMEF SATURNINO PEREIRA/ EMEF CAIO SERGIO
Amazônia -/ DIAS GOMES / CEU EMEF AGUA AZUL
Áreas Verdes de Guaianases - CIEJA/ OSWALDO ARANHA
Encontros Mundiais - EMEF JOÃO DE LIMA /EMEF. 25 DE JANEIRO
Os 3R do meio ambiente - EMEF LUIS ROBERTO MEGA
Reutilizar - EMEF MAILSON DELANE/
Reciclar - EMEF JAMBEIRO/ EMEF LAJEADO/ EMEF SENADOR
Lei cidade limpa - EMEF JOÃO RIBEIRO DE BARROS
Psiu - EMEF VILMA FLOR
Inspeção Veicular - EMEF MADRE JOANA
Revitalização da cidade - IDEMIA DE GODOY
Viver melhor para viver mais - CEU ADM
Viver melhor para viver mais - CEU ADM
Viver melhor para viver mais - CEU ADM
Viver melhor para viver mais - CEU ADM
Povo de coração valente - CEU ADM
Planeta Terra - EMEF JUSCELINO KUBITSCHECK
Planeta Terra - EMEF JUSCELINO KUBITSCHECK

A moda que lhe pertence , por Lygya Maya

Do frânces mode e do latim modu, a palavra moda é a maneira ou o modo como as pessoas vivem. Hoje a palavra está mais relacionada à maneira de vestir: o modo como as pessoas se vestem significa moda. Sendo assim, a moda está em todos os lugares aonde vamos, desde o trabalho até os compromissos sociais.
Já ouvi centenas de reclamações de mulheres baixinhas, gordinhas ou mais velhas dizendo que no mercado só são vendidos artigos para o tipo de mulher que se encaixa nos padrões de beleza da moda, e que para elas, as “normais”, não há nada.
Será que as grandes marcas e estilistas desenham suas coleções pensando na mulher comum ou se baseiam em estereótipos de beleza? E será que realmente temos de prender em vestir certas roupas só porque terceiros desenharam a moda? A maneira que gostamos de nos vestir ou de viver deve ser a mesma de uma celebridade ou de uma manequim alta, magra e com um certo look para sermos elogiadas ou apreciadas pela sociedade?
E a sua personalidade e seu próprio estilo, onde ficam? Geralmente ninguém que você conhece ou vê na rua se veste no dia-a-dia como se estivesse em um desfile de um grande estilista. E pouquíssimas pessoas têm dinheiro para pagar a alta costura, além de ter um corpo raro de modelo.
A grande maioria das mulheres faz a moda de acordo com o que tem no guarda roupa e com o que o orçamento dá para adquirir. Já a moda dos estilistas é bem apreciada pela mídia, pois as pessoas gostam de ver e mostrar novidades. Mas não é por isso que você deve se constranger por não estar “na moda”.
Caso pense que não está adequada em seu modo de vestir, não se esqueça que nós, mulheres “normais”, também fazemos moda. Devemos nos orgulhar em vestir o que for mais conveniente, sem se preocupar se estamos dentro dos biotipos de beleza atuais. Ditar a nossa própria moda, usando o que nos faz sentir bonitas, de acordo com nossa personalidade, é que pode e deve ser a maneira de nos vestir.
E para que isso aconteça de forma mais divertida, vão aqui algumas dicas:
1. Use sua curiosidade + sua criatividade e...voilá! Você achou sua personalidade no modo de se vestir!
2. Delicie-se com o que você tem no guarda roupa: ponha todas as suas roupas e acessórios lado a lado para ver o que há disponível, e depois os misture uns com os outros para ver o que combina melhor. Essa é uma ótima dica para você estar sempre variando e usando combinações que nunca pensou antes.
3. Use cores que façam você se sentir bem, de acordo com o seu humor ou com o dia: caso esteja chovendo, use vermelho para contrastar com a falta de luz. Ou use cinza para combinar com o clima frio, mas coloque um acessório contrastante, isso vai dar um gostinho apimentado ao vestuário.
4. Combinações divertidas de cores fazem você ser única em qualquer lugar: verde bandeira com rosa pink puxado para o lilás, azul rei com vinho, marrom com amarelo, branco com prata... Ou se inspire nas flores que dará tudo certo. O que vale é a imaginação!
O importante mesmo é você saber que tem em mãos o poder de fazer sua própria moda, sem ser contestada. Aliás, quando você se conhece e sabe o que faz você se sentir bem, independente do que as lojas estão vendendo, você aparece em qualquer lugar como uma “mulher diferente”, que tem personalidade. E você já deve ter percebido que quando notam e elogiam como você está vestida, é porque está sendo única e criativa.
Espero que você tenha captado minha dica pelo seu coração e não pela lógica. Assim fazendo, você vai economizar muito dinheiro e energia também, além de viver menos estressada e com mais autoestima.

* Lygya Maya é coach, escritora e palestrante. Desenvolveu sua carreira nos Estados Unidos, onde atuou na Companhia do mestre em motivação Anthony Robbins. É autora do e-book Ame as Emoções que Você Odeia (2008), disponível em www.lygyamaya.com.br.

VIRADA CULTURAL DEMOCRÁTICA

Foto: Vilma Gonçalves / Secom

Depois de acompanhar diversas atrações da Virada Cultural 2010, o prefeito Gilberto Kassab prestigiou na manhã deste domingo (16) a 6ª Bunka Matsuri - A festa da cultura japonesa no bairro da Liberdade. O evento beneficente reúne exposições de arte, shows de música e dança, além de praça de alimentação com pratos típicos e bazar de produtos japoneses. Durante a visita, o prefeito apreciou as exposições da Bunkyo - Sociedade Brasileira de Cultura Japonesa e Assistência Social e ressaltou que a diversidade da Virada Cultural permite a integração entre as diversas comunidades que residem na Capital.

"A Virada Cultural é muito diversificada e por isso temos a oportunidade de nos integrarmos a cultura das diversas comunidades que vivem em São Paulo e se misturam com os paulistanos. Hoje viemos a Bunka Matsuri para celebrar junto com a comunidade japonesa, uma das comunidades mais expressivas da cidade, os resultados parciais da Virada Cultural. Os números já mostram que, mais uma vez o evento foi um sucesso e vai se consolidar no calendário dos grandes eventos de São Paulo", disse Kassab.

Ele ressalta que este ano a Virada está mais diversificada e democrática. "A Prefeitura trabalhou para superar os índices e a qualidade da edição passada. Em 2009, foram quase quatro milhões de pessoas participando da festa e este ano esperamos superar as expectativas. A segurança e a limpeza estão mais eficientes, o número de atrações aumentou assim como os locais dos eventos", assinala Kassab.

O prefeito aproveitou a visita para conhecer a exposição de Yutaka Toyota, artista plástico japonês que, em 2010, completa 50 anos de arte. Além disso, Kassab admirou a exposição de Ikebana, arte milenar de arranjos florais, e prestigiou o Museu Histórico da Imigração Japonesa onde observou objetos e fotografias dos primeiros imigrantes e recebeu explicações sobre como era feita a viagem até o Brasil.

Abertura

Ontem à noite o prefeito prestigiou, ao lado do Governador Alberto Goldman, o início das 24 horas ininterruptas da 6ª Edição da Virada Cultural na Praça Júlio Prestes, Centro, ao som de Barbarito Torres e Ignacio Mazacotte da banda Buena Vista Social Club. Enquanto o ritmo cubano embalava a multidão, Kassab assistiu a animada apresentação e ressaltou as inovações realizadas na festa em relação à edição do ano passado.

A Virada Cultural 2010 está mais heterogênea e inclusiva com shows dos mais variados ritmos, apresentações de dança e circo, sessões de cinema, Parada Cosplay, entre outras atrações. Este ano o evento incorporou espaços do bairro da Luz para aumentar o número de atrações nas 24 horas ininterruptas de lazer e cultura.

Há que se ressaltar também a ampliação da presença da Guarda Civil Municipal (GCM) que aumentou a fiscalização de venda de produtos ilegais e bebidas alcoólicas. Mil homens, 173 viaturas e 20 Bases Comunitárias Móveis estão nas ruas distribuídos nas cinco regiões da cidade (Centro, Norte, Sul, Leste e Oeste). O objetivo é realizar uma ação articulada e integrada com as Subprefeituras, Polícia Militar e Civil e a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Programação noturna

Após participar da abertura, o prefeito foi ao Sesc Pompéia, na Zona Oeste, onde assistiu as apresentações de danças regionais dos grupos "As Pastorinhas" e "Babado de Chita". Na Choperia do mesmo local, o prefeito acompanhou um grande baile onde um grupo de pessoas dançaram os mais diversos estilos musicais como samba-rock, rock dos anos 60 e ritmos caribenhos.

Às 22h, Kassab e sua comitiva seguiram para a Estação da Luz onde puderam apreciar a apresentação da Orquestra Sinfônica Municipal e o Coral Lírico que interpretaram Carmina Burana. Centenas de pessoas fizeram silêncio enquanto o grupo espalhava sua música pelo centro da cidade tão acostumado com o som dos carros e trens da CPTM. O espetáculo foi aplaudido de pé pela emocionada platéia.

Ele ressaltou que este megaevento traz uma grande movimentação econômica com receita significativa para a cidade. "Os hotéis estão ocupados. É grande o número de pessoas que vieram do interior e de outros estados. A Virada simboliza um grande evento do Brasil que vai da cultura popular à erudita. Enfim, é um evento que nos enche de orgulho", salientou.

CDC Tide Setubal recebe 22° edição do Favela Toma Conta

Evento de hip hop, idealizado por Alessandro Buzo, é aberto e gratuito. Filme, exposição e apresentações de artistas do Rio de Janeiro e de São Paulo vão animar os jovens das 14h às 19h do sábado, 22 de maio, em São Miguel Paulista.

Pela primeira vez, o Favela Toma Conta será realizado no Clube da Comunidade (CDC) Tide Setubal, no bairro de São Miguel Paulista, zona leste de São Paulo (SP). A iniciativa é uma parceria entre a Fundação Tide Setubal e a Suburbano Convicto Produções, do escritor e apresentador Alessandro Buzo. O objetivo é proporcionar uma tarde de lazer e entretenimento gratuito a jovens da região leste.

Segundo Tião Soares, coordenador de cultura da Fundação Tide Setubal, o apoio ao Favela Toma Conta relaciona-se ao trabalho da instituição à frente da gestão do CDC, um espaço público dedicado a atividades esportivas, culturais e educativas. “Ao sediar este projeto cultural, ajudamos a aproximar as pessoas do universo hip hop e promovemos a diversidade cultural em São Miguel”, reforça Tião.

Nesta 22°edição, intitulada Especial Rio de Janeiro, Buzo recebe atrações do movimento hip hop carioca, como MC Marechal, Dudu de Morro Agudo, PeVirgulaDez e Dughettu. Eles dividirão o palco com nomes do hip hop paulistano: Alerta Vermelho e Elly Pretoriginal. Este encontro, que será promovido na tarde de 22 de maio, busca ampliar o diálogo entre as diferentes expressões desta cultura no eixo Rio-São Paulo, mostrando ao público as semelhanças e diferenças dos artistas das duas localidades.

Além de música, a programação de 2010 traz a exibição do filme Profissão MC, de Alessandro Buzo e Toni Nogueira, protagonizado pelo rapper Criolo Doido. O longa-metragem, gravado no bairro do Itaim Paulista, conta a história de um rapper desempregado, cuja namorada está grávida, e que precisa decidir entre duas propostas: entrar para o tráfico de drogas ou continuar apostando no rap.

As últimas edições do Favela Toma Conta aconteceram na CDHU do Itaim Paulista, no extremo leste da cidade de São Paulo. Neste ano, Buzo festeja dez anos de carreira artística, marcada por um perfil multifacetado: escritor, apresentador, cineasta e agitador cultural.

Programação do Favela Toma Conta

Apresentação: Alessandro Buzo

14h – Discotecagem do DJ Bibiano
Exibição do filme "Profissão MC"
Ficção, Brasil, 2009, 51 min.
Direção: Alessandro Buzo e Toni Nogueira
14h30 – Início das apresentações
MC Marechal (RJ); Dudu de Morro Agudo (RJ); PeVirgulaDez (RJ); Dughettu (RJ); Alerta Vermelho (SP); Elly Pretoriginal (SP)
Exposição Du Lixo
Obras de Tubarão, artista que transforma materiais reciclados em peças de arte
www.dulixo13.blogspot.com

Favela Toma Conta – 22° Edição – Especial Rio de Janeiro
Quando: 22 de maio (sábado), das 14h às 19h
Local: CDC Tide Setubal
Rua Mário Dallari, 170, Jd. S. Vicente, São Miguel Paulista, São Paulo - SP
Como chegar: http://www.ftas.org.br/ftas/site.php?mdl=cdc&op=lercdc&id=11
Realização: Suburbano Convicto Produções
Co-Realização: Fundação Tide Setubal

Sobre a Fundação Tide Setubal
Desde 2005, trabalha para contribuir com o desenvolvimento sustentável da região de São Miguel Paulista, bairro da zona leste de São Paulo (SP). Para isso, desenvolve ações voltadas a famílias, jovens e adolescentes em situação de alta vulnerabilidade social, em parceria com órgãos do governo e ONGs e em articulação com políticas públicas, priorizando a participação ativa da comunidade, fornecendo-lhe informação e estimulando a construção da sua autonomia.

Todas as relações e as atividades da Fundação são norteadas por quatro princípios: construção de uma sociedade justa e solidária, tendo como pressuposto a inclusão democrática e participativa de todos os segmentos sociais; respeito às diferentes temporalidades, pluralidades e diferenças culturais; valorização da cultura, tradições, experiências e costumes da comunidade; valorização do trabalho voluntário.

Sobre Alessandro Buzo
Nascido e criado no bairro do Itaim Paulista, é autor de cinco livros, entre eles, Favela Toma Conta (2008, Aeroplano Editora) e Guerreira (2007, Global Editora). Profissão MC é sua primeira experiência como diretor de cinema. Buzo também tem um quadro no programa Manos e Minas, exibido pela TV Cultura. Realiza o evento Favela Toma Conta desde o ano de 2004.

MAIS INFORMAÇÕES
Tel.: (11) 2569-9151 / Cel.: (11) 8218-7512
suburbanoconvicto@hotmail.com
www.favelatomaconta.blogspot.com