Nossos Vídeos

domingo, 12 de dezembro de 2010

Surto de Catapora: saiba o que é e os principais cuidados

Ambientes fechados e aglomerados favorecem a proliferação da doença

A primavera é a época do ano em que a catapora mais se manifesta no Brasil. Um surto da doença já atinge vários estados brasileiros e a vacina não está incluída no calendário de imunização de rotina do Sistema Único de Saúde, ou seja, a população tem que pagar para ter acesso e, em muitas clínicas particulares, não existem doses suficientes para todas as pessoas infectadas. As crianças são as maiores vítimas, mas os adultos também podem contraí-la. A proliferação do vírus ocorre em ambientes com aglomeração e fechados como, por exemplo, creches e escolas.

A varicela, nome científico da doença, é uma infecção primária causada pelo vírus varicela-zoster e que é altamente contagiosa, além de ser muito comum na infância. Os principais sintomas da doença são febre, dor de cabeça e aparecimento de erupções na pele e mucosas, principalmente no tronco e cabeça.

A transmissão ocorre por gotículas respiratórias e contatos com as lesões cutâneas. O risco de contato vai desde um a dois dias antes do aparecimento das vesículas na pele até a presença das crostas. Os principais problemas causados pela catapora são: superinfecção das lesões cutâneas por bactérias piogênicas (produção de pus), pneumonite (inflamação dos pulmões) pelo próprio vírus, pneumonia bacteriana secundária e complicações no sistema nervoso central como, meningite ou encefalite.
”A principal prevenção contra a catapora é a vacinação a partir de um ano de idade em dose única, que é bem tolerada, porém vale lembrar que é feita com vírus vivo atenuado, não devendo ser administrada a imunossuprimidos (redução da atividade/eficiência do sistema imunológico) ou gestantes”, explica Jorge Isaac Garcia Paez, médico infectologista do São Cristóvão Saúde.
Paez ainda ressalta que em alguns casos, mesmo quem já contraiu a doença e está imune, pode reativar o vírus na forma de herpes zoster (manifestação da infecção primária pelo vírus varicela-zoster), mais conhecida como cobreiro.
No caso de mulheres grávidas que contraíram a doença, pode ocorrer a síndrome da varicela congênita. O bebê pode apresentar peso baixo, retardo mental, cicatrizes cutâneas, alterações oculares entre outros problemas. O tratamento para casos de contaminação em gestantes deve sempre ser acompanhado por um especialista.

São Cristóvão Saúde - Administrado pela Associação de Beneficência e Filantropia São Cristóvão, o grupo São Cristóvão Saúde é constituído pelo Hospital e Maternidade, Plano de Saúde e Hotel Recanto São Cristóvão, instalado em Campos do Jordão. Tradicional no atendimento aos moradores da Zona Leste paulistana, o São Cristóvão Saúde completa 100 anos, em 2011, e vem promovendo uma grande modernização em sua estrutura de atendimento, investindo em equipamentos, tecnologia da informação e profissionais qualificados. Atualmente, o Hospital e a Maternidade contam com 220 leitos, além do Centro Ambulatorial que realiza, diariamente, mais de mil consultas, proporcionando qualidade assistencial ao Plano de Saúde.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.

google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0