Nossos Vídeos

quarta-feira, 21 de abril de 2010

51% dos brasileiros nunca ouviu falar sobre o quinto tipo de câncer mais frequente no mundo

Mais comum que a leucemia, os linfomas foram responsáveis por mais de oito mortes por dia em 2004, somente no Brasil

Uma pesquisa realizada pelo Instituto DataFolha, revela que cerca de metade da população brasileira ainda não ouviu falar do quinto tipo de câncer mais freqüente no mundo, o linfoma. Quando perguntados se já ouviram falar sobre a doença, somente 49% afirmaram que sim.

A mesma pesquisa havia sido realizada em 2008 e mostrava que 66% da população nunca tinha ouvido falar de linfoma. Isso mostra um aumento de 15% no número de pessoas que agora já conhecem a doença. Além disso, aumentou também o conhecimento da população sobre os sintomas da doença. Em 2008, 89% das pessoas que sabiam o que era linfoma, não conheciam os sintomas, e na pesquisa atual esse percentual baixou para 71%.

“Além de campanhas de conscientização realizadas por associações médicas, o fato da então Ministra da Casa Civil e atual candidata à presidência, Dilma Roussef, ter sido diagnosticada com a doença foi importante para que seus sintomas tenham sido disseminados pela mídia, gerando maior conhecimento”, afirma a Dra. Adriana Scheliga, médica do Serviço de Oncologia Clínica do Instituto Nacional de Câncer.

Outro dado importante da pesquisa é que, assim como em 2008, 66% dos entrevistados acreditam que a leucemia é um câncer mais freqüente do que os linfomas. “Essa percepção é equivocada, pois muitos estudos afirmam que os linfomas são até seis vezes mais freqüentes que a leucemia”, completa a Dra. Sheliga.
Os últimos dados sobre linfomas no Brasil foram publicados pelo Instituto Nacional do Câncer, INCa, em 2004, que mostram mais de 3 mil mortes por ano, o que corresponde a uma média de oito óbitos por dia.

Apesar do aumento no conhecimento sobre a doença, o público ainda sente falta de informações gerais sobre linfoma. Em 2008, 27% das pessoas queriam saber mais sobre a doença, enquanto que na pesquisa atual esse número sobe para 32%. A maioria (23%) quer saber qual é a causa e como se desenvolve, enquanto 21% querem saber mais sobre os sintomas da doença.

Sobre Linfoma
O linfoma é um tipo de câncer que se desenvolve principalmente nos linfonodos (gânglios) do sistema linfático. O sistema linfático é um dos responsáveis pela defesa natural do organismo contra infecções.

Tradicionalmente existem dois tipos de linfomas: linfomas de Hodgkin e linfomas não-Hodgkin, que correspondem respectivamente a 20% e 80% de todos os casos diagnosticados no Brasil e no mundo.

O sintoma inicial mais comum dos linfomas é um aumento indolor dos linfonodos, principalmente no pescoço, mediastino (região localizada entre os pulmões e o coração), axilas, abdômen ou virilha. Outros sintomas podem incluir febre, suor, principalmente à noite, perda de peso e coceira.

Atualmente o tratamento que oferece a maior chance de cura para os pacientes com linfoma é a combinação de quimioterapia associada a anticorpos monoclonais. “Os anticorpos monoclonais representam um dos maiores avanços contra o câncer nos últimos anos”, completa a Dra. Scheliga.

Sobre a Pesquisa
A pesquisa foi realizada em agosto, de forma quantitativa, com abordagem telefônica e mediante aplicação de questionário estruturado. O universo pesquisado foi de homens e mulheres entre 35 e 65 anos. A abrangência foi nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Fortaleza, Brasília, Curitiba, Porto Alegre, Manaus e Belém e contemplou 907 entrevistas.

A pesquisa teve como objetivo verificar o conhecimento dos brasileiros sobre os linfomas, um dos tipos de cânceres que mais cresce no mundo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.

google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0