Nossos Vídeos

sábado, 17 de abril de 2010

Clínica de Reprodução Humana democratiza técnicas de fertilização assistida

O que parecia impossível virou realidade na Engravida: tratamentos de fertilização in vitro por R$ 6.300,00 parcelados e financiados em até 24 vezes

A Engravida, clínica especializada em reprodução humana que acaba de ser inaugurada em São Paulo, alia tratamento personalizado a uma infraestrutura completa capaz de proporcionar aos pacientes a realização de todos os procedimentos de reprodução assistida em um só lugar com custos mais acessíveis. Na Engravida, por intermédio de tecnologia de ponta associada à modernas técnicas de administração, os tratamentos de fertilização in vitro têm o custo de R$ 6.300 e assim como os demais procedimentos, podem ser parcelados e financiados em até 24 vezes.
Sob a direção da Dra. Ana Lúcia Beltrame*, a clínica investiu em tecnologias de ponta e equipamentos de última geração, sempre mantendo o atendimento como diferencial. "Os motivos que impedem um casal de ter filhos variam. Temos de investigar todos os fatores antes de optar pelo tratamento mais adequado. Além disso, neste processo é muito importante que este casal tenha um atendimento personalizado, pois estamos falando ainda da realização de um sonho, que merece atenção e cuidados especiais", comenta a especialista.
A Dra. Ana Lúcia conta que uma das premissas da Engravida é a democratização dos tratamentos, ou seja, oferecer os mais modernos procedimentos contra a infertilidade a custos mais acessíveis, adotando uma política de preços inferior à média do mercado nacional.
Planejamento é a chave do negócio
De acordo com o diretor administrativo, Flávio Sardinha, para conseguir adotar esta política de custos inferiores nos procedimentos, a Engravida foi buscar nos principais centros de referência e hospitais, técnicas de excelência na prática de reprodução assistida, associada a estratégias administrativas para oferecer o tratamento com um custo menor, com segurança, seriedade e solidez, baseado em tecnologias e inovações de ponta. "Na Engravida, todas as camadas socioeconômicas da população podem usufruir dos tratamentos disponíveis. A clínica prima pelo acesso de todos, independente de idade, estado civil ou classe econômica. Os custos dos tratamentos são 50% abaixo dos praticados no mercado, com o objetivo de que mais mulheres possam realizar o sonho de se tornarem mães", explica Flávio.
Outro ponto forte da Engravida é garantir ao paciente todas as informações e detalhes das etapas do tratamento. Segundo a Dra. Ana Lúcia, a clínica adota como prática o livre acesso do paciente ao prontuário médico, por exemplo, além de uso de sistema de identificação por código de barras no laboratório para garantir a manipulação dos embriões. "Também autorizamos a presença do médico ou do marido nos procedimentos e consultas para que o ginecologista indicado pela paciente acompanhe e participe de todos os processos", ressalta a diretora.
*Dra. Ana Lúcia Beltrame é médica graduada pela Escola Paulista de Medicina, com residência médica na Universidade de São Paulo, Mestrado em Ginecologia também pela USP e há 7 anos se dedica exclusivamente aos tratamentos de reprodução assistida.

Gagueira tem origem neurológica ou genética

Nos dias de hoje, algumas pessoas ainda acreditam que a gagueira, um dos distúrbios da fala, tem origem psicológica. Por conta disso, cientistas e pesquisadores continuam a realizar estudos para detectar a causa do problema. Segundo o Instituto Brasileiro de Fluência (IBF), o problema central da gagueira consiste em uma dificuldade do cérebro para sinalizar o término de um som ou uma sílaba e passar automaticamente para o próximo. Desta forma, a pessoa consegue iniciar a palavra, mas fica "presa" em algum som ou sílaba até que o cérebro consiga gerar o comando necessário para dar prosseguimento ao restante da palavra.
“A gagueira é um distúrbio em que acontecem quebras ou rupturas involuntárias no fluxo da fala. Ela é caracterizada por repetições de sons, sílabas, palavras, prolongamentos, bloqueios e pausas. A pessoa que gagueja sabe exatamente o que quer dizer, mas tem dificuldade na automatização e na temporalização dos movimentos da fala”, explica a fonoaudióloga do Grupo Microsom, Érica Ferraz.
Segundo a especialista, a pessoa com gagueira não possui nenhum problema na boca ou na língua, nem dificuldade para elaborar o raciocínio, mas uma disfunção no cérebro que torna difícil a percepção de quando começa e quando termina um som. “Desta forma, a gagueira não está relacionada à inteligência e também não é contagiosa”, ressalta Érica.
Além das causas neurológicas, estudos científicos também indicam que a gagueira é causada por múltiplos fatores, entre eles o genético - em que pessoas da mesma família, de diferentes gerações, carregam o gene responsável pela gagueira, que pode ou não se manifestar, dependendo da interação com os fatores sociais e psicológicos a que a pessoa é exposta. “A gagueira também pode ter como causa, fatores orgânicos, como disfunções ou lesões cerebrais”, diz a fonoaudióloga.
Para o tratamento da gagueira foi desenvolvido o SpeechEasy, um pequeno e discreto aparelho utilizado na região interna da orelha, que simula o "efeito coro" - um fenômeno natural e tema de muitas pesquisas há décadas. O “efeito coro” ocorre quando uma pessoa que gagueja fala ou lê ao mesmo tempo em que outra pessoa, reduzindo a gagueira.
O SpeechEasy, por fazer a voz do usuário alcançar o cérebro com um ligeiro atraso e com um tom diferente, fornece a sensação da pessoa estar falando ao mesmo tempo em que outro indivíduo, desencadeando o efeito coro, que reduz a gagueira. O produto favorece a fluência da fala em situações cotidianas, promovendo o bem-estar e melhor qualidade de vida ao usuário.
A tecnologia aplicada no SpeechEasy possibilita o aumento da fluência em diversas situações. No entanto, é importante ressaltar que o equipamento não é cura e sim um auxiliador no tratamento da gagueira.
Pesquisas realizadas nos Estados Unidos mostraram que 80% dos usuários se sentem satisfeitos com o uso do equipamento. Mais de 85% dos clientes apresentam como vantagens o aumento de confiança, liberdade e auto-estima, assim como a melhora nos relacionamentos sociais e profissionais.
De acordo com o IBGE, a população brasileira é de 192 milhões de pessoas. Segundo o Instituto Brasileiro de Fluência (IBF), a incidência da gagueira no Brasil é de 5%, ou seja, 9,5 milhões de brasileiros estão passando por um período de gagueira neste momento. Este número é maior do que a população da cidade do Rio de Janeiro. A prevalência da gagueira é de 1%, ou seja, 1,9 milhão de brasileiros gagueja há muitos anos de forma persistente, crônica. Este número é maior do que a população de Manaus ou Curitiba.
Novo estudo referente à gagueira
Recentemente, um novo estudo foi apresentado pelo Instituto Nacional de Surdez e outras Desordens de Comunicação (NIDCD, na sigla em inglês), um dos Institutos Nacionais de Saúde do governo norte-americano. As pesquisas, realizadas por um grupo de cientistas nos Estados Unidos, apontaram três genes como causadores da gagueira em indivíduos na Inglaterra, Paquistão e Estados Unidos. Mutações em dois desses genes haviam sido anteriormente identificadas em outros distúrbios metabólicos também envolvendo o ciclo celular.
O grupo sequenciou a região em torno deste terceiro gene e identificou mutações em um gene conhecido como GNPTAB nas pessoas que gaguejam.
Em seguida, os pesquisadores analisaram os genes de 123 outros paquistaneses que gaguejam - 46 que pertenciam às famílias examinadas inicialmente e 77 sem relação com os demais - e 96 pessoas que não sofriam com o problema.
Os cientistas encontraram indivíduos que gaguejam com a mesma mutação genética descoberta nas famílias iniciais. O trabalho foi repetido com 546 ingleses e norte-americanos, e obteve-se um resultado semelhante. Os pesquisadores descobriram a mesma mutação observada nos paquistaneses, em pessoas que gaguejam, desses dois países.
Os especialistas estimam que cerca de 9% das pessoas que sofrem de gagueira tenham mutações em um dos três genes identificados. Na sequência da pesquisa, será conduzido um estudo epidemiológico mundial para determinar melhor o percentual da população que carrega uma ou mais dessas variantes genéticas.
Sobre o Grupo Microsom
O Grupo Microsom é uma das mais conceituadas empresas de soluções auditivas e a única em tratamento da gagueira. A companhia foi fundada em 1991 e oferece soluções de bem-estar para pacientes com problemas auditivos e de gagueira.
Desde 1994, o Grupo Microsom é o distribuidor exclusivo da empresa canadense de aparelhos auditivos Unitron Connect. Com o intuito de oferecer novas e melhores soluções para o bem-estar, desde 2008, a companhia comercializa o SpeechEasy, único aparelho no mundo para tratamento da gagueira. O SpeechEasy é um discreto aparelho que promove a fluência em pessoas que gaguejam e que é adaptado a partir da necessidade individual de cada paciente.
Com a intenção de proporcionar um atendimento personalizado, o Grupo Microsom conta com profissionais altamente capacitados e oferece serviços diferenciados e especializados, em uma estrutura de primeira linha, com laboratórios equipados com os mais modernos recursos e ferramentas para confecção de moldes auriculares e aparelhos auditivos intra-aurais, além de uma ampla sala de assistência técnica, com equipamentos de última geração para avaliação, revisão e limpeza de circuitos digitais.



DESCRIMINALIZAÇÃO DA MACONHA

52% DOS ESTUDANTES SÃO CONTRÁRIOS À DESCRIMINALIZAÇÃO DA MACONHA

São Paulo, abril de 2010 - Enquete realizada pelo Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE), com 12.596 jovens de todo o País, indica a maioria (52%) é desfavorável à descriminalização da maconha. O levantamento indica ainda que 38% são favoráveis e 10% não têm opinião formada sobre o tema.







Sobre o CIEE

Fundado há 46 anos, o Centro de Integração Empresa-Escola - CIEE é uma organização não governamental (ONG), filantrópica e sem fins lucrativos, que tem como finalidade principal a inclusão profissional de jovens estudantes no mercado de trabalho, por meio de programas estágio e de aprendizagem, contando com a parceria de 250 mil empresas e órgãos públicos de todo o País. Mantido pelo empresariado, sua atuação se pauta pela legislação específica: a Lei 11.788/2008 para o estágio e a Lei 10.097/2000 para a aprendizagem.

Campanha de Prevenção ao Câncer Uterino continua com as inscrições abertas

Iniciativa da Universidade Guarulhos oferece exames e orientações gratuitas

A Clínica de Enfermagem da Universidade Guarulhos (UnG) continua com as inscrições abertas para atendimentos e orientações gratuitas sobre o câncer do colo do útero. As ações fazem parte da Campanha da Instituição sobre o tema.

As mulheres interessadas em participar da iniciativa devem fazer agendamento prévio através do telefone (11) 2464-1188. O atendimento é gratuito e acontece nos períodos da manhã, tarde e no ite. Não é necessário ter pedido médico ou mesmo encaminhamento de outro serviço. Entretanto, é imprescindível seguir as seguintes recomendações para o exame de papanicolaou:

• não pode estar menstruada. Preferencialmente aguardar o 5.° dia após o término da menstruação;
• não poderá usar creme vaginal nem se submeter a exames intravaginais (ultrassonografia) nos dias que antecedem ao exame;
• estar em abstinência sexual de 48 horas.

A detecção da doença em fase precoce aumenta as chances de cura e sobrevivência da paciente. Segundo o INCA, o exame de papanicolaou, quando feito com freqüência, pode reduzir em até 80% a mortalidade, especialmente em mulheres na faixa etária de 25 a 65 anos.

Clínica de Enfermagem
Prédio I da Unidade Guarulhos-Centro – Praça Tereza Cristina, 01, Centro, Guarulhos

CATs oferecem 425 vagas para atendente de balcão

Os CATs- Centros de Apoio ao Trabalho, da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e do Trabalho iniciam na próxima semana, processo seletivo para 425 oportunidades para atendentes de balcão de padarias, docerias e rotisserie. Os salários oferecidos variam de R$ 510 a R$ 700, conforme o estabelecimento contratante. O processo seletivo acontece a partir das 7h, nas unidades do CATs e segue até o preenchimento das vagas.

Para participar do processo seletivo é necessária experiência mínima de seis meses, ensino médio completo, noções de informática e disponibilidade de horário.

Os interessados em uma das oportunidades podem procurar a unidade de atendimento do CAT, mais próxima de sua casa, com Carteira de Trabalho, RG e CPF.


- Zona Sul Interlagos
Av. Interlagos, 6.122.
Horário de atendimento das 7h às 18h.

*CAT Avançado -Zona Sul / Jabaquara
Av. Engenheiro Armando de Arruda Pereira, 2314
Horário de atendimento das 8h às 17h.


- Zona Leste / Itaquera
Rua Gregório Ramalho, 12.
Horário de atendimento das 7h às 18h.


*CAT Avançado -Zona - Zona Leste / Itaim Paulista
Av. Marechal Tito, 3012
Horário de atendimento das 8h às 17h

- Zona Oeste / Lapa
Rua Monteiro de Melo, 342
Horário de atendimento das 7h às 18h.

- Zona Norte / Santana
Rua Voluntários da Pátria, 1553.
Horário de atendimento das 7h às 18h.

*CAT Avançado Casa Verde
Av. Ordem e Progresso, nº 1001
Horário de atendimento das 8h às 17h.

-Zona Central / Luz
Av. Prestes Maia, 913.
Horário de atendimento das 7h às 18h

NOVO ESTÁDIO DO MORUMBI

COPA 2014: Comitê Paulista entrega a FIFA projeto reformulado do Morumbi

Novo plano soluciona problemas e atende às exigências da entidade

O Comitê Executivo Paulista para a Copa do Mundo de 2014 enviou nesta quinta-feira (15) para a FIFA uma nova revisão do projeto do Estádio do Morumbi. O plano, idealizado pela GMP - empresa alemã especialista em estádios contratada pelo São Paulo Futebol Clube - atende a todas as exigências técnicas apontadas pela entidade e visa resolver as necessidades para abrigar jogos importantes, como semifinais e a abertura. As revisões do projeto do Morumbi, assim como dos estádios das outras sedes, vêm acontecendo desde a escolha das 12 cidades, em maio do ano passado.

O novo projeto inclui várias mudanças com relação ao anteriormente enviado. "Acreditamos que o projeto atual esteja bem completo, qualificando tecnicamente o estádio para a abertura, que deve ser definida pela FIFA apenas em dezembro", afirma Caio Luiz de Carvalho, presidente da São Paulo Turismo (SPTuris) e coordenador do Comitê Paulista.

Entre as principais novidades estão:

- a requalificação dos anéis intermediário e inferior, com eliminação total dos chamados "pontos-cegos" e o consequente avanço das arquibancadas, que ficarão mais próximas ao gramado;
- o rebaixamento do campo em três metros, que também ajuda a melhorar a visibilidade e foi possibilitado graças à previsão de canalização do córrego do Antonico juntamente à construção de três piscinões que resolverão os problemas de alagamentos de toda a região - um grande ganho para os moradores;
- e o acréscimo de 82 novos camarotes.

"Esse é um processo dinâmico e aconteceu em todas as Copas do Mundo. Faz parte do procedimento a constante alteração do plano conforme as análises feitas pela FIFA e os relatórios que apontam o que deve ser melhorado", explica Ralf Amann, da GMP, que também foi responsável por projetos de estádios para a Copa da Alemanha. Segundo ele, no total, o Morumbi ficará com 67.450 assentos, sendo 60 mil pagos e o restante para imprensa e parceiros.

O projeto ainda prevê um túnel técnico subterrâneo para ser usado pela imprensa para o cabeamento da TV Compound até o estádio. A estrutura destinada às unidades móveis das emissoras estará localizada no piso superior da nova Praça Roberto Gomes Pedrosa, ao lado da área destinada ao Comercial Display (área funcional exigida pela FIFA para comercialização de produtos oficiais e ações dos patrocinadores). A nova formatação do entorno também inclui, além de praça com mais de 20 mil m², uma estação do monotrilho (parte do projeto da nova Linha 17 - Ouro da CPTM), que ficará a poucos metros do estádio, cuja operação especial durante a Copa está sendo estudada pelo Metrô e CET para diminuir a demanda de estacionamento destinado à imprensa e freqüentadores das vilas de hospitalidade da FIFA.

Ainda não há um prazo para a resposta da FIFA, mas os relatórios com as análises dos projetos anteriores foram enviados em menos de um mês. "Vamos aguardar, mas a expectativa é muito positiva", completou Caio Carvalho.

Prefeitura entrega certificado de qualidade a instituições que realizam partos em São Paulo

Prefeitura entrega certificado de qualidade a instituições que realizam partos em São Paulo


Na manhã de ontem, o prefeito de São Paulo participou do evento que premiou pela primeira vez hospitais a maternidades com o Selo do Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos (Sinasc). Lançado em 2008 pela Secretaria Municipal da Saúde, o selo reconhece a qualidade de instituições que realizam partos e preenchem de forma eficaz a Declaração de Nascido Vivo (DN), importante fonte de dados para a Secretaria da Saúde. Ao todo, 56 unidades de saúde da Capital, entre públicas e privadas, foram certificadas com o selo.
Durante o evento, o prefeito ressaltou a importância da iniciativa e anunciou aumento nos investimentos na área da saúde municipal: "A Prefeitura tem alcançado ótimos resultados na área da saúde e o Selo Sinasc é mais uma forma de incentivar as instituições a manterem a qualidade do serviço público prestado à população. A iniciativa é referência na área da saúde do recém-nascido e os resultados positivos fazem a Administração batalhar para ampliar cada vez mais os investimentos. Para 2011 serão disponibilizados R$ 4 bilhões para a Saúde".
Gerenciar com qualidade o Sistema de Informação sobre Nascidos Vivos (Sinasc) em uma cidade de aproximadamente 200 mil nascimentos/ano. Esse é o desafio dos hospitais e maternidades de São Paulo que almejam o Selo Sinasc. A certificação visa premiar as instituições que alcançaram as metas nos três critérios de análise: cobertura, qualidade dos dados coletados e controle do uso dos formulários.
A seleção baseou-se nas informações colhidas em 2009 e na avaliação dos tópicos da Declaração de Nascido Vivo (DN), documento que faz parte do Sinasc e reúne dados da gestação, do parto, além do peso do bebê e presença de anomalias congênitas, entre outros.
Em São Paulo, a Declaração de Nascido Vivo (DN) é preenchida nas unidades de saúde por profissionais de enfermagem ou dos setores administrativos, que recebem treinamento específico. Além de ser documento obrigatório em todo o país, o preenchimento adequado e completo da DN auxilia a Secretaria de Saúde a aprimorar e avaliar seus serviços, planejar novas ações e organizar políticas públicas relacionadas à saúde da mulher e da criança.
A premiação será realizada anualmente e divide os premiados em duas categorias: Selo Ouro e Selo Prata. O parâmetro ouro é destinado às instituições que alcançarem a marca de 100% de emissão de DN no sistema. Já o parâmetro prata é dirigido às unidades de saúde que emitirem 95%.


Relação das instituições certificadas com o Selo Sinasc 2009

Casa do Parto de Sapopemba ouro
Hosp Mun Mat Esc de Vila Nova Cachoeirinha - Mario de Moraes Altenfelder Silva ouro
Hospital Albert Einstein ouro
Hospital da Santa Casa de Santo Amaro ouro
Hospital de Clínicas Jardim Helena ouro
Hospital de Sapopemba ouro
Hospital e Maternidade Leonor Mendes de Barros ouro
Hospital e Maternidade Santa Maria Cruz Azul ouro
Hospital Geral de São Mateus ouro
Hospital Geral Santa Marcelina de Itaim Paulista ouro
Hospital Maternidade Amparo Maternal ouro
Hospital Maternidade Interlagos ouro
Hospital Maternidade São Leopoldo ouro
Hospital Municipal Jardim Sarah - Mário Degni ouro
Hospital Municipal Campo Limpo - Fernando Mauro Pires da Rocha ouro
Hospital Municipal de Pirituba - José Soares Hungria ouro
Hospital Municipal Ermelino Matarazzo - Alípio Correa Netto ouro
Hospital Municipal M Boi Mirim - Moyses Deutsch ouro
Hospital Municipal Vereador José Storopolli ouro
Hospital Nipo Brasileiro ouro
Hospital Santa Catarina ouro
Hospital Santa Helena ouro
Hospital Santa Marcelina ouro
Hospital São Joaquim Beneficência Portuguesa ouro
Hospital São Luiz Gonzaga ouro
Hospital Vila Mariana ouro
Master Clin ouro
Hospital Geral de Vila Penteado - Dr José Pangella ouro
Hospital Maternidade São Cristovão ouro
Hospital Bosque da Saúde prata
Hospital Samaritano prata
Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo prata
Hospital do Sepaco prata
Hospital do Servidor Público Municipal - HSPM prata
Hospital e Maternidade 8 de Maio prata
Hospital Estadual de Vila Alpina prata
Hospital Geral de Pedreira prata
Hospital Geral do Grajaú - Prof Liberato John Alphonse Di Dio prata
Hospital Geral Jesus Teixeira da Costa - Guaianases prata
Hospital Kátia de Souza Rodrigues - Taipas prata
Hospital Maternidade São Camilo - Santana prata
Hospital Maternidade Vidas prata
Hospital Metropolitano prata
Hospital Municipal Cidade Tiradentes - Carmen Prudente prata
Hospital Municipal do Tatuapé - Carmino Caricchio prata
Hospital Municipal Dr Ignácio Proença de Gouvea prata
Hospital Municipal Planalto - Waldomiro de Paula prata
Hospital Municipal Tide Setubal prata
Hospital Regional Sul prata
Hospital San Paolo - Santana prata
Hospital São Luiz - Anália Franco prata
Hospital São Paulo - Hospital de Ensino da Universidade Federal de São Paulo prata
Hospital Universitário da USP prata
Santa Casa de São Paulo prata
Hospital e Maternidade Santa Marina prata
Hospital e Maternidade Nossa Senhora do Rosário prata

Nube abre vaga para Analista de RH em São Paulo

Profissional atuará com aplicação de treinamentos para clientes externos. O prazo para enviar o currículo é até 30 de abril

O Nube - Núcleo Brasileiro de Estágios está com uma vaga aberta para jovens formados em Psicologia, Administração com ênfase em RH e Pedagogia. Conhecimentos em desenvolvimento, aplicação de treinamentos comportamentais e formatação de material didático são um diferencial.

O local de trabalho será no Centro de São Paulo, próximo ao Metrô República. O aprovado desenvolverá, a princípio, treinamentos para os clientes internos de acordo com programação dos departamentos. Depois desse período, atuará com integração e desenvolvimento de competências, realizará entrevistas de desligamento, ministrará treinamentos comportamentais e criará novos cursos, de acordo com as necessidades das áreas.

Completam o perfil do profissional excelente comunicação oral e escrita, criatividade, foco no resultado, bom humor e flexibilidade. O candidato também deve ter veículo próprio, domínio dos recursos do pacote Office e demais aplicativos. Pós-graduação em áreas afins será bem-vinda.

A carga horária será de 8 horas diárias, das 9h às 18h. Os benefícios oferecidos pela empresa são:

- Salário de R$ 2.300,00 a R$ 2.400,00 por mês (o valor varia de acordo com o desempenho);

- Vale refeição: R$ 10,00 ao dia;

- Vale transporte de até R$ 8,00 por dia;

- Assistência médica com co-participação;

- Reembolso das despesas nas visitas aos clientes.

Para concorrer à oportunidade o candidato deverá encaminhar o currículo (no máximo duas páginas) para o e-mail rh@nube.com.br com o assunto "Nube - Treinamento" até o dia 30 de abril, sexta-feira.

Somente enviar currículos correspondentes ao perfil solicitado.

Sobre o Nube
Há 11 anos no mercado, o Nube é um agente de integração responsável pelo processo de estágio desde o cadastramento do estudante até a sua efetivação pela empresa. Também administra toda a parte legal e realiza o acompanhamento do estagiário por meio de relatórios de atividades semestrais. Possui 5 mil empresas clientes, 8,5 mil instituições de ensino conveniadas em todo o país e já colocou mais de 220 mil estagiários no mercado de trabalho. Anualmente, são realizadas 6 milhões de ligações, enviados 1,2 milhão de SMS e 360 mil encaminhamentos de candidatos. O banco de dados conta com 2 milhões de estudantes cadastrados, que podem concorrer às milhares de oportunidades de estágio oferecidas mensalmente. O cadastro é GRATUITO e pode ser feito no site www.nube.com.br
Acompanhe nossas vagas e novidades em http://twitter.com/nubeestagios

Cidade Tiradentes comemora 26 anos com várias atividades

Para homenagear Cidade Tiradentes em seu 26º aniversário, a Subprefeitura Cidade Tiradentes, a Coordenadoria Regional de Educação de Guaianases e Cidade Tiradentes e as Organizações Sociais do distrito, promoverão, entre 17 e 25 de abril, várias atividades comemorativas, incluindo show musical, desfile cívico, amistoso de futebol de campo, entre outras atrações.
Situada a 35 quilômetros do marco zero da capital paulista, no extremo leste de São Paulo, o distrito de Cidade Tiradentes é considerado o maior complexo habitacional da América Latina, abrigando cerca de 40 mil unidades habitacionais.
A história da formação do distrito começa no fim da década de 1970, quando o poder público iniciou o processo de aquisição de uma gleba de terras situada na região conhecida como Fazenda Santa Etelvina, então formada por eucaliptos e trechos da Mata Atlântica. A partir dos anos 80, prédios residenciais passaram a ser construídos pela Companhia Metropolitana de Habitação de São Paulo (Cohab), Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do Estado de São Paulo (CDHU) e por grandes empreiteiras, dando origem a Cidade Tiradentes.
O bairro foi planejado como um grande conjunto periférico e do tipo "bairro dormitório", passando a ser habitado por enormes contingentes de famílias que aguardavam na "fila" da casa própria de companhias habitacionais.
Além da vastidão de conjuntos habitacionais, que passaram a predominar na região, Cidade Tiradentes possui uma população estimada em 254 mil habitantes, segundo o último Censo, que estão, de certa forma, separados por dois níveis de pobreza: existem 71 equipamentos na cidade formal e três na informal; a renda média do chefe de família varia de R$ 500 a R$ 1.200 na cidade formal e de R$ 200 a 500 na informal; o analfabetismo vai de 0 a 10% na cidade formal, enquanto na informal fica entre 10 e 20%.
A Prefeitura realizou uma série de ações para mudar o perfil de Cidade Tiradentes. Dentre as melhorias, destacam-se a entrega do Hospital Cidade Tiradentes, do CEU Água Azul, calçadas, Ecoponto, praça de lazer, praça de eventos Carolina de Jesus, decretação do Parque da Ciência e Parque da Consciência Negra. Na área de lazer e cultura estão em funcionamento quatro Pontos de Leitura (Clubes JK e André Vital, Parque do Rodeio e Casa da Fazenda), Festivais de Música Canta Cidade Tiradentes, Festival Gospel, Trânsito Livre de Dança, Tiradentes Models 2008, Funk Festival 2008, Concurso de Cabeleireiros, etc.

Programação
Entre as atrações programadas destacam-se a inauguração da praça Pastor Antonio Jacinto, espaço de lazer oferecido a população e que abrigará várias modalidades de eventos; desfile militar e cívico com o tema "Tiradentes, um cidadão brasileiro"; jogo amistoso da seleção brasileira de masters versus seleção de master Cidade Tiradentes; show promovido pela Rádio Tropical FM - com vários artistas renomados da MPB e artistas da região; lançamento da grife Cohab Wear, com jovens da Estação da Juventude - Cidade Tiradentes; e Circuito de Rua, no Parque do Rodeio.

Prefeitura inicia o maior processo de regularização da história de SP

A Secretaria Municipal de Habitação, por meio de parceria com a Companhia Metropolitana de Habitação (Cohab), deu partida, no mês passado, no processo da maior regularização fundiária da história da Cidade, com mais de 35.800 unidades em 314 empreendimentos, contabilizados a partir de levantamento realizado pela Sehab, que listou os empreendimentos em condição irregular financiados pelo antigo Fundo de Atendimento à População Moradora em Habitação Subnormal (Funaps).
O Funaps é um fundo criado em 1979, para a melhoria das condições habitacionais da população com renda de até 5 salários mínimos, ou mediante melhorias dos imóveis em favela ou a construção de novas unidades. Em 1994, foi substituído pelo Fundo Municipal de Habitação (FMH), criado pela Lei nº 11.632/94, que está em vigor até hoje. Na época, a regularização fundiária contava com uma legislação bastante restrita, quadro este revertido com o advento do Estatuto da Cidade pela lei 10.257, de 10 de julho de 2001.
A iniciativa atuará em imóveis que há mais de 30 anos encontram-se irregulares, em terrenos da Cohab, em áreas públicas e em áreas em nome de associação de moradores. Compreende os empreendimentos construídos por mutirões, empreiteiras e autoconstrução. Todos imóveis serão analisados, porém, em um primeiro momento, as áreas públicas receberão atenção especial, segundo Márcia Terlizzi, membro do grupo de trabalho que analisará as obras que poderão ser regularizadas.
Ao todo, 165 empreendimentos se encontram em áreas públicas, o que representa mais de 50% de todas as moradias envolvidas no projeto. Para a regularização dessas áreas, os procedimentos serão bastante complexos, e compreendem estudo fundiário, levantamento planimétrico da área, regularização fundiária e registro em cartório.
Após a regularização e a quitação do financiamento firmado entre os mutuários e o Funaps, os moradores poderão receber os títulos de concessão ou a escritura dos imóveis, conforme o caso. "O processo é bastante complexo e não é possível afirmar quando será finalizado, mas já foi iniciado e acredito que estamos no caminho certo", diz Márcia.

PROGRAMAÇÃO SESC ITAQUERA > ABRIL/2010

TEATRO
espetáculos

ROUBARAM O BRANCO DO MUNDO!
Direção: Carla Tito. Com a Cia. Burucutu. Na história, Constância nasce tão branquinha que ilumina todos ao redor. Dois atrapalhados vendedores de balões saem em busca da cor perdida. 45 min. Praça de Eventos.
25/04. Domingo, às 13h.

MÚSICA
shows
TODOS OS SONS
Difusão de todos os gêneros da cultura musical.

Trio Chorando a Tempo
Com Zé Barbeiro (violão de 7 cordas), Alexandre Ribeiro (clarinete e clarone), Rodrigo Y Castro (flautas). O grupo surgiu em 2000 nas casuais rodas de choro de São Paulo. A partir de ideias em comum, ousaram experimentar uma formação diferenciada, em que possível fosse explorar seus instrumentos de maneira espontânea, sem preocupação com formas e sonoridades tradicionais do gênero. A ausência de instrumentos de percussão e cavaquinho de acompanhamento - fundamentais na formação clássica dos regionais de choro - não traz prejuízo ao trio. Ao contrário, resulta em nova textura sonora, na qual linhas melódicas e harmônicas são mais valorizadas. Café Aricanduva.
21/04. Quarta, às 15h.

Cara de Choro
Com Paulo Calarezzo (violão elétrico) e Marcelo Rodrigues (gaita). O duo apresenta no repertório de sonoridade ímpar, os clássicos do Choro. Café Aricanduva.
25/04. Domingo, às 15h.

DANÇA
espetáculos
CORPO DEPOIMENTO
Espetáculos, diálogos e experimentos com foco na dança como forma de linguagem.

Interlúdio
Direção e coreografia: Jorge Garcia. Com J.Gar.Cia de Dança Contemporânea. Quatro mulheres se deparam com o público; são personagens que buscam a amplificação de suas próprias características para então, absorverem estímulos e utilizarem-se da gestualidade oriunda do clow e da dança contemporânea para externar um universo de humor debochado, sarcástico e dinâmico. 45min. Sede Social.
24/04. Sábado, às 13h.

SERVIÇO: SESC Itaquera
Endereço: Av. Fernando do E.S. Alves de Mattos, 1000.
Entrada: R$ 1,50 a R$ 7,00 (acesso à unidade de Quarta a Domingo)
Estacionamento: R$ 7,00
Informações: 11 2523-9200
ou acesse: www.sescsp.org.br/sescitaquera

Kassab visita estande da Prefeitura em feira internacional de reabilitação

O prefeito Gilberto Kassab visitou neste sábado (17) a Feira Internacional de Tecnologias em Reabilitação, Inclusão e Acessibilidade (Reatech), no Centro de Exposição Imigrantes, Zona Sul. Em sua nona edição, o evento conta com mais de 230 expositores que apresentam os mais diversos produtos criados e adaptados para as pessoas com deficiência. O evento, considerado o segundo maior do gênero da América Latina, visa disponibilizar mais de 6 mil vagas de empregos para esse público.

"A Reatech representa a oportunidade de conhecermos os avanços da tecnologia e dos programas de acessibilidade em nosso País. A cada ano, as políticas públicas progridem em nosso país. E, na Prefeitura de São Paulo, temos feito um esforço para atendermos essa demanda, mostrando que a nossa capital caminha para ser uma das cidades com maior acessibilidade do mundo", disse Kassab.

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal da Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida (SMPED), participa da feira e tem um estande no local, onde estão expostos diversos projetos destinados a esse público, como a Central de Libras, Intérpretes e Guias-Intérpretes (CELIG).

O sistema inédito de comunicação permite às pessoas com deficiência de audição obterem informações sobre os serviços públicos municipais, utilizando computador e webcam, acessando uma central onde intérpretes de Libras transmitem as informações disponíveis pelo serviço 156. O projeto piloto opera atualmente em três pontos. A expectativa é atingir 56 locais na Cidade ainda este ano. A Prefeitura também tem ações de acessibilidade e mobilidade urbana. Na Cidade de São Paulo, há 4 mil ônibus e 30 táxis adaptados, além de calçadas adequadas.

Segundo estudos do setor, no Brasil, aproximadamente 15% da população possui alguma deficiência e cerca de 500 pessoas todos os dias adquirem algum tipo de deficiência. Nesse cenário, o setor de produtos e serviços para reabilitação movimenta cerca de R$ 1,5 bilhão no País, sendo R$ 200 milhões em vendas de cadeiras de rodas e mais de R$ 800 milhões em automóveis e adaptações para veículos.

NBR ISO 10015 - Diretrizes para Treinamentos

Corporativa Brasil realiza, no dia 24 de Abril, em São Paulo, a 3ª Edição do Treinamento NBR ISO 10015.

O treinamento tem como objetivo fornecer aos participantes diretrizes para implementar programas e treinamentos eficazes de acordo com a norma ISO 10015, contribuindo para que os mesmos sejam um investimento e não uma despesa para a organização.

Prof. Márcio A. Silva, business consultant training da Corporativa Brasil, com todo o seu dinamismo, didática e interatividade com os participantes discorrerá sobre assuntos como: Diretrizes para treinamento, Definição das Necessidades de Treinamento, Projeto e planejamento do treinamento, Avaliação dos resultados do treinamento, Responsáveis pela implementação da norma ISO 10015, Avaliação do Retorno do Investimento – ROI, Indicadores para avaliar resultados de treinamento, entre outros.

“Gostei muito do curso no sábado. Para mim não foi nem um pouco cansativo, pois tudo era novo e muito interessante. Será muito útil no meu trabalho”, comenta Neila de Faria Ribeiro Campacci da Portugal Telecom Inovação Brasil.

Público-Alvo: Gerentes de RH, Coordenadores e Analistas de Treinamento, Instrutores, Facilitadores, Supervisores, Líderes, Empresários, Estudantes e outros que tenham interesse na gestão de pessoas terão acesso a instrumentos eficazes para avaliar resultados do treinamento e o retorno do investimento.

Data: 24 de Abril
Horário: das 08:30h às 17:30h
Local: Comfort Suites Oscar Freire, Atlantica Hotels International - Rua Oscar Freire,1948
Pinheiros -São Paulo/SP
Informações: http://www.corporativabrasil.com.br/cursos_abertos_3.html
Inscrições: http://www.corporativabrasil.com.br/page_13.html
Contato: (11) 3081-1156, ou através do e-mail contato@corporativabrasil.com.br

500 VAGAS NA FUNDAÇÃO BIENAL

O Centro de Integração Empresa-Escola (CIEE) recebe, até a próxima terça-feira, 20, currículos de estudantes interessados em estagiar na 29ª Bienal de São Paulo. O processo seletivo é composto por duas etapas. Inicialmente, serão selecionados 500 estudantes das áreas de Artes Visuais, Arquitetura, Design, Letras, História, Geografia, Filosofia, Ciências Sociais e Pedagogia.

Os jovens serão contratados como estagiários e receberão bolsa-auxílio de R$ 20 por dia para custear transporte e alimentação durante dois meses, quando participarão de um curso que os capacitará a atuar como educadores de visitas orientadas na 29ª Bienal. Com carga horária de 140 horas, o treinamento será realizado em parceria com 24 instituições culturais de São Paulo, em duas turmas, das 9 às 13 horas e das 14 às 18 horas, no período de 30 de abril a 23 de junho.

Ao término, dos 500 capacitados, 300 serão selecionados para permanecer no programa, recevendo bolsa-auxílio e demais benefícios previstos na Lei do Estágio até o final do contrato, em dezembro de 2010.

Interessados devem enviar e-mail com currículo para vagaseducativo@fbsp.org.br, indicando a preferência de período para a realização do curso (manhã ou tarde). Mais informações pelo telefone (11) 5576.7611, com Guga.

Sobre o CIEE

Fundado há 46 anos, o Centro de Integração Empresa-Escola - CIEE é uma organização não governamental (ONG), filantrópica e sem fins lucrativos, que tem como finalidade principal a inclusão profissional de jovens estudantes no mercado de trabalho, por meio de programas estágio e de aprendizagem, contando com a parceria de 250 mil empresas e órgãos públicos de todo o País. Mantido pelo empresariado, sua atuação se pauta pela legislação específica: a Lei 11.788/2008 para o estágio e a Lei 10.097/2000 para a aprendizagem.
google.com, pub-9993468695929690, DIRECT, f08c47fec0942fa0