Nossos Vídeos

sábado, 16 de janeiro de 2010

Poluição do ar pode causar infertilidade masculina

Pessoas que trabalham em grandes vias públicas têm esperma de qualidade inferior até mesmo que homens inférteis


Os futuros papais têm de repensar o estilo de vida se quiserem garantir a perpetuação familiar, principalmente se morarem em cidades grandes. Segundo estudo do urologista Jorge Hallak, coordenador da Unidade de Toxicologia Reprodutiva e de Andrologia do Hospital das Clinicas da FMUSP, ligada à Secretaria de Estado da Saúde, a poluição é uma das causas modernas de infertilidade masculina. O levantamento foi feito com 748 trabalhadores que inalaram o ar de grandes vias públicas, como motoristas de ônibus e táxi, e o resultado foi surpreendente: “Aqueles que respiram muita poluição têm uma maior concentração de radicais livres no sangue, o que causa um esperma de qualidade inferior até mesmo ao de homens inférteis”, relata o especialista. Os números mostram que dos 748 pesquisados, 500 apresentaram algum tipo de alteração na fertilidade.

A explicação está no combustível que os automóveis brasileiros usam. “Existe uma grande quantidade de metais pesados na gasolina nacional, o que afeta diretamente o organismo”, ressalta o urologista. Segundo Hallak, a solução em curto prazo é paliativa: “uso de máscaras com filtros já evitaria boa parte do problema”, garante.

Hoje, 15% da população masculina mundial é infértil, taxa maior que a infertilidade feminina. Além da poluição outros fatores podem causar a deficiência, entre eles o estresse, tabagismo, obesidade, sedentarismo e uso de anabolizantes.

A boa noticia é que dois terços dos casos de infertilidade masculina podem ser revertidos se forem bem diagnosticados e tratados. “Os homens têm de perder a cultura machista que se instalou no país e frequentar o urologista assim como as mulheres procuram seus ginecologistas”, aconselha o médico, que ainda completa: “os tratamentos são simples e rápidos, mas é preciso que os hábitos ruins fiquem no passado”, finaliza.
*
*
*
PUBLICIDADE:
Preço e estoque por tempo limitado


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Aqui você poderá fazer suas denúncias e comentários.
Se você recebeu algum comentário indevido. Utilize-se deste canal para sua defesa.
Não excluiremos os comentários aqui relacionados.
Não serão aceitos comentários com palavras de baixo calão ou denúncias infundadas. Aponte provas caso queira efetuar suas denúncias, caso contrário, seu comentário será removido.