Nossos Vídeos

segunda-feira, 12 de abril de 2010

Curso gratuito no PET aborda educação ambiental e sustentabilidade

A Secretaria do Verde e do Meio Ambiente e o Parque Esportivo dos Trabalhadores (PET) oferecem, gratuitamente, com a coordenação de docentes da UMAPAZ, o curso Verde em Ação.

Com o objetivo de incentivar a preservação e orientar os participantes a respeito da educação ambiental, serão apontados conceitos e ferramentas que podem ser utilizados em seu cotidiano. As alternativas serão explicadas através de interação entre atores locais e o meio ambiente.

Cada encontro contará com um assunto central. Os temas são: Educação ambiental para o desenvolvimento local; A sociedade de consumo e introdução à economia solidária; Desenvolvimento sustentável e permacultura (cultura permanente); Prática de Sustentabilidade (compostagem e coleta seletiva); Biodiversidade local e problemas ambientais. O evento contará com uma trilha ecológica e feira de troca.

O curso é voltado para jovens e adultos a partir de 16 anos. A carga horária será divida em seis encontros de 4 horas (24 horas no total). As aulas acontecerão às 3ª e 6ª feiras dos dias 16, 20, 23, 27 e 30 de abril e 04 de maio, das 9h às 13h. Serão emitidos certificados após a conclusão.

Inscrições pelo email: mgalvanese@prefeitura.sp.gov.br ou deboradiogo@prefeitura.sp.gov.br

Endereço do PET:
Rua Canuto de Abreu, s/n (antigo CERET)

FALTA DE EDUCAÇÃO DA POPULAÇÃO DIFICULTA A MELHORIA NOS BAIRROS

Antigamente, quando os pontos de ônibus eram somente compostos de pilares com uma cobertura e os ônibus demoravam uma eternidade para passar, todos ficavam sonhando com um cantinho para se encostar.
Finalmente, quando foram colocados os pontos de ônibus com coberturas e bancos, algumas pessoas fazem questão de utilizá-los assim:
Esta foto foi tirada no começo a Avenida Pires do Rio em Itaquera.
Adultos sentam-se no suporte que segura o banco, sujam e riscam os bancos com os pés. E são adultos!
Dias depois, na Avenida Águia de Haia, em frente ao Conjunto de Prédios, outro ponto de ônibus foi retirado por ter sido destruído por vândalos e a prefeitura, mandou colocar um novo ponto, dessa vez de concreto e sem bancos.

Conclusão: A falta de educação limita os moradores de terem melhorias no bairro.

Associação de Moradores da ZL - http://www.saopaulo-zonaleste.ning.com/
google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0