Nossos Vídeos

quarta-feira, 24 de março de 2010

Medicina Fetal permite diagnóstico mais seguro para mãe e o bebê

Avaliações e exames mais eficazes, tratamentos modernos e equipe multidisciplinar ajudam a identificar doenças na criança quando ela ainda está no útero da mãe. Cerca de 80% das malformações congênitas são diagnosticadas por meio dos recursos da Medicina Fetal.

Medicina Fetal é uma área de atuação da Ginecologia e Obstetrícia que visa o acompanhamento detalhado de gestações por meio de orientação genético-reprodutiva e ultrassonografia, sempre visando o bem estar do binômio mãe-feto. Essa moderna especialidade é extemamente útil na orientação dos casais quanto aos riscos reprodutivos, dúvida quanto aos históricos familiares ou mesmo indagacões como a importância da idade materna na gestação. Durante o pré-natal, a ultrassonografia auxilia no acompanhamento clínico das gestações, nos diagnósticos relacionados a formação e desenvolvimento do feto e nas interrelações com doenças maternas, caso elas existam.

O aprimoramento tecnológico que os aparelhos de ultrassonografia receberam na última década permite que atualmente seja possível avaliar, de forma não-invasiva o feto. A descoberta precoce de algumas doenças durante a gravidez aumenta substancialmente as chances de sobrevivência do bebê, além de ajudar no planejamento das intervenções logo após o parto, ou mesmo durante a gestação, reduzindo assim os riscos para a mãe e para a criança. Para tanto, a Medicina Fetal aparece como fator determinante para prevenir problemas e garantir a qualidade de vida.


Dr. Paulo Chinen – Atua com Medicina Fetal na Clínica Berenstein de Atendimento à Mulher. Formado pela Escola Paulista de Medicina, onde também realizou sua residência, mestrado e doutorado. Certificado pela Fetal Medicine Foundation, Londres. Certificado de Área de Atuação em Medicina Fetal, pela Federação Brasileira de Ginecologia e Obstetrícia (2005).

Sobre a Clínica Berenstein de Atendimento à Mulher
A Clínica Berenstein de Atendimento à Mulher é coordenada pelo ginecologista e feminólogo Dr. Eliezer Berenstein. Ele reuniu oito profissionais de saúde que atuam buscando a qualidade de vida feminina por meio do exercício da feminologia clínica. Essa nova técnica é aplicada por meio de uma equipe multi e trans disciplinar.

Um comentário:

  1. Muito interessante a reportagem! Mais informações sobre medicina fetal podem ser vistas também no site fetalmed: http://www.fetalmed.net

    ResponderExcluir

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.

google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0