Nossos Vídeos

sexta-feira, 17 de dezembro de 2010

Livro apresenta as novas perspectivas de projetos para moradias populares

O secretário de Estado da Habitação e presidente da CDHU, Lair
Krähenbühl, durante o lançamento do livro "Sustentabilidade e inovação na
habitação popular: o desafio de propor modelos eficientes de moradia" .
Foto: Mariana Saraiva
Publicação da CDHU e IAB-SP aborda aspectos e histórico da produçãooficial de moradias populares e projetos inovadores para atender a população de baixa renda.

O livro "Sustentabilidade e inovação na habitação popular: o desafio de propor modelos eficientes de moradia" tem tudo para se tornar referência nos novos projetos de empreendimentos de Interesse Social no Brasil.

 Lançada nesta quinta-feira, 17 de dezembro, em São Paulo, pela Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano (CDHU), a publicação, escrita também em inglês, traz depoimentos e projetos que buscam novas propostas arquitetônicas destinadas à população de menor poder aquisitivo. "A habitação popular precisa de qualidade, sustentabilidade e também de estética. A baixa renda precisa de projetos melhores.

Em São Paulo, já adotamos uma série de mudanças, como o terceiro dormitório, o aquecedor solar, entre outros. Esse livro mostra que é possível fazer bons projetos para a habitação de Interesse Social", disse Lair Krähenbühl, secretário de Estado da Habitação e presidente da CDHU.

A primeira parte do livro é dedicada aos aspectos da arquitetura oficial para moradias populares. Especialistas discorrem sobre como até recentemente se trabalhava a questão do espaço, com tipologias monótonas, e como será a nova perspectiva de atendimento habitacional para a habitação popular, com soluções que respeitem as cidades e as pessoas e propostas que levam em consideração a sustentabilidade e a acessibilidade.

O leitor poderá conferir na segunda parte da publicação, os projetos vencedores do concurso "Habitação para todos ? Concurso Nacional de Projeto de Arquitetura de Novas Tipologias para Habitação de Interesse Social Sustentáveis", promovido pela CDHU e pelo Instituto de Arquitetos do Brasil (IAB-SP).

Dirigido a arquitetos de todo o país, o concurso teve como objetivo a criação de novos projetos para moradias populares sustentáveis que contemplem melhor técnica, preço e prazo de execução. Os trabalhos apresentam propostas inovadoras, práticas e aplicáveis que abordam a habitação de forma contemporânea desde a escolha do terreno até a pós-ocupação. Um dos quesitos obrigatórios era prever soluções de acessibilidade com base nos conceitos do Desenho Universal.

Os projetos foram divididos em seis categorias os trabalhos vencedores estão sendo contratados pela CDHU para construção de novos conjuntos habitacionais no Estado de São Paulo. O livro estará disponível no escritório do IAB-SP (Rua Bento Freitas, 306, 4º andar, Vila Buarque, Centro, São Paulo) e no site da CDHU ( www.cdhu.sp.gov.br), em versão digital.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.

google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0