Nossos Vídeos

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

JOVENS ESTÃO VULNERÁVEIS ÀS DST'S E GRAVIDEZ

O Instituto Kaplan desenvolveu uma pesquisa por amostragem com visitantes do espaço Catavento Cultural, em São Paulo, que participaram da oficina interativa Vale Sonhar nos meses de julho e agosto de 2010, com 1856 jovens, sendo 91% dos entrevistados adolescentes entre 13 e 18 anos e 65% do total ainda não tinham tido experiência sexual.

A oficina de prevenção de gravidez na juventude e DST, desenvolvida pelo Instituto Kaplan, é totalmente interativa. Os jovens respondem as perguntas sobre sexualidade e, conforme as respostas podem ou não se infectar ou engravidar. Esse é o termômetro do conhecimento do jovem sobre sexo.

Do total de 1.856 jovens, 31% dos adolescentes se mostraram vulneráveis a gravidez, porém 69% não engravidaram na dinâmica e indica conhecimento sobre métodos contraceptivos.

Também foi testada a vulnerabilidade para DST/Aids no labirinto do Catavento, e 40% dos participantes foram infectados, que indica desinformação ou a falta de entendimento sobre as doenças sexualmente transmissíveis.

O estudo mostra que de 33% dos jovens sexualmente ativos, 9% não usaram camisinha na última relação sexual. Mostrou também que a fonte mais popular entre os jovens para obter é o posto de saúde. Deste resultado, os rapazes eram os que mais buscavam o preservativo gratuito.

O Instituto Kaplan, que tem como objetivo desenvolver e disseminar metodologia para educação sexual, tem um serviço público de tira-dúvidas sobre sexo por email ou MSN – sosex@kaplan.org.br

Instituto Kaplan – http://www.kaplan.com.br/
Fonte – Camila Macedo Guastaferro - coordenadora de projetos

Mais que sorte e prosperidade, a Romã previne o envelhecimento precoce e doenças cancerígenas

*Dra. Sylvana Braga

Com a chegada do final do ano e do verão, as festas e comemorações pedem comidas saborosas e leves, por isso o consumo de frutas aumenta muito nessa época. A romã é uma boa opção para acompanhar os pratos nas ceias: no peru de Natal, na salada, na sobremesa ou até mesmo como o tradicional suco. Claro que não se pode esquecer das simpatias do Ano Novo, pois há crenças que dizem que comer romã traz sorte e muita prosperidade.

A fruta deve ser consumida o ano inteiro, pois contém inúmeros benefícios. Possui antocianidina, cianidinas, fitosestrógenos da isoflavona e 40% de ácido elágico. Ingerida na forma de suco ou chá, ela age na prevenção de doenças como o câncer. O ácido elágico auxilia na redução do tumor, induz as células cancerígenas a apoptose (morte celular) e evita o aparecimento de células cancerosas.

Além disso, a romã tem potente ação antioxidante, que protege a membrana e o DNA dos radicais livres, prevenindo o envelhecimento precoce; ação antimicrobiana, que auxilia no combate à acne, e atua, também, como clareadora da pele, pois o ácido elágico oferece resistência à proliferação de melanócitos causados pela radiação solar, evitando que os raios solares ajam sobre a pele. Contém, ainda, propriedades estrogênicas, que ajudam na prevenção da osteoporose e da menopausa.

Vale lembrar que a parte rica em nutrientes é a casca, constituída pelas vitaminas B1, B2, sais minerais, taninos, antocianinas e ácidos elágico. Estudos também revelam que o chá da casca da fruta tem um grande poder antibiótico.

A fruta, nativa da Pérsia e cultivada no Irã desde 2000 A.C., foi levada pelos fenícios para as regiões próximas ao Mar Mediterrâneo, onde se difundiu para as Américas, chegando ao Brasil pelas mãos dos portugueses.


* Dra. Sylvana Braga (www.sylvanabraga.com.br) – Nutróloga, reumatóloga, fisiatra e especialista em prática ortomolecular, também autora do livro “Dieta Ortomolecular – o segredo de rejuvenescer em total harmonia", que traz mais de 100 receitas para se manter saudável de forma natural.

1.116 unidades financiadas pelo Programa Minha Casa, Minha Vida em 2011

Prefeito assina contratos com a Caixa de aproximadamente R$ 58 milhões


Compareceram representantes das entidades de construção civil,
movimentos de moradia popular, entre outros

O prefeito Gilberto Kassab assinou nesta quarta-feira (29) novos contratos com a Caixa Econômica Federal para a construção de 1.116 unidades financiadas pelo Programa Minha Casa, Minha Vida. A assinatura complementa uma contratação maior feita em 2009 para a construção de 2.280 unidades também destinadas a famílias de baixa renda. O valor dos novos contratos de financiamento é de aproximadamente R$ 58 milhões.

"É uma enorme satisfação assinar este convênio. Prefeitura e Caixa estão trabalhando juntas para conseguir avançar nas políticas habitacionais na cidade de São Paulo. Espero que essas mais de mil unidades possam se converter em milhares de outras unidades", disse Kassab.

As 1.116 unidades são destinadas a famílias com renda de até três salários mínimos e serão construídas em 12 empreendimentos localizados nas regiões de Guaianazes, Itaquera, Cidade Tiradentes, M'Boi Mirim e Butantã em terrenos pertencentes à Cohab. Os novos contratos demonstram o esforço da Prefeitura, em conjunto com a Caixa, para garantir moradia digna à população. Segundo Elisabete França, secretária municipal de Habitação em exercício, a assinatura de novos contratos se soma a outras ações da Prefeitura. "Este é um belíssimo momento para a Habitação na cidade de São Paulo, que é possível graças à integração da Prefeitura com a Caixa Econômica Federal. É um marco para a cidade, que também avança na urbanização de favelas", disse Elisabete França.

As famílias beneficiadas serão selecionadas no cadastro da Cohab e de acordo com as portarias 140 e 141 do Ministério das Cidades. Os futuros proprietários pagarão parcelas mensais correspondentes a 10% de sua renda durante o período de 10 anos. A Caixa Econômica Federal será responsável pela análise dos projetos, viabilizar o financiamento e firmar os contratos com os mutuários selecionados.

Dermatologista dá dicas para o verão

Fernanda Montoril é especialista em pele saudável e medicina estética

O verão é a estação mais esperada do ano. Afinal, na nossa cultura, pele bronzeada é sinônimo de beleza e saúde.

No entanto, é preciso lembrar-se dos cuidados básicos com a saúde. Em primeiro, segundo e terceiro lugar sempre:

FILTRO SOLAR!!!

A exposição inadequada à radiação solar é responsável pelo aparecimento de manchas, envelhecimento precoce, queimaduras e, até mesmo, tumores.

De forma geral:

. Para a pele negra, é indicada FPS 15.

. Para a pele clara e cabelos escuros, FPS 20.

. Para a pele clara e cabelos claros, FPS 30.

(FPS - Fator de Proteção Solar)

Como a pele, no verão, em geral, fica oleosa, deve-se dar ênfase aos filtros solares oil-free (filtros cujos veículos não contêm substâncias oleosas. São os mais indicados para pessoas de pele oleosa ou com tendência à formação de cravos e espinhas). Não esquecendo que o seu dermatologista é o profissional mais indicado para essa escolha.

* Dra. Fernanda Montoril
dermatologista
(femontoril@gmail.com)

É importante não se esquecer das orelhas, mãos e colo, regiões sempre expostas aos danos solares e por vezes esquecida.

Para preparar a pele do rosto e corpo para o verão, é indicada uma esfoliação com produtos específicos, com o intuito de uniformizar a coloração e prevenir manchas.

O filtro solar não impede o bronzeamento, apenas diminui seus riscos.

Uma alimentação rica em betacaroteno garante uma pele mais saudável e prolongam o feito do bronzeamento. Capriche na ingestão de cenoura, mamão, abóbora, espinafre, beterraba, manga e
brócolis. Existem no mercado cápsulas de betacaroteno, que, na dificuldade de ingestão dos alimentos, são indicadas.

Com o avanço dos dermocosméticos, é possível encontrar filtros solares em cápsulas à base de Picknogenol, para ser usado via oral.

Devem-se evitar alimentos que aumentam a oleosidade da pele, como amendoins, castanhas, carne suína e bebida alcoólica.

Na busca de um bronzeamento rápido, pode ser feito o bronzeamento a jato, em que ocorre uma reação do
creme com a camada superficial da pele, produzindo um coloramento, sem prejudicar a pele. Não se esquecendo de que eles não funcionam com filtro solar.

A perda hídrica aumenta nesta estação, sendo necessário o uso de hidratante corporal e facial, além do aumento da ingestão de água e sucos naturais.

Os pés, em especial, devem receber uma hidratação intensa, com cremes à base de ureia, devido à tendência ao ressecamento.

Os cabelos e couro cabeludo, por vezes esquecidos, devem ser protegidos com filtro solar específicos e com uso de bonés ou chapéus, no mercado já existem bonés e roupas em geral acresci- são dos de dióxido de titânio, que conferem proteção contra raios UVA e UVB.

Com o avanço da indústria farmacêutica, existe uma grande variedade de maquiagem, incluindo base, pó compacto, sombras e batons, acrescidos de FPS. No entanto, vale ressaltar que a exposição solar direta com maquiagem pode causar manchas.

Os peelings faciais e corporais superficiais estão liberados, não esquecendo que o médico deve avaliar caso a caso.

Os produtos usados no inverno nem sempre podem ser usados no verão, principalmente os cremes faciais à base de ácidos.

No geral, protetor solar no corpo e rosto associado a uma hidratação intensa são os pré-requisitos necessários para uma pele bonita no verão.

PREVENÇÃO ÀS ENCHENTES NA VILA VERDE

A Subprefeitura de Itaquera, através da coordenadoria de Infraestrutura Urbana, está realizando mais uma ação de prevenção às enchentes. Desta vez, é nas margens do rio Jacu, no trecho rente à Rua Musgo de Flor, próximo do cruzamento com a Avenida Imperador, na Vila Verde, Distrito Itaquera.

O antigo muro de 25 metros e a galeria de águas pluviais de 1,5 X 2 metros de diâmetro, que deságua no rio, danificados com uma forte chuva que atingiu a região, foram reconstruídos, evitando o risco de erosão nas margens e melhorando a captação das águas pluviais.

Mais uma ação preventiva contra enchentes em Itaquera

A Subprefeitura Itaquera, através da coordenadoria de Infra-estrutura Urbana, está realizando mais uma ação de prevenção às enchentes. Desta vez, é nas margens do rio Jacu, no trecho rente à Rua Musgo de Flor, próximo do cruzamento com a Avenida Imperador, na Vila Verde, distrito Itaquera.

O antigo muro de 25 metros e a galeria de águas pluviais de 1,5 X 2 metros de diâmetro que deságua no rio, danificados com uma forte chuva que atingiu a região, foram reconstruídos, evitando o risco de erosão nas margens e melhorando a captação das águas pluviais.

Especialistas falam dos pecados que devem ser evitados em 2011

Autores do livro “Criatividade sem segredos” mostram as armadilhas que podem prejudicar na concretização de metas.

O início de ano costuma vir recheado de promessas e sonhos de mudança. Nessa época, é comum ouvirmos dicas do que fazer para ter um ano diferente. Fábio Zugman e Michel Turtchin, autores do livro Criatividade Sem Segredos tomaram o caminho inverso e mostram as maiores armadilhas que impedem as pessoas de mudar. Veja a seguir as 4 armadilhas, e aprenda com os autores como lidar com elas.

1) A falta de estímulos: O período de ano novo sempre vem como uma quebra na rotina, e é comum imaginarmos que as coisas serão diferentes. No entanto, as coisas só serão diferentes a partir do momento em que fizermos algo a respeito. É muito comum nos sentirmos desmotivados com a falta de recompensas ou apoio quando queremos mudar, mas é preciso lembrar que recompensas e apoio só costumam aparecer quando uma iniciativa começa a dar certo. Na verdade, um dos pontos mais difíceis em qualquer processo de mudança é seguir em frente até os primeiros frutos começarem a aparecer.

2) O fantasma dos Natais passados: Muitas tentativas de mudança, no trabalho e na vida pessoal, costumam dar errado. É preciso lembrar que toda mudança – de perder peso a mudar de emprego - envolve riscos. É muito comum as pessoas desistirem na primeira tentativa, mas o erro e as falhas fazem parte do processo criativo. Aliás, com algum esforço e criatividade, até o fracasso pode ser usado a seu favor: Uma entrevista de emprego pode não render nada a curto prazo, mas quem disse que você não pode ganhar nada com isso? Estabelecer e manter contato com o profissional que o entrevistou pode abrir uma bela oportunidade no futuro. Se seus projetos para 2010 falharam, não desista. Descubra o que pode aprender e ganhar com suas experiências e siga em frente.

3) Perder antes de começar a jogar: A falta de estímulos e os fantasmas do passado costumam se unir para potencializar esse último fator. Não vendo ganhos a curto prazo, e contando experiências ruins no passado, muitas pessoas simplesmente desistem. É importante seguir em frente. Os obstáculos e derrotas passadas podem ser uma fonte de aprendizado, mas tão importante quanto aprender com eles, é preciso deixá-los para trás ao iniciar algo novo. É como o time que, por perder os últimos jogos, entra em campo pensando na derrota. Cada jogo, cada ocasião, pode ser uma oportunidade para virar a mesa.

4) Seguir em frente, sem olhar para os lados: A persistência em perseguir objetivos e seguir em frente é algo louvável, mas é preciso não se tornar escravo de objetivos fixos demais. O mundo é surpreendente, instável e complexo. Isso quer dizer que, se seu plano não deu certo da primeira vez, talvez seja hora de mudá-lo. Muitas oportunidades são desperdiçadas por pessoas que enxergam apenas um objetivo. Cansamos de ver pessoas escrevendo e reescrevendo planos de negócios, livros e até resoluções de ano novo intermináveis, sempre em busca de uma solução perfeita. Isso não existe. Escutar críticas, reconhecer fracassos e não ter pena de jogar um trabalho no lixo e começar de novo estão entre as maiores habilidades das pessoas criativas – e que você também pode aprender com algum esforço.

Lembre-se: Você encontrará obstáculos em seu caminho, mas sempre existem formas criativas de lidar com eles. Cada mudança ou pequeno sucesso, por menor que seja, contribui para melhorar sua auto-estima e posição no mundo. Aprendendo a lidar com os problemas de forma criativa, cada vez mais portas se abrirão para você.

Saiba mais sobre o livro e os autores:

Editora Atlas lança Criatividade sem segredos

Um acadêmico e um publicitário defendem a ideia de que qualquer pessoa pode ser criativa

Livro apresenta, de forma descomplicada, um programa de exercícios e dicas para melhorar o processo criativo

É natural do ser humano criar. O que faz uma pessoa ser mais criativa do que outra depende apenas de aprendizado e treino. Em outras palavras, qualquer pessoa pode ser criativa da mesma forma que qualquer um pode ser tornar um alpinista e escalar montanhas. Basta se preparar.

Nesse mais recente lançamento da Editora Atlas, Criatividade sem Segredos os autores Fábio Zugman e Michel Turtchin mergulham o leitor no sedutor mundo da criatividade que, segundo eles, não tem nada a ver com ser diferente, mas sim com trabalho sério.

De acordo com os autores, da mesma forma que é necessário treinar gradativamente o corpo para uma maratona, a capacidade de criar também depende de condicionamento. Para eles, não se vence uma maratona por acidente. É preciso treino, dedicação e vontade para ser um bom atleta; a mente funciona de forma semelhante.
Criatividade sem Segredos apresenta um programa de exercícios e dicas em que o leitor irá encontrar sugestões, técnicas e ideias para ajudá-lo a melhorar o processo criativo. O formato em tópicos proporciona uma leitura agradável e flexível permitindo que o leitor escolha de forma aleatória o assunto que mais cabe à sua necessidade, seja em um projeto ou no cotidiano.
Como se preparar para o processo criativo; mitos sobre a criatividade e como lidar com eles; o papel do erro e do planejamento, da sorte e do trabalho duro; o perigo de se achar um gênio criativo; práticas e comportamento para ter resultados mais criativos são alguns dos assuntos abordados na obra.
Fruto da parceria entre um acadêmico e um publicitário, Criatividade sem Segredos também proporciona bons momentos de reflexão ao leitor - “Ninguém nunca disse que ser criativo era fácil. Divertido, talvez. Mas o trabalho criativo não é fácil. Desistir dele que é” – para Fábio Zugman e Michel Turtchin a desistência é uma resposta comum e, em muitos casos inteligente. Segundo eles quando escolhemos seguir um caminho criativo, estamos saindo dos padrões estabelecidos. Seja na carreira, no trabalho, na arte ou onde se decidir inovar ao optar pela criatividade, está se assumindo um risco.

Criatividade sem Segredos é indicado para estudantes, educadores, profissionais que desejam se tornar mais criativos, gerentes e empreendedores que buscam estimular a criatividade em suas equipes.

Sobre os autores:

Fábio Zugman é paulistano e tem 31 anos. É professor universitário, doutorando em Administração pela FEA-USP e Mestre em Administração pela UFPR. É autor dos livros Administração para profissionais liberais (Elsevier, 2005);

Governo eletrônico: saiba tudo sobre essa revolução (Livro pronto, 2006);

O mito da criatividade (Elsevier, 2008); e coautor de Dicionário de termos de estratégia empresarial (Atlas, 2009).

Michel Turtchin é paulistano e tem 31 anos, trabalha com a criatividade todos os dias. É formado pela Escola Superior de Propaganda e Marketing (ESPM). Fundador e Chief Creative Officer da Online Performance Group, empresa reconhecida internacionalmente pela inovação.

Criatividade sem segredos

Editora: Atlas S.A.
Pág: 171
Autores: Fábio Zugman e Michel Turtchin
Preço: R$ 35,00

Fonte: Iara Filardi

Praça do Jd. Santa Maria é ampliada

No antigo terreno baldio, foi plantada grama e mudas de plantas e árvores.
A Subprefeitura de Itaquera, através da coordenadoria de Infraestrutura Urbana, vem realizando uma importante obra no Jardim Santa Maria, distrito Cidade Líder. É o prolongamento da Praça José Enio da Silveira, que já era grande e está ficando maior ainda.

A obra está sendo feito ao lado da praça já existente, onde um enorme terreno baldio que era usado como descarte irregular de lixo e entulho, está se transformando numa nova área de lazer da comunidade. A área retomada ganhou gramado, onde serão plantadas diversas espécies de árvores; quadra de esportes com mureta e alambrado; pista de caminhada; e escadaria.



 Onde existia um descarte irregular de lixo, hoje tem um gramado com plantas e árvores