Nossos Vídeos

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Triplica o número de homens que faz cirurgia plástica

Os homens estão se encantando com os efeitos da cirurgia plástica – e suas mulheres também. O aumento da expectativa de vida ativa, a jovialidade de espírito dos “cinquentões”, os casamentos com parceiras mais jovens... Os motivos são vários, mas a verdade é que os consultórios especializados recebem cada vez mais pacientes do sexo masculino.

O objetivo é deixar o corpo de acordo com o estado de espírito e o estilo de vida. O conceito de “bem estar” para uma existência longa e saudável inclui agora, além da alimentação correta, os exercícios, a prevenção de doenças e a ausência de vícios, o rejuvenescimento ou correção de algum problema por meio de cirurgias plásticas.

A Clínica de Cirurgia Plástica de São Paulo, comprova a tendência. Nos últimos 13 anos, triplicou o número de homens que recorrem a seus serviços. Segundo seu titular, o dr. Alexandre Barbosa, em 1994, de cada dez cirurgias nove eram em mulheres e apenas uma em homem. Hoje, de cada dez três são feitas em pessoas do sexo feminino.

Essa estatística é confirmada por Raul Kury, porta-voz da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, entidade que reúne os principais especialistas da área. Segundo ele, a tendência vem desde 2004, quando os homens já haviam alcançado a proporção atual. Foram realizadas 616.287 cirurgias, 31% em homens, ou seja, 191.060 procedimentos. A média de cirurgias, por ano, já alcança meio milhão.

A Clínica de Cirurgia Plástica de São Paulo, está sintonizada com os tempos modernos, nos quais o belo tornou-se objeto de desejo. E atenta à evidência de que os homens têm aderido, cada vez mais, à cirurgia plástica como um caminho fácil, seguro e eficaz na busca do almejado bem estar.

A Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica aponta três fatores, entre os que mais contribuíram para que os homens se aproximem do bisturi que promete rejuvenescimento e beleza: o refinamento técnico progressivo dos instrumentos utilizados; a dispensa de internação para a maioria das cirurgias; e a influência da mídia. Ela noticia, diariamente, a adesão ao método de políticos e artistas, o que acaba influenciando altos executivos e outros segmentos da sociedade

Essa tendência permanece de braços dados com a quebra de um velho preconceito: o de que a mulher jovem não deveria casar com um homem que tem idade suficiente para ser seu “pai”.

Quebra-se um preconceito antigo. Ao contrário do que aconteceu muito no passado, o que atrai as jovens candidatas ao altar não é o dinheiro de seus pretendentes, mas seu espírito jovem, sua postura dinâmica.

Para se mostrarem mais atraentes eles recorrem a todos os inesgotáveis recursos que criam ou ressaltam a jovialidade, com destaque para a cirurgia plástica. Em muitos casos, diz o dr. Alexandre, são as próprias eleitas que se antecipam aos seus parceiros, levando-os às clínicas e declarando: “quero uma cirurgia para o meu marido, aqui, aqui e aqui...!”

Serviço:
Clínica de Cirurgia Plástica de São Paulo
Tel: (11) 3887 0100

Sobre o Dr. Alexandre Barbosa:
Dr. Alexandre Barbosa formou-se em Medicina pela PUC Campinas, em 1991. Fez residência em cirurgia geral e plástica no Hospital Beneficência Portuguesa de São Paulo, e se tornou especialista em cirurgia plástica em 1996. Atualmente, é sócio-proprietário da Clínica de Cirurgia Plástica de São Paulo.
*
*
*
Publicidade:
BRINDES ESCOLARES PARA FESTAS INFANTIS
Imas de geladeira, calendários, diplominhas
Acesse: www.kidbrinde.webnode.com.pt

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.