Nossos Vídeos

quarta-feira, 17 de fevereiro de 2010

São Paulo em Números

- São Paulo obteve um número inédito de turistas em 2009. A cidade encerrou o ano com 11,3 milhões de visitantes. O número é 2,7% maior do que em 2008. Se comparado com 2004, quando a cidade ainda não era promovida como destino turístico, o crescimento foi de 37,8%.

- São 9,7 milhões de turistas nacionais (principalmente do Interior e Litoral do Estado, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná, Rio Grande do Sul, Bahia, Pernambuco, Espírito Santo e Mato Grosso do Sul, respectivamente).
- São 1,6 milhão de estrangeiros (principalmente dos Estados Unidos, Argentina, Alemanha, França, Chile, Portugal, Itália, Espanha, Inglaterra e México, respectivamente).

- A receita obtida com os gastos dos turistas em 2009 foi de R$ 8,5 bilhões, um aumento de 3,5% em relação a 2008 e de 34,3 em relação a 2004.

- Outro recorde em 2009 foi na arrecadação de ISS com o Turismo (grupo 13, considerado o do turismo por conter gastos com Pacotes, Hospedagem e Eventos. No acumulado do ano, a arrecadação chegou a R$ 126,5 milhões, o que representa um crescimento de 1,8% em relação a 2008. Na comparação com 2004, o crescimento foi de 67,1%.

- Os hotéis de São Paulo também comemoram. Mesmo com a crise, a cidade fechou 2009 com uma taxa de ocupação hoteleira acima de 60%. O número é 12,3% superior ao de 2004.

- Segundo a 6ª pesquisa Global Performance Review 2008 divulgada pela Deloitte em maio de 2009, o crescimento da taxa de ocupação foi de 3% e São Paulo encerrou o exercício na 82ª posição do ranking. A mesma pesquisa revela que as 20 cidades com maior ocupação hoteleira no mundo apresentaram variação média negativa de 9%.
- Outra boa notícia é que a ocupação dos hotéis subiu sem sacrificar a diária média, que encerrou 2008 a R$ 176,39, cerca de 24% maior do que em 2005, quando este índice começou a ser medido. O Revpar, que mede a receita gerada por quarto de hotel ocupado e que mostra o aumento da rentabilidade dos estabelecimentos, também subiu, chegando a R$ 109,25 em 2008, 38% mais do que em 2005. A 6ª pesquisa Global Performance Review 2008 divulgada pela Deloitte em maio de 2009 revelou um crescimento de 20,4% no revPar de São Paulo na comparação com 2007, alcançando US$ 60.

- Perfil do turista: cerca de 40% dos turistas da cidade vem a negócios. Outros 40% vêm a lazer e compras e o restante, para tratar da saúde, fazer cursos, etc.

- São quase 500 mil empregos (diretos e indiretos) gerados pela indústria do turismo na cidade, que movimenta 52 setores da economia.

- A maior e mais qualificada oferta hoteleira do País: são 410 hotéis (com cerca de 100 quartos cada, em média) e 42 mil apartamentos no total (cada quarto ocupado gera de 0,4 a 2 empregos, dependendo da categoria do hotel). Grandes cadeias internacionais como Hyatt, Hilton, Marriott, Renaissance, Sofitel, Meliá, Radisson disputam a clientela ao lado de opções exclusivas como Fasano, Emiliano, Unique, sofisticados e personalizados “hotéis-butique”.

Negócios e Eventos

- 75% do mercado brasileiro de grandes feiras de negócios. Esse setor movimenta cerca de R$ 2,9 bilhões em negócios ao ano em São Paulo (sem contar movimentação com turistas).

- Na cidade estão concentrados 15% do Produto Interno Bruto (PIB) e 6% da população do Brasil. Sede de algumas das maiores corporações globais, oferece toda a infra-estrutura de negócios, tecnologia e serviços. São Paulo é uma das cidades de maior movimento com turismo de negócios do planeta. De cada US$ 100 dólares de riqueza gerada no País, mais de US$ 10 são produzidos aqui. A renda per capita na capital é 70% acima da dos brasileiros em geral. Isto é, o poder de compra dos moradores faz da cidade um grande mercado para todo tipo de evento.
- A cidade de São Paulo, a 5ª maior do mundo em população, pode se tornar a 6ª mais rica do mundo até 2025, segundo um ranking da consultoria econômica internacional PricewaterhouseCoopers. De acordo com o estudo, a capital paulista, atualmente na 10ª posição do ranking das mais ricas do mundo, deve crescer 4,2% em média ao ano até 2025, ultrapassando cidades como Paris, Osaka e Cidade do México.

- Segundo a Internacional Congress & Convention Association – ICCA (na sigla em português, Associação Internacional de Congressos e Convenções), que faz o ranking dos maiores centros de eventos do mundo, a cidade de São Paulo é o maior destino de eventos internacionais das Américas e 12º lugar do mundo, ultrapassando destinos como Madri, Sidney, Atenas e Vancouver, além do Rio de Janeiro. No ranking divulgado em 2008, São Paulo ocupava a 23ª posição.

- E de acordo com o estudo anual (2008) elaborado pela América Economia Intelligence, unidade de pesquisas da América Economia, São Paulo é o melhor destino da América Latina para se fazer negócios. O levantamento resultou em um ranking dos 40 melhores municípios latino-americanos para negócios, levando em conta 50 variáveis socioeconômicas como potencial inovador, capacidade de gerar novos empreendimentos, telecomunicações, segurança, qualidade, produtividade acadêmica e científica e custo de vida.
- A cidade de São Paulo foi o grande destaque da pesquisa "Caracterização e Dimensionamento do Turismo Internacional no Brasil" do Ministério do Turismo/Fipe/Embratur, que analisa o perfil dos estrangeiros em visita ao país. No quesito "Negócios, Eventos e Convenções", a capital paulista domina com 51,3%, metade do total e mais que o dobro do percentual da segunda colocada, Rio de Janeiro, com 22,9%. A cidade ainda ocupa o 5º lugar como principal destino de lazer, atrás apenas do Rio, Foz do Iguaçu, Florianópolis e Salvador e à frente de cidades consagradas nesse quesito, como Fortaleza e Natal.

- Mais de 600 mil m² de mega espaços (como o Anhembi) para a realização de eventos variados. São cerca de 20 centros de feiras e convenções de grande porte (incluindo o maior da América do Sul: o Anhembi Parque), entre outras dezenas de espaços menores.

- PARQUE ANHEMBI:

> Ocupação quase total em 2009;
> Cerca de 70% já ocupado para 2010;
> Recebe mais de 11 milhões de pessoas ao ano.

- SPTuris: somente a empresa realizou cerca de 1.070 eventos em 2009, aumento de 43%.

- Interlagos:

> Novo espaço para grandes eventos em SP (não exclusivamente automobilísticos);
> F1 garantida até 2014;
> Lucro nos últimos 2 anos, graças a conquista de novos eventos;


OUTRAS CONQUISTAS

- A cidade foi condecorada com 5 prêmios durante o lançamento dos resultados do “Estudo de Competitividade dos Destinos Indutores”, encomendado pelo Ministério do Turismo e realizado pela Fundação Getulio Vargas e pelo Sebrae para medir o nível de competitividade dos 65 destinos indutores do país. São Paulo foi premiada na categoria mais importante – Melhor Destino Indutor entre as capitais – e também nas categorias “Capacidade Empresarial”, “Serviços e Equipamentos Turísticos”, “Economia Local” e “Acesso”.

- Prêmio V&T 2009: São Paulo foi eleita a Melhor Cidade do País para se fazer turismo, superando os tradicionais destinos Rio de Janeiro e Florianópolis. A capital paulista recebeu a nota mais alta nos quesitos comida, compras e vida noturna.

- Global Language Monitor: a cidade de São Paulo conquistou em 2009 a oitava posição na classificação mundial de moda. O ranking, é divulgado anualmente pela Global Language Monitor, grupo sediado nos Estados Unidos que rastreia a procura e a presença de palavras na mídia e na Internet. A capital paulista subiu nada menos do que 25 posições na lista, já que no ano passado estava na 33ª colocação.

- Motorola Convergência Research: a capital paulista foi apontada como a cidade mais digital de toda a América Latina em estudo feito pela Motorola e Convergencia Research, que durou cerca de um ano e foi divulgado em 27 de outubro de 2009. A pesquisa analisou o nível de digitalização de 150 cidades em 15 países da região, levando em conta itens como infraestrutura, serviços, e-binding e o compromisso assumido com a redução da desigualdade digital, assim como o emprego de tecnologias de informação e comunicação entre os cidadãos, empresas e outras instituições públicas. São Paulo se destacou, principalmente, nos aspectos governo eletrônico, serviços disponíveis ao cidadão pela internet, compromisso com a inclusão digital e pelas aplicações de tele-saúde e tele-segurança.

- A cidade de São Paulo ficou em 72º lugar entre os destinos que mais receberam turistas internacionais no mundo, de acordo com uma pesquisa da consultoria Euromonitor Internacional, realizada durante o ano de 2008 e divulgada no último dia 20. A capital paulista foi ainda a terceira cidade que mais cresceu na lista. Segundo a consultoria, um dos principais motivos do crescimento do destino foram as “eficientes campanhas promocionais” da cidade. Também estão entre as razões as novas ligações aéreas em 2008 - cinco ligações principais foram estabelecidas a partir de São Paulo, ligando a cidade à América do Norte (Nova York), à América Latina (Cidade do México), à Europa (Paris), ao Oriente Médio (Dubai) e à África do Sul (Joanesburgo) – o início de operações de companhias na cidade (como Mexicana, OceanAir e Emirates) e as taxas de câmbio favoráveis. O levantamento também constatou que a crise econômica mundial prejudicou as viagens internacionais de um modo geral, mas ressalta que as 100 cidades do ranking tiveram um crescimento de 5,2% na chegada de turistas estrangeiros. Rio de Janeiro é a mais bem colocada entre as cidades brasileiras, ficando na 40ª posição.

- São Paulo foi considerada a cidade mais cortês de toda a América Latina (5º lugar mundial) em pesquisa sobre “gentileza e bons modos” realizada pela revista Reader's Digest e publicada em junho/2006 no jornal londrino “The Times”, um dos principais da Inglaterra. A pesquisa consultou mais de duas mil pessoas em 35 diferentes países.

- Site oficial do turismo em São Paulo (www.cidadedesaopaulo.com) tornou-se uma ferramenta estratégica para o desenvolvimento turístico da cidade e para consulta dos turistas e profissionais de turismo. Com navegação amigável e atraente, possui um alto número de acessos, um dos maiores entre os sites de turismo do País. Em abril de 2005, o número de page views era de apenas 3.423/mês. Em abril de 2006, esse número cresceu para 288.752 page views/mês, nada menos que 8 mil % a mais em um ano. Em agosto de 2008, as page views chegaram a 500 mil/mês, 14,6mil % a mais que no início de 2005, quando a atual gestão assumiu.

- Pesquisas SPTuris demonstram que cerca de 90% dos turistas gostam da cidade e pretendem voltar. Os visitantes destacam como principais qualidades da cidade a fartura de opções culturais, a diversidade, as pessoas, a gastronomia, as opções de compras e a arquitetura.

- Turismetrô, programa da SPTuris que percorre a cidade por meio de seis roteiros guiados ao custo de apenas alguns bilhetes de Metrô (máximo 3), foi reconhecido com dois prêmios publicitários e tem 99% de aprovação dos usuários/turistas.

- A cidade de São Paulo está mais global do que nunca. Além de sediar as campanhas mundiais da Levi's, Maybeline e da Citroën (com o astro Kiefer Sutherland, o Jack Bauer da série 24 Horas) – a cidade não para de ilustrar as páginas de renomadas publicações estrangeiras como parte do circuito das grandes metrópoles mundiais. Os jornais norte-americano The New York Times (que publicou cinco matérias sobre a cidade nos últimos dois anos) e Financial Times, o francês Le Monde, os ingleses The Times e The Guardian, os argentinos La Nación, Clarín e El Mensajero, o chileno El Mercurio, a conceituda revista norte-americana Travel + Leisure, os italianos RAI TV, principal rede daquele país, RAI Rádio e Donnaventura, reality show de aventura, , entre outros veículos de países como Emirados Árabes e Panamá, já estamparam nos últimos três anos a capital paulista como cidade-global, de vanguarda, antenada, geradora de tendências e culturas. De 2005 a 2008, São Paulo apareceu como destino turístico cerca de 50% mais em veículos de comunicação do exterior, em comparação com os anos anteriores.

- Também não para de crescer a lista espetáculos internacionais que desembarcam aqui. Já passaram pela cidade as produções O Fantasma da Ópera, Les Misérables, A Bela e a Fera, Chicago, Cats, Slava’s Snow Show, Blue Men Group, My Fair Lady, Miss Saigon, Momix, Holiday On Ice e Disney O¬n Ice, Teatro Negro de Praga, Ballet de Moscou, West Side Story, além das trupes do Circo Nacional da China e o Cirque Du Soleil.

- São Paulo está definitivamente na moda. A cidade é cenário também para a versão brasileira do programa America’s Next Top Model, o Brazil’s Next Top Model. O reality show do canal Sony, que já teve três edições, escolhe a nova estrela a ser lançada no concorrido mundo da moda. As 13 aspirantes a modelo selecionadas passam a viver juntas em uma casa, são vigiadas por câmeras e passam por testes de fotos e passarela. Na versão brasileira, as filmagens externas acontecem em alguns pontos turísticos e outros locais interessantes da capital paulista.

- São Paulo também é frequentemente palco para várias produções nacionais, com locações espalhadas por todas as regiões da capital, sobretudo em pontos turísticos como Estação da Luz e Pátio do Colégio. No campo da TV, a cidade cedeu espaço para as gravações das séries Alice, Queridos Amigos e 9mm, além das novelas Ciranda de Pedra e A Favorita. Já o cinema tem explorado os cenários da metrópole em inúmeras filmagens. Podemos contabilizar as internacionalmente premiadas películas O Signo da Cidade, Blindness, Linha de Passe e as recentes Nossa Vida não Cabe num Opala, Bróder, Augustas e Identidade.

- A cidade de São Paulo, como cidade global, está definitivamente inserida no circuito de shows internacionais: Carlos Santana, U2, Pearl Jam, Jack Johnson, Black Eyed Peas, B.B. King, Oasis, Franz Ferdinand, Avril Lavigne, Coldplay, Bryan Adams, Aerosmith, Pet Shop Boys, Strokes, Judas Priest, Whitesnake, Bad Religion, Evanescence, Chemical Brothers, Bjork, Dionne Warwick, Madeleine Peyroux, Roger, Scorpions, Roger Waters, Deep Purple, Iron Maiden, Bob Dylan, Rod Stewart, Ozzy Osbourne, Korn, Nazareth, Herbie Hancock, Macy Gray, Megadeth, Joe Satriani, Billy Paul, Echo & the Bunnymen, Frank Sinatra Jr, Chuck Berry, Joss Stone, Kiss, AC/DC, Oasis, Elton John, Alanis Morissette, Madonna, entre outros.

- São Paulo figurou na edição de 2008 do guia Lonely Planet’s Best in Travel como um dos principais destinos urbanos de 2009, essencialmente devido à modernidade e variedade de atrações. O guia é uma das mais importantes referências para viajantes do mundo todo e apresenta a cidade como um destino que superou a fama de ser violento e, ao mesmo tempo, oferece atrativos de alto valor agregado, que compensam e satisfazem o turista. A variedade de experiências culturais e históricas torna São Paulo um destino preferencial em tempos de crise.

AÇÕES PARA O DESENVOLVIMENTO TURÍSTICO DA CIDADE DE SÃO PAULO

- Mapa das Sensações: projeto que visa lançar um novo olhar sobre a metrópole, revelando suas diversas nuances por meio do estímulo aos cinco sentidos. Na primeira fase do projeto, mais de 2,5 mil pessoas, entre moradores e visitantes, indicaram por meio do site pontos da cidade que as remetessem a sensações relacionadas a cada um dos sentidos e foram estimuladas a justificar suas indicações por meio de depoimentos que compartilhassem as experiências sensoriais vividas nesses locais. Foram selecionados os 100 atrativos mais citados. A partir do resultado, 40 turistas – nacionais e estrangeiros – foram levados a 20 desses principais pontos e tiveram a sua sensação “medida” por um tipo de detector de mentiras. Após a visita aos atrativos, os turistas prestavam depoimentos sobre suas impressões enquanto eram testados com um programa que traduz – por meio da voz – as alterações fisiológicas e gera uma representação gráfica da oscilação de emoções. O resultado do trabalho é o Mapa das Sensações e seu audiolivro, ambos disponíveis em diversos pontos da cidade e também no site http://www.mapadassensacoes.com.br/.

- Fique Mais Um Dia: estimula turistas de negócios a permanecerem mais tempo na cidade e aproveitarem toda a oferta cultural, gastronômica e de lazer que São Paulo possui. O programa pode render até R$ 1,5 bilhão para a capital paulista e a arrecadação de ISS aumentaria em R$ 15 milhões (se cada turista de negócios ficar mais um dia).

- Bem Receber: um tipo de city pass impresso e on line (www.cidadedesaopaulo.com/bemreceber ) que dá descontos para turistas em vários restaurantes, pontos turísticos, museus, hotéis e casas de shows da cidade.

- São Paulo CapaCidade - Programa de Capacitação Turística da Cidade de São Paulo: Centenas de taxistas, guias e agentes receberam o certificado de conclusão do curso, projeto cujo objetivo é qualificar profissionais do turismo receptivo da capital paulista. O curso, ministrado pelo Senac, é uma iniciativa da SPTuris, PMSP e MTur.

- Sinalização Turística Viária: 358 placas foram instaladas nas ruas da cidade e APAs, para indicar 100 pontos turísticos de São Paulo. 123 placas serão ainda instaladas. As placas seguem padrão internacional.

- Turismo no Centro: plano de desenvolvimento turístico realizou, durante um ano e meio, diagnóstico inédito e detalhado da região central da cidade e avaliou mais de 4 mil pontos, como hotéis, restaurantes, pontos turísticos, transporte, equipamentos culturais, etc. Projeto indicou pontos fortes e pontos a desenvolver, gerou publicação com todo o levantamento e um banco de dados on line para consulta de toda a população, além de plano de ação de melhorias para o Centro envolvendo órgãos competentes e parceria da iniciativa privada. Está sendo feito, ainda, um inventário fotográfico do Centro.

- Capacitação de agentes de viagens de vários Estados do Brasil: equipes da SPTuris visitaram os principais e potenciais mercados para a venda do destino São Paulo a fim de capacitar operadores e agentes de viagens para promoverem a cidade e oferecerem aos turistas. Foram capacitados mais de 2 mil agentes de viagens e operadores de turismo, em quase todas as capitais brasileiras, e ainda em Lisboa (Portugal) e Assunção (Paraguai).

- São Paulo Meu Destino: evento anual realizado pela SPTuris reúne agentes de viagens e jornalistas de vários Estados brasileiros e países da América Latina na capital paulista. O objetivo do encontro é qualificar esses profissionais de turismo e transmitir o que há de melhor na cidade para estimulá-los a oferecer São Paulo aos seus turistas. O evento está em sua quinta edição.

CALENDÁRIO DE EVENTOS 2009

Acesse: http://www.cidadedesaopaulo.com/sp/br/calendario-de-eventos/download


A CIDADE DE SÃO PAULO EM NÚMEROS

Gastronomia

Número de Restaurantes 12,5 mil - Abresi
Tipos de cozinhas 52 -  Abresi
Número de Bares 15 mil  - Abresi
Churrascarias 500 -  Abresi, Abrasel e SP Turis
Restaurantes japoneses 250 - Abresi, Abrasel e SP Turis

Padarias 3,2 mil - Abresi, Abrasel e SP Turis

Pãezinhos consumidos

Por minuto: 7,2 mil
Por dia: 10,4 milhões  - Abresi, Abrasel e SP Turis

Pizzarias:  6 mil -  Abresi, Abrasel e SP Turis

Pizzas consumidas

Por minuto: 720

Por dia: 1 milhão - Abresi, Abrasel e SP Turis

Sushis consumidos

Por minuto: 278
Por dia: 400 mil  - Abresi, Abrasel e SP Turis

Eventos

Número de Eventos por ano 90 mil - SPCVB
Número de Visitantes em eventos  - 16,5 milhões SPCVB
Empregos diretos e indiretos gerados com a atividade turistica 500 mil -  SPTuris
Feiras no Brasil/ São Paulo 75% das grandes feiras do Brasil - Ubrafe
Receita Financeira Gerada com Grandes Feiras R$ 2,6 Bilhões/ano Ubrafe
Quanto gera em viagens hospedagens e transporte aéreo e terrestre R$ 8 bilhões/ano - SPCVB
Oferta diária de área para realização de Eventos 600 mil m² - Ubrafe

Turismo
Permanência média de turistas 3 a 5 dias - SPTuris
Número de Turistas na Cidade de São Paulo (2008) 11,2 milhões  - SPCVB
Número de Turistas Estrangeiros na Cidade de São Paulo 1,7 milhões - SPCVB
Gasto médio do turista R$ 300 a R$ 600  - SPTuris
CITs Centrais de Informações Turísticas 4  - SPTuris
Turistas atendidos nas CITs em 2008 - 39 mil - SPTuris

Hotelaria
Número de Hotéis na Cidade - 410 - SPTuris
Número de Uh´s na Cidade - 42 mil - SPTuris
Taxa de ocupação média em 2008 - 68,5%  - SPTuris

Cultura e Lazer
Número de Teatros 160 -  teatros - SPTuris
Número de Museus 110 - SPTuris
Cinemas 260 salas em 55 cinemas - SPTuris
Número de Bibliotecas 90 -  SPTuris
Número de Centros culturais 40 - SPTuris
Número de Praças 2.800  - SPTuris
Número de Parques Naturais 54 - SPTuris
Estádios de futebol 7 - SPTuris
Casas de espetáculos (grande porte) 7 (para mais de mil pessoas) - SPTuris

Transportes

Número de Carros -  6 milhões - Detram
Número de Táxis 37 mil  - Adetaxi

Ônibus

Ônibus urbanos 15 mil  - SPTrans
Linhas de ônibus urbanos 1.333 - SPTrans
Terminais de ônibus urbanos 28 - SPTrans
Terminais rodoviários de ônibus 3 - Socicam
Desembarques rodoviários em 2008 16,5 milhões - Socicam

Metrô e Trem

Linhas de metrô 5  - Metrô SP
Estações de trem que ligam São Paulo à região metropolitana 89 estações em 22 municípios  - CPTM
Passageiros transportados pelo metrô 3,3 milhões por dia  - Metrô SP
Quilômetros de linhas de metrô 61,3 e mais 20Km de extensão  - Metrô SP
Estações de metrô 55 -  Metrô SP
Quilômetros de linhas de trem 260,8 - CPTM

Aéreo

Helicópteros 500 helicópteros e 200 helipontos - Editora Abril
Companhias aéreas 41 -  SPTuris
Aeroportos Na Grande SP 4 (Congonhas, Guarulhos, Viracopos, Campo de Marte)  - Infraero
Desembarques no Aeroporto de Congonhas (CGH) 2008 - 13,6 milhões  - Infraero
Desembarques no Aeroporto de Guarulhos (GRU) 2008 - 20,4 milhões - Infraero

Estradas

Rodovias intermunicipais/interestaduais 9 - DER/DERSA
Veículos que passam por dia nas rodovias com pedágio 820 mil  - DER/ DERSA/ ECOVIAS/ VIAOESTE/
AUTOBAN

Consumo e Finanças

Lojas 240 mil - Editora Abril
Vagas de estacionamento em shoppings 93 mil - Alshop
Shoppings 77 - Alshop
Feiras livres semanais 900 - SPTuris
Transações de cartão de crédito por dia 900 mil - Editora Abril
Ruas de comércio especializado 59 ruas especializadas em 51 segmentos -  SPTURIS

Saúde

Hospitais 105 - Sindhosp
Pronto-socorros 17 - Sindhosp

Educação

Número de Faculdades 105 - MEC
Número de Universidades 28 - MEC
Centros de educação tecnológica 23 - MEC

Dados Gerais

Fundação da cidade 25 de Janeiro de 1554  - Governo do Estado de São Paulo
Localização Região Sudeste do Brasil - Governo do Estado de São Paulo
Distância da costa Costa dos Alcatrazes - 186 KM  - Governo do Estado de São Paulo
Guarujá - 93 KM - Governo do Estado de São Paulo
Ilhabela - 204 KM - Governo do Estado de São Paulo
Santos - 72 KM - Governo do Estado de São Paulo
População metropolitana 18 milhões de habitantes - PMSP
População municipal 11 milhões de habitantes - PMSP
Área 1.509 km² PMSP

Número de ruas e avenidas

91 mil - PMSP
Número de semáforos 5 mil  - PMSP
Número de placas de trânsito 391 mil - PMSP
Idioma Português - Governo do Estado de São Paulo
Código de Telefone Brasil: 55 / São Paulo: 11 - Governo do Estado de São Paulo
Altitude 750 m do nível do mar -  Governo do Estado de São Paulo
Umidade relativa do ar 78% média anual - Governo do Estado de São Paulo

Clima Tropical Temperado

22 a 27º C no verão
15 a 21º C no inverno - Governo do Estado de São Paulo
Religião predominante Católica - Governo do Estado de São Paulo
Moeda Real - Governo do Estado de São Paulo
Fuso horário GMT (- 3 horas) -  Governo do Estado de São Paulo
Número de Consulados 92 - SPTuris
*
*
*
Publicidade
Preços e estoque por tempo limitado: